Papel do Músico dentro da Igreja

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 8:08 am

Bom dia Foristas!

Esses dias surgiram alguns acontecimentos que me deixaram com a pulga atrás da orelha. Existe um músico na minha igreja, que está na frente de tudo: banda, conjunto, coral, etc. Ai descobri que o mesmo recebe um salário por isso, que quer um aumento e que se não rolar ele vai procurar outra igreja. Eu sempre soube que os departamentos eram conduzidos como voluntariado e somente o pastor/padre/etc que recebem um salário por ter que abdicar sua vida e viver somente para isso, sem poder ter outra profissão.

Afinal, como funciona isso nas igrejas? Vocês músicos são pagos ou o trabalho é feito como voluntariado? Se são pagos, como funciona? Cobram um salário fixo ou cobram por atividade realizada?

Obs. 1: Quando digo músicos, não são pessoas como eu que tem outro trabalho e tocam por prazer, mas sim o profissional que vive de música e só faz isso.

ATENÇÃO: NÃO discutir dogmas, filosofias, nem religião. De preferência, não cite o nome da sua, apenas diga como o músico trabalha. Qualquer discussão será apaga ou o tópico será trancado, sendo que eu mesmo pedirei aos ADM/Mods ok? E por favor....
Spoiler:

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por BigBoy em Qui Fev 23, 2012 8:22 am

Eu toco na igreja e assim como os outros levitas, não recebemos nada....

Triste isso! se é membro de exige salário e além do mais aumento... perda de foco espiritual..

BigBoy
Membro

Mensagens : 1004
Localização : Interior - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por mnincao em Qui Fev 23, 2012 8:33 am

Brucce,
Ja toquei muito em igreja tambem, hoje nao tenho tocado mais.
Nunca recebi, e normalmente é um trabalho voluntario mesmo, mas eu ja vi algumas igrejas que pagam o Ministro de Musica, que geralmente é uma pessoa dedicada a todo o louvor dentro da igreja, que é um dos assuntos mais importantes dentro das igrejas.
O Ministro de Musica é o cara que dirige o coral, conjuntos de vozes, rege a igreja nos momentos de louvor, trabalha junto das bandas, etc.
Mas eu tambem acho que apenas o pastor deveria receber um salario por dedicar seu tempo integralmente.
Agora tem o outro lado tambem, ja conheci um excelente baixista que como musico profissional trabalhava na noite, mas tinha muita vontade de parar de trabalhar na noite por causa do ambiente, se pudesse ele tocaria integralmente para a igreja por um salario.
[]´s

mnincao
Membro

Mensagens : 89
Localização : Santo Andre - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por dibass em Qui Fev 23, 2012 8:51 am

fora do Brasil o musico que toca nas igrejas é pago sim aqui no Brasil nao conheço nenhum musico que seja pago

dibass
Membro

Mensagens : 1391
Localização : uberlandia- MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 9:30 am

E o pior que esse tipo de músico anda aparecendo muito por essas bandas, não é o primeiro que escuto isso. Eu acho que pra Deus as coisas deveriam ser no voluntariado, mas pelo que ando vendo, alguns músicos estão vendo esse nicho, estão cobrando e a igreja está pagando...

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por mnincao em Qui Fev 23, 2012 9:32 am

Verdade, acho que isso tem se tornado mais comum, e parece ter alguma influencia das igrejas de fora, principalmente as americanas.
[]´s

mnincao
Membro

Mensagens : 89
Localização : Santo Andre - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por allexcosta em Qui Fev 23, 2012 9:34 am

Nos EUA tocar em igreja normalmente é uma gig com cachê normal, sejam os músicos membros ou não da agremiação.
O músico tem todo o direito de doar o cachê se assim o quiser.
Conheci um cara que tinha doado todos os instrumentos e amps à igreja na qual tocava.


Última edição por allexcosta em Qui Fev 23, 2012 9:36 am, editado 1 vez(es)

allexcosta
Administrador

Mensagens : 39323
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 9:35 am

^
Fora do pais eu já ouvi falar, mas aqui dentro não é uma situação comum pelo menos na minha religião. Mas está se tornando uma coisa normal há alguns anos. O duro é se cada pessoa for cobrar pra trabalhar, ai eu já devo ganhar uma bela grana, já que acumulo 4 cargos nas costas rssrsr

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fernando Zadá em Qui Fev 23, 2012 9:37 am

Já conheci músico que tinha vindo pra SP do sul com apartamento pago, salário e mais um monte de benefícios para cuidar do ministério musical de uma igreja aqui em Sampa.
Acho que se querem um profissional a disposição pra organizar tudo e assumir essa responsabilidade ele deve ser pago sim.

Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10195

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por allexcosta em Qui Fev 23, 2012 9:41 am

brucce escreveu:Fora do pais eu já ouvi falar, mas aqui dentro não é uma situação comum pelo menos na minha religião. Mas está se tornando uma coisa normal há alguns anos.

Aí me confunde... Não seriam "comum" e "normal" a mesma coisa?

allexcosta
Administrador

Mensagens : 39323
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 9:43 am

^^
Eu não sei Zadá, vou contra usar a igreja como empresa pra tirar o sustento. Então como é que ficariam os outros cargos? Eu por exemplo sou diretor de comunicação, diretor do conjunto, diretor da banda, instrumentista e cantor, então se eu estou tomando essa responsabilidade também devo ser pago? Afinal eu varo noite tirando musica, criando boletins, informativos atrativos, controlando agendas, dando manutenção em equipos, fazendo cabos etc.

Entendo que músico vive de música e tem que tirar seu sustento de algum lugar, por exemplo você. Acabou montando sua escola para tirar seu sustento (acredito eu), será que é necessário você cobrar pra tocar na igreja? Pra ensaiar um grupo pra fazer louvor?

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 9:48 am

allexcosta escreveu:
brucce escreveu:Fora do pais eu já ouvi falar, mas aqui dentro não é uma situação comum pelo menos na minha religião. Mas está se tornando uma coisa normal há alguns anos.

Aí me confunde... Não seriam "comum" e "normal" a mesma coisa?

Desculpe, acho que me expressei mal. Fora do pais é parte da cultura se contratar um músico para fazer qualquer trabalho, tudo é entendido como gig.

Na minha religião isso não é normal, nem nunca foi. Tirando o caso que eu citei, como o pastor/padre, que abdicam tudo na vida para fazer somente isso, todos os outros cargos são voluntários. Mas há alguns anos que tenho visto um pequeno grupo de músicos, cruzando os braços, e só fazendo se são pagos. Onde frequento existem diversos músicos formados, pessoas que estudam musica a 10, 20, 30 anos que sempre fizeram seu trabalho sem cobrar um real.

Mas a coisa anda mudando bruscamente, já que ele cobra porque eu não? E assim vai, entendeu?

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fernando Zadá em Qui Fev 23, 2012 9:53 am

Se faz tudo isso deveria ter alguma ajuda de custo.
Se faço uma gig sem cobrar estou arcando com os custos pois de graça nunca é pois há custo para tudo.
Como você disse se o pastor só faz isso deve receber eu acredito que se o músico se dedica só a igreja deva receber também.

Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10195

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fabio Linhares em Qui Fev 23, 2012 9:55 am

Já fui convidado muitas vezes pra tocar em cultos festivos de outras igrejas, onde eu lombava todo o equipo, perdia todo o final de semana, era tratado como "atração" da noite, e no final o pastor levantava uma oferta e ia embora no seu carrão, sendo que a igreja não tinha o mínimo de infra para a parte de louvor.

Uma coisa é louvar a Deus, outra é atrair publico para aumentar arrecadaçoes.

Fabio Linhares
Membro

Mensagens : 1004

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por allexcosta em Qui Fev 23, 2012 9:55 am

brucce escreveu:Mas a coisa anda mudando bruscamente, já que ele cobra porque eu não? E assim vai, entendeu?

Entendi...

Acho que tudo se conversa. Se eu fosse responsável por uma agremiação religiosa teria uma reunião com os músicos e diria "aqui funciona assim, vocês aceitam?". Se aceitam tudo bem, se não eu procuraria outros.

A dinâmica não deveria ser muito diferente do que acontece em bandas. Já toquei sem cachê e já toquei por cachês irrisórios. Se é conversado antes não há problemas.

allexcosta
Administrador

Mensagens : 39323
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por bassfuria em Qui Fev 23, 2012 9:57 am

O problema não é de quem toca, ou de determinado músico, e sim de quem paga...

Enquanto existir quem "paga o salário", nada mais justo aparecer alguém que queira receber... Very Happy

"A escada se varre de cima para baixo..."

Obs: Fico imaginando se o Apóstolo Paulo tivesse cobrado por cada carta escrita às Igrejas... kkkkkkkkkkkkkkkkkk

allexcosta escreveu:Entendi...

Acho que tudo se conversa. Se eu fosse responsável por uma agremiação religiosa teria uma reunião com os músicos e diria "aqui funciona assim, vocês aceitam?". Se aceitam tudo bem, se não eu procuraria outros.

A dinâmica não deveria ser muito diferente do que acontece em bandas. Já toquei sem cachê e já toquei por cachês irrisórios. Se é conversado antes não há problemas.

Já toquei em algumas Igrejas que não tinham infra-estrutura de Louvor descente, é normal eles oferecerem um lanche e darem o dinheiro da condução/gasolina...

bassfuria
Membro

Mensagens : 905
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 10:06 am

Fernando Zadá escreveu:Se faz tudo isso deveria ter alguma ajuda de custo.
Se faço uma gig sem cobrar estou arcando com os custos pois de graça nunca é pois há custo para tudo.
Como você disse se o pastor só faz isso deve receber eu acredito que se o músico se dedica só a igreja deva receber também.

Talvez o que esteja mudando seja a essência do negócio. Eu faço por amor a Deus e não cobrando algo DEle. Acredito que por tantas benção que Ele nos dá, isso seria o mínimo que eu deveria fazer. Mas, se por acaso, for algo que saia do meu controle e que esteja me dando diversos prejuízos, eu pediria sim ajuda a igreja, mas não cobraria um salário.

Fabio Linhares escreveu:Já fui convidado muitas vezes pra tocar em cultos festivos de outras igrejas, onde eu lombava todo o equipo, perdia todo o final de semana, era tratado como "atração" da noite, e no final o pastor levantava uma oferta e ia embora no seu carrão, sendo que a igreja não tinha o mínimo de infra para a parte de louvor.

Uma coisa é louvar a Deus, outra é atrair publico para aumentar arrecadaçoes.

Já participei de diversos eventos de arrecadação para um fim específico e não acho isso sacanagem. Inclusive quando se convida músicos de nome, eles são pagos sim e não se cobra barato, afinal eles são músicos e estão vendendo o trabalho deles. Agora cobrar pra fazer o dia a dia eu acho demais rsrsrsr

allexcosta escreveu:
brucce escreveu:Mas a coisa anda mudando bruscamente, já que ele cobra porque eu não? E assim vai, entendeu?

Entendi...

Acho que tudo se conversa. Se eu fosse responsável por uma agremiação religiosa teria uma reunião com os músicos e diria "aqui funciona assim, vocês aceitam?". Se aceitam tudo bem, se não eu procuraria outros.

A dinâmica não deveria ser muito diferente do que acontece em bandas. Já toquei sem cachê e já toquei por cachês irrisórios. Se é conversado antes não há problemas.

Então, esse "aqui funciona assim" é que está mudando, a igreja tem cedido pra tudo, ai depois o povo reclama que as igrejas, além de receber o dízimo, pedem ofertas kkkk Mas não vamos entrar no mérito da questão rs

bassfuria escreveu:O problema não é de quem toca, ou de determinado músico, e sim de quem paga...

Enquanto existir quem "paga o salário", nada mais justo aparecer alguém que queira receber... Very Happy

"A escada se varre de cima para baixo..."

Obs: Fico imaginando se o Apóstolo Paulo tivesse cobrado por cada carta escrita às Igrejas... kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Depende, iria entrar no custo o papiro, os jarros onde eram guardados, as penas, as tintas e os mensageiros? Caraca, ele iria faturar alto, correio ficaria no chinelo rs. Concordo plenamente, os dirigentes da igreja tem mudado e cedido muita coisa que não se deveria....


Não sou músico e nunca viveria disso, mas na opinião de vocês, o mercado musical é tão dificil assim que não dá pra arranjar um emprego fixo, sem depender da igreja? Porque é essa a desculpa desse cara.....

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fernando Zadá em Qui Fev 23, 2012 10:17 am

brucce escreveu:
Não sou músico e nunca viveria disso, mas na opinião de vocês, o mercado musical é tão dificil assim que não dá pra arranjar um emprego fixo, sem depender da igreja? Porque é essa a desculpa desse cara.....

Ultimamente sim.
Emprego fixo não sei nem o que é isso....
Será que no caso dele não pode ser uma opção querer trabalhar exclusivamente pra igreja e se dedicar a isso?

Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10195

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Cayo Castro em Qui Fev 23, 2012 10:18 am

Quando tocava na igreja ( é, eu já toquei em igreja ). Nunca ganhei nada. Mas era bem legal o lance de tocar, ir tocar em colégios também. Faz muito tempo que saí não sei como tá as coisas pessoalmente. Mas, tenho um primo próximo que ganha 2 salários pra ensaiar pela manhã e tocar apenas aos domingos numa congregação daqui.

Conheço também um baixista que tem "contrato" exclusivo com outra igreja e ganha 3K pra ensaiar e tocar aos domingos. Segundo ele.

Conheço pessoalmente um baterista que recebeu uma dessas propostas de emprego. 2 salários pra ensaiar e tocar aos domingos. Eu acho válido.

Cayo Castro
Membro

Mensagens : 4411
Localização : Rio Branco - AC

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Cid em Qui Fev 23, 2012 10:21 am

Rapaz isso tudo é questão de visão... eu tenho uma vida super corrida, trabalho muito, estudo e blavlabla, entao nao posso dar a devida atenção e dedicação adequada... se a Igreja quer uma coisa mais certa, com gente mais preparada que mal há em pagar pra ele ter mais tempo dedicado?

Vc simplesmente esta trocando horas unindo o útil ao agradável... Voluntariado é excelente mas depende muito se gente e disponibilidade e nem sempre se consegue unir as duas coisaas...

Cid
Moderador

Mensagens : 9266
Localização : Pense numa terra boa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fernando Zadá em Qui Fev 23, 2012 10:25 am

brucce escreveu:
Talvez o que esteja mudando seja a essência do negócio. Eu faço por amor a Deus e não cobrando algo DEle. Acredito que por tantas benção que Ele nos dá, isso seria o mínimo que eu deveria fazer. Mas, se por acaso, for algo que saia do meu controle e que esteja me dando diversos prejuízos, eu pediria sim ajuda a igreja, mas não cobraria um salário.

Mas será que Ele tem algo contra você receber e receber retorno material por isso? Se você tem outra profissão e quer doar seu tempo ok mas no caso de quem é músico e essa é uma forma da pessoa ser bem remunerada sem ter que tocar a noite ou se dividir em mil gigs por que seria errado a pessoa ser paga por isso?
Entendo seu ponto de vista mas acho normal um músico receber por isso e no caso de igreja se ele ajuda e atrai mais gente para os cultos porque não receber DEle um retorno pelo sua ajuda?

Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10195

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Cayo Castro em Qui Fev 23, 2012 10:26 am

Fabio Linhares escreveu:Já fui convidado muitas vezes pra tocar em cultos festivos de outras igrejas, onde eu lombava todo o equipo, perdia todo o final de semana

Já vivi muito isso, Fábio...
E sabe que não tenho nenhuma memória ruim. Era realmente muito legal. Era um molequinho de 15 anos com o cabelo meio black power carregando aparelhagem pelos colégios, outras igrejas, asilos, orfanatos recebendo ou não aquele cenário me fez crescer muito. Musicalmente.

Cayo Castro
Membro

Mensagens : 4411
Localização : Rio Branco - AC

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 10:38 am

Fernando Zadá escreveu:
brucce escreveu:
Não sou músico e nunca viveria disso, mas na opinião de vocês, o mercado musical é tão dificil assim que não dá pra arranjar um emprego fixo, sem depender da igreja? Porque é essa a desculpa desse cara.....

Ultimamente sim.
Emprego fixo não sei nem o que é isso....
Será que no caso dele não pode ser uma opção querer trabalhar exclusivamente pra igreja e se dedicar a isso?

Fernando Zadá escreveu:
brucce escreveu:
Talvez o que esteja mudando seja a essência do negócio. Eu faço por amor a Deus e não cobrando algo DEle. Acredito que por tantas benção que Ele nos dá, isso seria o mínimo que eu deveria fazer. Mas, se por acaso, for algo que saia do meu controle e que esteja me dando diversos prejuízos, eu pediria sim ajuda a igreja, mas não cobraria um salário.

Mas será que Ele tem algo contra você receber e receber retorno material por isso? Se você tem outra profissão e quer doar seu tempo ok mas no caso de quem é músico e essa é uma forma da pessoa ser bem remunerada sem ter que tocar a noite ou se dividir em mil gigs por que seria errado a pessoa ser paga por isso?
Entendo seu ponto de vista mas acho normal um músico receber por isso e no caso de igreja se ele ajuda e atrai mais gente para os cultos porque não receber DEle um retorno pelo sua ajuda?

Entendi o que quer dizer e concordo que vida de músico deve ser difícil pacas. Mas por exemplo, conheço diversos músicos que são professores e tiram uma grana bacana e não cobram nada NA igreja. Acho que esse lance de pagar pra tocar acaba se tornando um lance mais profissional do que espiritual.

Por exemplo, ele disse que a igreja não pagar o que ele quer, ele vaza. Vai largar dois corais, uma banda e um conjunto, agora me responde, onde está o trabalho pra Deus ai? Ficou vazio manja?


brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por renanmisterbass em Qui Fev 23, 2012 10:59 am

EU penso da seguinte maneira....eu toco em igreja evangélica, já fui pago e por um tempo vivi disso e fui bem remunerado pela igreja....a partir dai vai da cabeça do musico, até onde ele quer simplismente o dinheiro e a té onde ele quer simplismente louvar....entende?

Eu concordo com igrejas não quererem pagar os musicos até porque muitos deles tomam esse rumo, pensam estritamente no profissional e deixam o foco pelo qual estão ali. Também concordo que se um musico viver em prol da igreja/paróquia ele deve sim receber um salário, até porque ele dedica a vida dele nisso, mas sempre sem deixar a essencia de tudo.....

renanmisterbass
Membro

Mensagens : 101
Localização : São José dos Campos/SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Cayo Castro em Qui Fev 23, 2012 11:02 am

Exato...
Na lógica, se o pastor ganha por isso porquê não o músico?!

Cayo Castro
Membro

Mensagens : 4411
Localização : Rio Branco - AC

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fernando Zadá em Qui Fev 23, 2012 11:04 am

Brucce

nesse caso fica claro que o lance dele é a gig e não qualquer tipo de vinculo com a parte religiosa.
Deve ter muita gente nesse pique....
eu mesmo já fui chamado algumas vezes para me vincular a igreja e ir tocar mas como não rolou atração pela parte religiosa nunca encarei....
Mas se rolasse proposta como gig pegava fácil desde que respeitassem minhas opções e não ficassem tentando me converter.... se bem que se pagassem bem até aguentava as tentativas!! Rssss

Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10195

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Rafael_Araujo em Qui Fev 23, 2012 11:05 am

brucce escreveu:Bom dia Foristas!

Existe um músico na minha igreja, que está na frente de tudo: banda, conjunto, coral, etc. Ai descobri que o mesmo recebe um salário por isso, que quer um aumento e que se não rolar ele vai procurar outra igreja. Eu sempre soube que os departamentos eram conduzidos como voluntariado e somente o pastor/padre/etc que recebem um salário por ter que abdicar sua vida e viver somente para isso, sem poder ter outra profissão.


Se ele está abdicando sua vida pela igreja, no meu ver nada mais justo ele receber por isso... Wink

Abs...

Rafael_Araujo
Membro

Mensagens : 172
Localização : Parana

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fernando Zadá em Qui Fev 23, 2012 11:11 am

Vale lembrar que muito da produção do Bach estava ligada a igreja e a salário que ele recebia para compor......

Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10195

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Edu Fettermann em Qui Fev 23, 2012 11:21 am

Eu não vejo como o salário do músico possa ser oposto à sua participação religiosa. Pensando assim, nenhum músico cristão poderia viver de música. Como já disseram antes, acredito que tudo deve ser conversado. Só acho errado criticar quem recebe com base no pensamento "se ele recebe, eu posso receber também". Se o cara que recebe conversou antes e você não, mérito dele e erro seu. Eu toco na minha igreja de graça e não sinto falta de cachê. No entanto, recebo cachê quando toco fora (com a mesma banda) e para nós isso não é incoerente. Na igreja onde sou membro há diversos funcionários remunerados (além do pastor, a ministra de música, o ministro de missões, etc.). Isso varia de acordo com a realidade de cada igreja e cada cidade.

Edu Fettermann
Membro

Mensagens : 3640
Localização : Cachoeiro de Itapemirim - ES

http://nossaespiritualidade.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 11:23 am

^
Bacana, eu realmente não sabia que existiam cargos remunerados!

Mas voltando a pergunta original, porque eu mesmo dei uma desviada rs, com base no que é feita essa remuneração? Coisa fixa ou a cada grupo, banda, etc que se pega é cobrado a parte?

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por renanmisterbass em Qui Fev 23, 2012 11:41 am

^ Desculpa, não entendi sua pergunta....rsrsr

renanmisterbass
Membro

Mensagens : 101
Localização : São José dos Campos/SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 11:42 am

por exemplo é combinado 3k pro cara fazer tudo de musica ou tipo "eu cobro 500 reais pra tocar e para cara grupo que eu ensaiar é mais 400", etc

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Romano em Qui Fev 23, 2012 11:48 am

Sabe aquele pastor que todos gostam de ouvir? É, ele fala bem.
As pessoas entendem e saem da igreja com o pensamento diferente.
A música é parte dessa mensagem.
Mas nem sempre ajuda ,pois às vezes é mal tocada demais.Pois existe aquele pensamentos nas igrejas que QUALQUER um pode cantar ou tocar,Pq é pra Deus. Como vc vai louvar,orar,com alguém cantando desafinado?
Se o pastor falasse mal tb....

Voluntariado é uma coisa. É feito nas horas de folga.
Mas as igrejas exigem ensaio. E como um músico vai tocar sem ensaio e fazer uma música bem tocada ?

Como seria feita essa remuneração? Poderia ser feito como uma gig normal,como acontece lá fora.

O pastor ganha ,tesoureiro ganha,o fulano ganha. Porque o músico não pode? Músico pode e DEVE ganhar pra tocar na igreja sim!

Romano
Membro

Mensagens : 604
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por renanmisterbass em Qui Fev 23, 2012 11:49 am

Ai depende da cultura musical regional. Por exemplo: Aqui em SJCampos, a grande maioria é remunerado por um "pacote fechado". Tipo esse caso ai em cima. O cara ganha 3k pra fazer tudo, TUDO MESMO....por aqui é comum ver isso. Agora, cobrar 500 dilmas por isso e mais 200 adicional por isso outro, geralmente é feito em casamento...

Tava pensando com meus botões. Eu discordo das igrejas que contratam musicos como "prestadores de serviços", até porque, vai deixar de existir essencia e vai apenas ter dinheiro cá e serviço lá, tipo, acabou o vinculo religioso, vira tipo um comercio. Eu entendo da segunte forma. Um musico pago pela igreja tem que, primeiro, ter alegria no que faz, sergundo, não ter aquilo essencialmente por negócios, e terceiro, assumir integralmente o que lhe for dado.
Se não for assim, perde toda a essencia de adoração...entende brucce....isso q eu penso....

renanmisterbass
Membro

Mensagens : 101
Localização : São José dos Campos/SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 11:53 am

romanobass escreveu: Sabe aquele pastor que todos gostam de ouvir? É, ele fala bem.
As pessoas entendem e saem da igreja com o pensamento diferente.
A música é parte dessa mensagem.
Mas nem sempre ajuda ,pois às vezes é mal tocada demais.Pois existe aquele pensamentos nas igrejas que QUALQUER um pode cantar ou tocar,Pq é pra Deus. Como vc vai louvar,orar,com alguém cantando desafinado?
Se o pastor falasse mal tb....

Voluntariado é uma coisa. É feito nas horas de folga.
Mas as igrejas exigem ensaio. E como um músico vai tocar sem ensaio e fazer uma música bem tocada ?

Como seria feita essa remuneração? Poderia ser feito como uma gig normal,como acontece lá fora.

O pastor ganha ,tesoureiro ganha,o fulano ganha. Porque o músico não pode? Músico pode e DEVE ganhar pra tocar na igreja sim!

Avatar horrivel o seu rsrrs come todo o texto rs

Eu não disse q não deve ganhar, mas que na minha não ganhava até pouco tempo atrás.

Com certeza, o trabalho pra Deus tem que ser feito da melhor forma possível. Eu cantei em um quarteto por quase 10 anos, ensaiávamos 4 horas por semana e cantávamos praticamente todos os sábados pela manha, sábado a tarde, domingos e quartas. Hoje toco em uma banda, canto em um conjunto e sigo solo também. Não ser músico e não ter muito tempo pra ensaiar não quer dizer que é um lixo, no final das contas eu lhe garanto que entrego a mesma qualidade de um músico profissional


renanmisterbass escreveu:Tava pensando com meus botões. Eu discordo das igrejas que contratam musicos como "prestadores de serviços", até porque, vai deixar de existir essencia e vai apenas ter dinheiro cá e serviço lá, tipo, acabou o vinculo religioso, vira tipo um comercio. Eu entendo da segunte forma. Um musico pago pela igreja tem que, primeiro, ter alegria no que faz, sergundo, não ter aquilo essencialmente por negócios, e terceiro, assumir integralmente o que lhe for dado.
Se não for assim, perde toda a essencia de adoração...entende brucce....isso q eu penso....

Disse tudo e mais um pouco, é exatamente isso que me incomoda, ser musico profissional de igreja e não ser consagrado pra fazer aquilo. É exatamente isso que está acontecendo lá, o cara é profissional e só faz a parte dele. Não respeita horários, pega instrumentos da igreja sem pedir pra comissão (inclusive deu pt em um teclado roland porque tocou na chuva), não presta atenção nos cultos, fica passeando na igreja, etc...

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Edu Fettermann em Qui Fev 23, 2012 12:09 pm

brucce escreveu:^
Bacana, eu realmente não sabia que existiam cargos remunerados!

Mas voltando a pergunta original, porque eu mesmo dei uma desviada rs, com base no que é feita essa remuneração? Coisa fixa ou a cada grupo, banda, etc que se pega é cobrado a parte?

Brucce, no caso do pessoal da minha igreja, é um salário fixo para fazer tudo naquela área específica. A nossa líder da parte de artes, por exemplo, ganha lá o salário dela (que eu não sei quanto é e sinceramente não me interessa) para administrar o teatro, a dança, a música, o som e a filmagem. Para facilitar o trabalho dela, ela criou uma equipe de trabalho, tendo um líder principal em cada segmento destes. O trabalho destes líderes é voluntário. Quando toco fora com minha banda, é cachê mesmo, normal.

renanmisterbass escreveu:
Tava pensando com meus botões. Eu discordo das igrejas que contratam musicos como "prestadores de serviços", até porque, vai deixar de existir essencia e vai apenas ter dinheiro cá e serviço lá, tipo, acabou o vinculo religioso, vira tipo um comercio. Eu entendo da segunte forma. Um musico pago pela igreja tem que, primeiro, ter alegria no que faz, sergundo, não ter aquilo essencialmente por negócios, e terceiro, assumir integralmente o que lhe for dado.
Se não for assim, perde toda a essencia de adoração...entende brucce....isso q eu penso....

Concordo com o seu ponto de vista. Não tem muito sentido do ponto de vista religioso contratar alguém extremamente competente na parte técnica, mas que não compartilhe do mesmo credo. No entanto, não vejo o cachê como algo desabonador na área espiritual. É preciso bom senso nessa escolha.

Edu Fettermann
Membro

Mensagens : 3640
Localização : Cachoeiro de Itapemirim - ES

http://nossaespiritualidade.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por GusVCD em Qui Fev 23, 2012 12:14 pm

Creio q cada igreja tem a sua realidade.

Tem musico profissional q toca gratuitamente na sua igreja, tem musico bem amador querendo receber por tocar, e por ai vai.

Eu q não vivo da musica e não sou musico profissional, toco de graça. O pianista q é musico profissional, grava pra Deus e o mundo afora no Brasil e exterior, recebe salário pois nega muitas Gigs e gravações para estar presente nos ensaios do Coral, nos do grupo de louvor e em todos os cultos para fazer os momentos e acompanhamentos, fora participar ativamente de tudo relacionado a musica dentro da igreja.

Se o musico q deu origem ao tópico não tem tempo para outras Gigs, dar aulas nem outros trabalhos, e o q ganha não paga as suas contas no fim do mês, é um direito dele ir para um ministério q consiga arcar com suas necessidades, da mesma forma q um pastor q tem dois filhos e gostaria q os mesmos fizessem faculdade tem todo direito de querer ir pra uma igreja maior q possa dar mais estrutura para ele e sua familia.

Mas no fim, essa discussão em especifico nunca terá uma conclusão final, pois sempre há a questão do "Propósito de Deus" sobre a vida de cada um, e isso é impossível mensurar.

GusVCD
Moderador

Mensagens : 10921
Localização : Sede FCBR em Santos-SP.

http://www.myspace.com/mundovcd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fabio Linhares em Qui Fev 23, 2012 12:18 pm

Em minha igreja nao recebo nada, sou dizimista. Tenho boa infraestruta, com instrumentos tops até. E meu pastor respeita meus compromissos profissionais. Nao exigindo sacrificios nessa area. Acho assim o ideal.

Fabio Linhares
Membro

Mensagens : 1004

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por bassfuria em Qui Fev 23, 2012 12:26 pm

GusVCD escreveu:Creio q cada igreja tem a sua realidade.

Tem musico profissional q toca gratuitamente na sua igreja, tem musico bem amador querendo receber por tocar, e por ai vai.

Eu q não vivo da musica e não sou musico profissional, toco de graça. O pianista q é musico profissional, grava pra Deus e o mundo afora no Brasil e exterior, recebe salário pois nega muitas Gigs e gravações para estar presente nos ensaios do Coral, nos do grupo de louvor e em todos os cultos para fazer os momentos e acompanhamentos, fora participar ativamente de tudo relacionado a musica dentro da igreja.

Se o musico q deu origem ao tópico não tem tempo para outras Gigs, dar aulas nem outros trabalhos, e o q ganha não paga as suas contas no fim do mês, é um direito dele ir para um ministério q consiga arcar com suas necessidades, da mesma forma q um pastor q tem dois filhos e gostaria q os mesmos fizessem faculdade tem todo direito de querer ir pra uma igreja maior q possa dar mais estrutura para ele e sua familia.

Mas no fim, essa discussão em especifico nunca terá uma conclusão final, pois sempre há a questão do "Propósito de Deus" sobre a vida de cada um, e isso é impossível mensurar.

Está corretíssimo...!!!

Quando postei mais àcima, me referi ao fato do cara que tem o "chamado" e não do músico profissional... Se a Igreja tem condições de pagar músicos profissionais para estarem tocando, tranquilo... Assim como tem Igrejas que locam o som, contratam seguranças, alugam estacionamentos e muitos outros exemplos...

Tem Igrejas que não pagam os "Levitas" (músicos que tocam nos cultos), porém muitos deles acompanham Músicos Evangélicos em Shows e nada mais óbivio que recebam por isso, muitos até usam o "Altar" como "trampolin" para conseguirem se promover... Acho que isso é questão de "Sentimento", da "Fé de cada um", acho que não cabe aqui "julgar" determinada situação ou outra qualquer que envolva a "Fé", até porque "examine-se o homen a si mesmo"...

bassfuria
Membro

Mensagens : 905
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por GusVCD em Qui Fev 23, 2012 12:29 pm

Edu Fettermann escreveu:(...) Não tem muito sentido do ponto de vista religioso contratar alguém extremamente competente na parte técnica, mas que não compartilhe do mesmo credo. No entanto, não vejo o cachê como algo desabonador na área espiritual. É preciso bom senso nessa escolha.
[2]

Na minha igreja se investiu muito em equipamento de som, e se treinou os voluntários q o operam, mas infelizmente treinamento e equipamento não fazem dos voluntários capacitados da forma devida, então estamos atrás de um técnico de som profissional q será remunerado, e esperamos conseguir achar um q compartilhe do mesmo credo, mas...

GusVCD
Moderador

Mensagens : 10921
Localização : Sede FCBR em Santos-SP.

http://www.myspace.com/mundovcd

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 12:46 pm

GusVCD escreveu:Creio q cada igreja tem a sua realidade.

Se o musico q deu origem ao tópico não tem tempo para outras Gigs, dar aulas nem outros trabalhos, e o q ganha não paga as suas contas no fim do mês, é um direito dele ir para um ministério q consiga arcar com suas necessidades, da mesma forma q um pastor q tem dois filhos e gostaria q os mesmos fizessem faculdade tem todo direito de querer ir pra uma igreja maior q possa dar mais estrutura para ele e sua familia.

Mas no fim, essa discussão em especifico nunca terá uma conclusão final, pois sempre há a questão do "Propósito de Deus" sobre a vida de cada um, e isso é impossível mensurar.
O cara dá aula em escolas (clt) e dá aulas particulares. Ai complica né? rs


brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Fabio Linhares em Qui Fev 23, 2012 12:51 pm

Nos tempos Biblicos os Levitas eram sustentados pela igreja, mas viviam para ela, fazendo inclusive outras atividades que nao era a musica.

Fabio Linhares
Membro

Mensagens : 1004

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 12:56 pm

Levitas eram a tribo escolhida para sacerdócio real, ou seja, para viverem somente para o Tabernáculo e tudo o que o envolvida, sacrifícios, esculturas, montagem e manutenção do templo, etc. Faziam outras atividades, mas todas da "igreja".

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por subgrave em Qui Fev 23, 2012 1:25 pm

Ora, se o músico está tocando na igreja para louvar, ou mesmo no bar por que é divertido, não precisa receber por isso, simplesmente tocar já é a realização máxima, não é assim que funciona?

E por equidade o pastor também não deveria receber para pregar!

E o Edir Macedo deveria devolver toda a fortuna que fez!

Oras, baita hipocresia questionar o músico que cobra para tocar seja aonde for.

subgrave
Banido

Mensagens : 3034
Localização : República Rio-Grandense

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 1:38 pm

Meu querido SubGrave, não entenda por meias palavras ok?

Em momento algum eu questionei o trabalho de músico e o que ele deve receber por isso. Disse diversas vezes que é uma área complicada.

O que estou discutindo é o cara não viver somente pra igreja e cobrar pra fazer algo que qualquer um faria por amor. Não sei se você tem alguma religião ou já entendeu como funciona hierarquicamente uma igreja evangélica, mas na minha a ÚNICA pessoa que recebe é o pastor por NÃO PODER ter outra profissão. Trabalhos na igreja são para Deus e não para uma empresa.

Meu "tio" é pastor da igreja X e lá eles permitem que ele tenha outro emprego, o cara mexe com importação e exportação. Não precisa do dinheiro "de pastor". Eu sou analista de sistemas e trabalho demais pra igreja, acredito que pelo menos umas 80 horas do meu mês é dedicado aos trabalhos da igreja, mas o corpo da igreja é constituído de voluntariado. Dízimos e ofertas são dados para manter a igreja, já que a mesma tem água, luz, etc.

Como ficariam essas doações se todo mundo, que não vive exclusivamente para a igreja, cobrar um salário? A igreja que eu frequento está sempre no preju por bancar esse tipo de coisa e ai quem se lasca são os empresários da igreja que tem que dar dinheiro do bolso pra cobrir tudo. Isso eu não acho correto, agora contratar o cara para um fim específico como compor, montar arranjos é outra coisa.

Agora se o cara está tocando na igreja porque é divertido, está na hora de rever se realmente o cara é importante pra igreja.... uma maça podre estraga o resto né, inclusive com isso já tivemos problemas com ele...

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Cid em Qui Fev 23, 2012 2:06 pm

Não entendo sinceramente porque um Pastor pode viver integralmente da Igreja recebendo dela e um músico não. Qual a diferença? Ambos vão dedicar seu tempo a Igreja... acho isso preconceito...

O ideal é que a Igreja pudesse ter um monte de voluntários mas isso nem sempre é possível...

Exemplo da minha Igreja, atualmente temos um técnico de som que é voluntário, eu sou contra porque eu sei que esse cara não vai dar conta mas ele tá achando que vai dar... com que tempo ele vai poder dar a atenção/manutenção necessária? E quando aparecer um compromisso da família/trabalho? E o pior de tudo é que as pessoas na maioria das vezes não sabem diferenciar um técnico/músico voluntário de um profissional cobrando daquele o tempo que ele não pode dar...

PS: sou músico de Igreja voluntário...

Cid
Moderador

Mensagens : 9266
Localização : Pense numa terra boa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 2:19 pm

Cid, como eu disse, se você vai se dedicar somente pra igreja eu concordo. Se você tem outro emprego EU não concordo.

Preconceito ou não, não existe embasamento bíblico pra receber se você tem outro emprego. Já se você apenas fizer isso, temos toda a tribo de levi e mais de 1000 páginas na bíblia.

Você acha certo esse técnico, que não vive para a igreja, receber por algo que você sabe que ele não vai ter tempo por causa de família e trabalho? Músico foi uma curiosidade minha, mas se aplica a qualquer um.

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por walldynamus em Qui Fev 23, 2012 2:19 pm

eu nao sou contra um musico da igreja receber por oferecer seu tempo integral a igreja agora aumento de Salario??? ta na hora de voltar ao foco principal né.. eu toco na igreja nao recebo salario, mas nada contra com os que recebem desde que dediquem seu tempo aos trabalhos na igreja. afinal como ele iria se sustentar! seria otimo que todos os que tocam na igreja recebessem salario para dedicar-se 100% a obra. isso evitaria historias como essa.

walldynamus
Membro

Mensagens : 89
Localização : Brasilia DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por brucce em Qui Fev 23, 2012 2:21 pm

walldynamus escreveu:eu nao sou contra um musico da igreja receber por oferecer seu tempo integral a igreja agora aumento de Salario??? ta na hora de voltar ao foco principal né.. eu toco na igreja nao recebo salario, mas nada contra com os que recebem desde que dediquem seu tempo aos trabalhos na igreja. afinal como ele iria se sustentar! seria otimo que todos os que tocam na igreja recebessem salario para dedicar-se 100% a obra. isso evitaria historias como essa.

Justamente.

brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3135
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Cid em Qui Fev 23, 2012 2:31 pm

brucce escreveu:Cid, como eu disse, se você vai se dedicar somente pra igreja eu concordo. Se você tem outro emprego EU não concordo.

Preconceito ou não, não existe embasamento bíblico pra receber se você tem outro emprego. Já se você apenas fizer isso, temos toda a tribo de levi e mais de 1000 páginas na bíblia.

Você acha certo esse técnico, que não vive para a igreja, receber por algo que você sabe que ele não vai ter tempo por causa de família e trabalho? Músico foi uma curiosidade minha, mas se aplica a qualquer um.
Brucce eu não preciso de embasamento bíblico pra dizer se eu posso ou não pagar um músico da Igreja... isso vai de visão de Igreja, assim como pregam dizimar é obrigatório outras não são porque no novo testamento blablablabla... enão entremos em discussão religiosa se não já sabemos onde vai dar...

Se um cara faz a mesma coisa dos outros e um ganha e outro não aí ta errado... mas aí tem que ver o que realmente acontece. Já teve músico da minha igreja que recebeu salário simplesmente pra Igreja não perder o cara, porque o cara tava com dificuldades financeiras e tinha um trabalho normal igual a quelauer outro....

E se o cara puder dedicar meio turno ao invés de integral você acha certo ela ganhar proporcional não?

Cid
Moderador

Mensagens : 9266
Localização : Pense numa terra boa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Papel do Músico dentro da Igreja

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 10:51 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum