Quando o estudo não rende

Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Quando o estudo não rende

Mensagem por André "Odé" em Dom Fev 06, 2011 4:39 pm

Fala, pessoa! Vim aqui dividir uma frustração minha. Estudo contrabaixo acústico há 3 anos e usado o 'Creative bass Technique' do henry portnoi. Nesse período todo sempre procurei conciliar o estudo do arco com a múica popular e para isso também usei bastante o Charlie Parker OMnibook em clave de fá. Entretanto, tenho notado que minha afinação e técnica de arco se reduz aos temas que estudava durante duas ou três semanas e que, embora eu consiga tocar donna lee muito bem afinado com o arco, alguns temas que exigem menos técnica eu apanho pra burro. Sem contar que não avancei quase nada no Método do Henry Portnoi.
Isso tem em deixado encucado e sem vontade de estudar nada no contrabaixo acústico. Gostaria de saber dos amigos se já passaram por isso e se acharam uma solução (milagrosa) para ter aquele vontade de estudar e apresentar um bom rendimento.

Abraços
André
André "Odé"
Membro

Mensagens : 243
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por Voila Marques em Dom Fev 06, 2011 7:11 pm

André,

Gostaria de escrever um pouco sobre o que vc está passando, mas vamos por partes...

Vc está estudando sozinho ou com professor(a)?

É vc quem está se sentindo desafinado ou vc já ouviu isso de alguém?

Você está fazendo ou fez algum método de arco?
Alguns têem 150 variantes de um mesmo estudo (notas articuladas, ligadas, etc). São um exercício de paciência necessário.
Aqui vão alguns nomes:

Klaus Trumpf- Bowing Technique for The Double Bass
Sevcik (George Vance)- School of Bowing Techniques
Kurt Bruno Moechel - Zwecketüden Double Bass

Aqui tem uma pequena lista de dvds sobre técnica de arco, ä venda na Lemur Music:

http://www.lemurmusic.com/DVDs-for-Arco-Methods/products/379/

Para afinação, sugiro métodos de escalas. São chatinhos de fazer, mas funcionam...

Essa sensação de desafinação ou de problemas com o arco, ou mesmo de que estamos empacados no instrumento é normal e penso que quase todo contrabaixista já deve ter passado por isso alguma vez na vida.

O importante agora é pensar que é hora de sair fortalecido dessa crise.

Já que vc toca bem Donna Lee, vc poderia começar com variantes em cima dessa música.
Tocar tudo sempre igual não ajuda muito quando se está com problemas.

Mudar as articulações (notas ligadas e articuladas), por exemplo, mudar o local do arco (arco todo, meio do arco ou ponta, metade do arco, um terço, etc) ou mudar de tonalidade ou mudar o ritmo são pequenas "transgressões" que ajudarão vc a encarar a música de outra forma, com variantes de técnica e pitadas de criatividade.

Assim, o estudo fica menos monótono e vc pode depois intercalar a música com os métodos de escala e de arco.

Conforme vc vá se sentindo melhor, acrescente sempre uma música entre os métodos, para que você possa dar asas ä sua liberdade de ser um contrabaixista feliz...

Boa sorte!
Voila Marques
Voila Marques
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 3060
Localização : Rio de Janeiro

http://www.voilamarques.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por André "Odé" em Dom Fev 06, 2011 7:20 pm

Olá, Voila. Obrigado pela atenção. Estudo sim com professor mas usamos arcos diferentes. Eu uso o arco francês e nunca peguei um método específico de arco (Nem sabia que existia e vou procurare esse do rabath pra me ajudar). O meu maior problema, Voila, é que nesse final de ano me preparei para provas de contrabaixo elétrico em tatui, e decidi focar somente no baixo elétrico mesmo. Quando fui voltar pro acústico, que tristeza. parece que tudo que consegui avançar o ano inteiro tinha desfeito com o vento. Sei bem que o contrabaixo acústico não é um instrumento que vou conseguir tocar mesmo depois de um m~es, mas faz duas semanas que eu tento ao menos recuperar tudo que já tinha desenvolvido e nada. Bem frustrante, mas continuarei na luta pra dominar esse gigante. Obrigado pelo toques, voila!!!
André
André "Odé"
Membro

Mensagens : 243
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por Voila Marques em Dom Fev 06, 2011 7:43 pm

De nada, André. Espero que isso te ajude.

Nào quero dar pitaco na sua vida contrabaixística, mas penso que professor com arco diferente do aluno funciona bem melhor ou quando o professor sabe tocar com os dois tipos de arco ou quando o aluno já está mais adiantado, porque aí a técnica passa a ter um enfoque mais musical do que aquele iniciozão de dedo para cá, dedo para lá, emissão de som assim ou assado, etc.

Os dois arcos se utilizam de técnicas bem distintas.
A Música está acima dessas diferenças mas, infelizmente, a técnica inicial (pressão, velocidade, ponto de contato, emissão do som, volume, timbre, etc) dos arcos é anterior ä performance musical.

Sim, recomeçar é uma droga, mas não deixe de acreditar em você mesmo, ok?

Se vc precisou parar ou interromper os seus estudos foi por uma causa nobre, certo?

Agora, a sua causa nobre é recomeçar os estudos e assumir todas as consequências da pausa no instrumento como algo temporário, já que os problemas serão superados aos poucos.

Força, menino!!


Voila Marques
Voila Marques
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 3060
Localização : Rio de Janeiro

http://www.voilamarques.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por Fernando Zadá em Seg Fev 07, 2011 11:09 am

O gigante é fogo não permite essas sumidas. Eu tenho tocado ele muito pouco e sinto que só quando embalo uns dias estudando é que ele volta a parecer mais confortável. Tem dias que ele fica risco mesmo!
Fernando Zadá
Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10982

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por wellrod em Seg Fev 07, 2011 11:15 am

É um instrumento mto exigente... tanto fisicamente quanto "espiritualmente"... tem q estar inspirado, com vontade de tocar, empolgado...

também demoro a tocar no meu gigante... e quando volto, tem um tempo para um "aquecimento"... as notas não soam legais, a dor, o desconforto vão surgindo...

até q chega um momento q parece q vc entra no clima novamente...

sugestão: Não Desanime!!!
wellrod
wellrod
Membro

Mensagens : 2107
Localização : Rio de Janeiro

http://www.myspace.com/wellmusicrio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por Claudio em Seg Fev 07, 2011 12:30 pm

Sei que muitos vão cair matando no meu comentário, mas a minha sugestão é: Pare de tocar baixo elétrico e dedique-se exclusivamente aos estudos do Acústico. Essa é a melhor forma que você tem para evoluir no instrumento. Se você tem em mente que o Acústico será seu principal instrumento, então é necessário tomar essa medida, pelo menos até que a situação já esteja dominada!

Claudio
Claudio
Membro

Mensagens : 15182
Localização : Rio de Janeiro - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por wellrod em Seg Fev 07, 2011 1:21 pm

De acordo!!!
wellrod
wellrod
Membro

Mensagens : 2107
Localização : Rio de Janeiro

http://www.myspace.com/wellmusicrio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por André "Odé" em Seg Fev 07, 2011 1:22 pm

ClaudioBass escreveu:Sei que muitos vão cair matando no meu comentário, mas a minha sugestão é: Pare de tocar baixo elétrico e dedique-se exclusivamente aos estudos do Acústico. Essa é a melhor forma que você tem para evoluir no instrumento. Se você tem em mente que o Acústico será seu principal instrumento, então é necessário tomar essa medida, pelo menos até que a situação já esteja dominada!


Fala, claudião. Cara, teve uma época em que pensei abandonar completamente os meus estudos de baixo elétrico e só me dedicar ao acústico. Mas as coisa mudaram. Hoje em dia eu estudo contrabaixo acústico popular na EMESP e contrabaixo elétrico no conservatório de tatui. A maioria dos trabalhos que tenho a oportunidade de tocar são com contrabaixo elétrico e seria um tiro no pé abandoná-los. Estou tomando a decisão de me guardar um pouco no acústico, dominar primeiro todos os outros elementos que o acústico exige (afinação e arco, sobretudo) e depois aplicar tudo isso à música que tenho em mente. Vamos ver qual vai ser o resultado.
André
André "Odé"
Membro

Mensagens : 243
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por Claudio em Seg Fev 07, 2011 1:37 pm

André "Odé" escreveu:
ClaudioBass escreveu:Sei que muitos vão cair matando no meu comentário, mas a minha sugestão é: Pare de tocar baixo elétrico e dedique-se exclusivamente aos estudos do Acústico. Essa é a melhor forma que você tem para evoluir no instrumento. Se você tem em mente que o Acústico será seu principal instrumento, então é necessário tomar essa medida, pelo menos até que a situação já esteja dominada!

A maioria dos trabalhos que tenho a oportunidade de tocar são com contrabaixo elétrico e seria um tiro no pé abandoná-los.

Ahhh, ok... então o Acústico não é o seu instrumento principal de trabalho, aí não dá mesmo pra abandonar o elétrico. Eu achei que você tivesse querendo migrar de vez pro Acústico. Já que não é esse o caso, então vá estudando aos poucos, sem pressa, não seja tão exisgente consigo mesmo, permita-se a uma curva de aprendizado maior.
Claudio
Claudio
Membro

Mensagens : 15182
Localização : Rio de Janeiro - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por André "Odé" em Seg Fev 07, 2011 1:42 pm

Eu gostaria que os dois fossem os principais. E sei que com o acústico precisos er mais cuidadoso, então vou tentar ser menos afobado com ele. Vamos ver o que sai.
André
André "Odé"
Membro

Mensagens : 243
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por Claudio em Seg Fev 07, 2011 1:47 pm

^ Tocar elétrico fretless ajuda um pouco no quesito afinação "auditiva" (mas fretless sem marcações na escala e nem no braço pra não cair na tentação da afinação visual).
Claudio
Claudio
Membro

Mensagens : 15182
Localização : Rio de Janeiro - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por wellrod em Seg Fev 07, 2011 2:04 pm

Tocar os dois de forma plena e satisfatória é complicado!!! bastante!!! dedicação total!!!

Um dos caras que eu creio ter conseguido esse feito seria o Brian Bromberg... curto muito a sonoridade dele tanto no acústico quanto no elétrico...

O ruim é quando tu ouve um cara tocando acústico mas o jeito dele tocar, a pegada, a sonoridade é de baixo elétrico... dá a impressão q ele tá tocando fretless e não um acústico...
wellrod
wellrod
Membro

Mensagens : 2107
Localização : Rio de Janeiro

http://www.myspace.com/wellmusicrio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por Fernando Zadá em Seg Fev 07, 2011 2:23 pm

A dica que daria é aplique desde já o seu conhecimento e já vá descolando umas gigs mais relax de acústico. Eu com poucos meses sabendo as escalas em todos os tons já sai tocando em gigs com cantora e violão pra me soltar. Fazia a gig toda na primeira ou segunda posição ams já rolava um enganation razoável.
Fernando Zadá
Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10982

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por André "Odé" em Seg Fev 07, 2011 2:41 pm

<iframe title="YouTube video player" width="480" height="390" src="https://www.youtube.com/embed/PskFy_9yFic" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>

Não quero ser um semideus como nico assumpção, mas ele domina muito bem os dois instrumentos. Outro cara bem bacana que toca os dois é o Evaldo Guedes. p*** musicalidade
André
André "Odé"
Membro

Mensagens : 243
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por wellrod em Seg Fev 07, 2011 2:48 pm

O Nico sem dúvidas é O CARA... mas os trabalhos dele q eu mais admirei foram os com o baixo elétrico... me faltou oportunidade de ouvir coisas gravadas dele com o acústico... por isso nem citei...
wellrod
wellrod
Membro

Mensagens : 2107
Localização : Rio de Janeiro

http://www.myspace.com/wellmusicrio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por André "Odé" em Seg Fev 07, 2011 2:52 pm

<iframe title="YouTube video player" width="480" height="390" src="https://www.youtube.com/embed/Ve6FeB_CLzo" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>

O guedes. De quando em vez ele improvisa com arco
Outros fantasticos que ia me esquecendo é o stanley clarke e o avishai cohen
André
André "Odé"
Membro

Mensagens : 243
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por RenanDias em Seg Fev 07, 2011 7:57 pm

Fala André.

Também partilho de seu atual status, de questionar a evolução no instrumento, mas vamos "tocando" em frente, literalmente...!!

Fiquei com uma dúvida com o seu comentário: no curso de Contrabaixo Acústico Popular da EMESP também rola um estudo de arco? E
qual dos dois professores toca com arco francês, o Gabriel ou o Marinho?

Abraços,
Renan
RenanDias
RenanDias
Membro

Mensagens : 104
Localização : São Paulo, SP

http://www.bossabessa.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por André "Odé" em Seg Fev 07, 2011 8:08 pm

Fala renan. Eu pedi para que o marinho me ensinasse coisas com arco. mas ele toca com o alemão e não é a proposta original do curso. O gabriel toca com o francês sim e é um ótimo professor. Pretendo pegar aulas com ele esse ano, ou depois que sair lá da emesp. Nunca tive ninguém que me ensinasse arco francês. To baixando uma vídeo aula do françois, vamos ver se pelo menos seguro o arco direitinho. hehehe
André
André "Odé"
Membro

Mensagens : 243
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por RenanDias em Seg Fev 07, 2011 10:38 pm

Olha só que bacana, mesmo não sendo a proposta do curso eles toparam em dar uns toques sobre a utilização do arco. Eu sempre vi o Marinho tocando arco alemão na Jazz Sinfônica mesmo, logo imaginei que fosse o Gabriel (que aliás todos sempre falam que é um ótimo professor). Eu sempre estudei arco alemão, uma vez fui brincar 15 min com um arco francês e fiquei 1 dia inteiro com o pulso doendo haha
Eu acabei de prestar CB Popular na EMESP tb, to aguardando os reusltados.. ansioso! rsrs Mas se não rolar esse ano, 2012 to lá prestando tb se Deus quiser.

Abraço André, falow!
RenanDias
RenanDias
Membro

Mensagens : 104
Localização : São Paulo, SP

http://www.bossabessa.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por eltonpereira22 em Sab Abr 30, 2011 11:00 am

Oi pessoal, esse Gabriel que voces falaram é o Gabriel Bahlis?
eltonpereira22
eltonpereira22
Membro

Mensagens : 612
Localização : Curitiba-PR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por André "Odé" em Sab Abr 30, 2011 11:33 am

Esse mesmo!
André
André "Odé"
Membro

Mensagens : 243
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quando o estudo não rende Empty Re: Quando o estudo não rende

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum