[REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Sab Mar 24, 2012 4:57 pm

Boa tarde a todos.

Coloquei o "REVIEW" no título do tópico porque isto é, sim, um review.
É a minha avaliação, com fotos, de um péssimo serviço que um luthier fez em meu baixo. Minha opinião é esta: ficou tão ruim, mas tão ruim, que não acho que eu vá confiar em outro luthier nessa cidade nunca mais. Eu não paguei o serviço (e nem precisei propôr isso, o próprio luthier o fez - disse que eu não precisava pagar).

Tenho certeza de que há ótimos luthiers em nosso país - vi fotos e textos sobre o trabalho de vários deles, e tenho inveja de quem tem acesso ao trabalho destes bons profissionais.
Talvez hajam bons luthiers aqui em POA, mas, considerando as histórias (tristes) sobre cagadas de vários deles que já li na internet, e que me levaram a escolher este profissional cujo trabalho agora avalio, me fazem pensar que é melhor eu aprender a fazer todos os serviços de luthieria de que precisar por minha própria conta, mesmo que levem semanas pra ficarem prontos.

Bem, chega de viajar.

Fui à VINTAGE RS - oficina que, inclusive, já recomendei aqui no fórum. O endereço dela foi incluído na lista do tópico fixo desta área do fórum pelo CláudioBass, por sugestão minha, que enviei a ele por MP. Após este serviço, enviei outra MP a ele pedindo que retirasse a oficina da lista do fórum. O Cláudio sugeriu que eu postasse um tópico explicando meu problema.

Já estive ali três vezes antes desta última. Dos três serviços, dois tiveram alguns probleminhas - mas tudo coisa pequena que reparei em casa. Não dei bola, ajeitei por minha conta. Em geral, problemas de regulagens básicas, nada de mais.

Conversei com o MARCEL BELLEN - dono da oficina, que é sempre atencioso ao me atender. Mostrei meu baixo SX SJB-75, que ele já conhece, e contratei o seguinte:

1) um novo "nut" de osso, para substituir o original em plástico que estava meio gasto;
2) o reposicionamento do captador do braço, que veio de fábrica meio torto e fora de centro. Acrescentei que, se fosse necessário deslocar o captador, que ele fosse movido para mais perto do braço, pois gosto mais do som ali, por razões pessoais;
3) um novo escudo, feito sob medida para o baixo. Ele me disse que não tinha como fazer em três camadas, como é o padrão desse baixo. Ficou acertado que seria preto, em camada única ("single ply"). Eu gostei da idéia, achei que seria ainda melhor assim;
4) um apoio para o polegar localizado acima da junção do braço com o corpo, tipo o que tem no Fender 50th Anniversary Jazz Bass. A princípio, seria feito em jacarandá, e reduzido no comprimento e na altura, para servir apenas como um pequeno apoio mesmo, semelhante ao apoio proporcionado pelo captador do braço. Gosto de tocar as cordas próximo ao braço, e não consigo me acertar com a técnica do "polegar flutuante".

Tudo acertado, serviço contratado. Prazo de entrega: estive lá na quarta (14/3/12), ficaria pronto na segunda (19/3/12).



Na segunda feira, liguei para a Vintage RS e falei com o Marcel. Ele me disse que haveria um atraso, porque ele não tinha acrílico preto para fazer o escudo (aceitou fazer o trabalho sem ter o material em estoque?). Tudo bem, prazo pra mim nunca é problema. Ficou acertado pra quinta ou sexta. Pedi que ele tingisse o apoio de dedo de preto, para combinar melhor com o resto do baixo.
Liguei na quarta, e o Marcel confirmou para quinta. Além disso, ele me disse que não era possível tingir o apoio, e que faria o esquema com um apoio de plástico mesmo.

Cheguei lá pelas 16h. o marcel não estava. Fui atendido pelo "luthier júnior", cujo nome desconheço. Mas é o mesmo rapaz que "regulou" o meu Ibanez SR505, e fez um serviço "di permera": olhando o baixo da ponte para o braço, no sentido longitudinal, vi que a altura das cordas estava em zigue-zague. É isso mesmo: a B estava baixa, E estava alta, a A baixa, a D alta de novo, e a G Baixa. Ou o contrário, não lembro. Na época, nem disse nada, e regulei tudo em casa.

Bem, o rapaz me disse que estava tudo pronto e que faltava ver comigo o posicionamento do apoio do dedão. Peguei o baixo e pensei "mas que m... é essa...?"

Já vi de cara que o escudo não encaixava no baixo, estava tudo errado. Além disso, era um escudo de três camadas. Pelo que o carinha disse, era um escudo pronto, de baixo SX. Daí eu disse que voltaria mais tarde pra ver o negócio com o Marcel.
E o captador estava torto! Eu disse "pô, mas vocês fizeram um escudo sem endireitar o captador primeiro? E cortaram o escudo pro captador torto??" O carinha fez a mesma cara que sempre faz quando se sente contrariado, e disse "ah tá, vou arrumar". A expressão dele não era a de um profissional sério, e sim a de alguém que está pensando "bah, cara chato, que besteira isso". Dá a impressão de que, pelo fato de ser um baixo "acessível", que não é caro, não merece capricho.

Cheguei lá mais tarde. O luthier jr. me atendeu novamente, disse que o Marcel já desceria. Peguei o baixo, sentei e fui tocar. Tinha algo estranho...
"Cara, regulei como o Marcel me pediu, as cordas estão bem mais baixas e confortáveis!"

(Eu não contratei nenhum serviço de regulagem. E agora o baixo está trastejando. TODAS as cordas trastejam. O baixo estava INTOCÁVEL. Vou ter que regular tudo de novo.)

O Marcel me disse que aquele escudo não era feito sob medida, mas sim novo, recém tirado de outro SX. E que agora o captador estava certinho, que podia comprovar com um paquímetro. Falava com entusiasmo!
Eu desanimadamente e decepcionadamente (existem esses termos?) disse a ele que aquele escudo estava todo errado, e que eu queria um escudo sob medida justamente para que encaixasse direito nas imperfeições do baixo. Ele pediu desculpas, ficou meio com o rabo entre as pernas e disse que receberia o acrílico em duas semanas. Reclamei da regulagem que não pedi pra fazer, e ele pediu pro guri levantar as cordas de novo. NEM MORTO! "Eu mesmo acerto isso em casa, pode deixar." Daí eu disse "bom, vou pagar o nut de osso e me devolve meu escudo original, daí eu volto quando você tiver o acrílico".

"Cara, o negócio é o seguinte: eu troquei o escudo tortoise do teu baixo pelo preto de um outro. E esse outro, eu vendi."

O CARA BOTOU MEU ESCUDO BLINDADO (POR MIM MESMO) COM COBRE EM OUTRO BAIXO E VENDEU!!!!!!
E o escudo original, por mais que não fechasse perfeitamente com o baixo, ajustava 100% melhor que essa bomba preta que ele pôs no lugar!!!!

Eu já tava bem triste, daí dei tchau e fui embora pra conferir o estrago em casa...

Está sem os parafusos. A primeira coisa que fiz foi desmontar o baixo pra ver se não tinham futucado em nada. Mas deixei os furos alinhados com o escudo, é assim que ele "encaixa" no baixo.
De cara vi que o captador do braço continua fora de centro - ele foi apenas "girado". Sei que isso não influencia no som, mas, pôxa, contratei o serviço completo: escudo sob medida e captador no lugar. Simples!



Vejam a precisão dos encaixes:





Vejam como esta curva do escudo fecha direitinho com a curva do corpo do baixo ( Sad ):



O escudo original não encaixava direito na placa de controle. Por isso, para cobrir o buraco, fiz uma "cobertura" de cobre. Ficava legal, porque a fenda era retinha e aparecia o cobre brilhando embaixo.
Agora, ficou assim:



Bem, quase tive um ataque quando tirei o escudo e vi o que havia por baixo...



Como o escudo não encaixava, a pessoa que fez a instalação FUROU O BAIXO TODO DE NOVO. Agora tenho furos com o dobro do tamanho, ou duplicados, e uma porcariada de palitos de dente e sei lá o quê que foi usada para cobrir os furos originais!!!!
QUE BELEZA de escudo personalizado. Personalizaram O BAIXO para o escudo PODRE!!!

O processo foi muito mal feito. Acho que os novos furos não foram feitos com uma furadeira, o luthier cravou os parafusos direto. Isso estragou o verniz.







Furos com o dobro do tamanho, e duplicados. Que parafuso vai pegar nessa mixórdia?







Sei lá o que essa marca que apareceu aí:



Lembram daquela cobertura de cobre que eu mencionei anteriormente? Olha como ficou:



Até a placa de controle foi deslocada. O furo da ponta foi deslocado, o original, mal coberto, e o luthier forçou a placa toda contra a parede interna do baixo. Isso estragou a solda num dos terminais do jack de saída, que ficou "contra a parede".
Não tirei foto disso, até posso postar depois, mas cansei de mexer com essa tralha. Mas, se quiserem, só pedir.

Concluindo: não paguei nada por um serviço completo de estragamento de baixo.
Ele não é um baixo caro, nem raro. É o primeiro que comprei, seguindo sugestões daqui do fórum. Não gostei dele no início, mas fiz uma série de mudanças e acabei curtindo muito este SX, ficou bem balanceado, e gosto do som dos captadores originais. As cordas estavam bem reguladas, estava tudo excelente! Resolvi acertar os pequenos detalhes estéticos que faltavam, e trocar o escudo por outro, porque acho o preto mais bonito, e agora estou aí...com meu SX em cima da cama, nessa situação deplorável.

Nunca mais vou a luthier nessa cidade.

E não recomendo a VINTAGE RS a ninguém.

(continua no próximo post)


Última edição por ferabreu em Seg Abr 02, 2012 2:30 pm, editado 2 vez(es) (Razão : Alterei o título do tópico, para torná-lo mais ilustrativo e claro.)
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Sab Mar 24, 2012 5:06 pm

Esta manhã eu estava louco da vida.

Aí fui dar uma olhada no GMail e o Marcel Bellen estava online. Travei o seguinte diálogo com ele (antecipo que não fui cortês, mas que, por outro lado, ele foi evasivo e não justificou a porcaria que fez - pior, não reconheceu que tenho razão e me chamou de mal educado):

11:51
eu: Marcel, estou totalmente decepcionado com o "serviço" que foi feito no meu baixo SX. Sei que você deve achar mais importante trabalhar para músicos conceituados no mercado, e com instrumentos de marcas famosas, mas isso não te dá o direito de esculachar o meu baixo e fazer o que fez com ele (e comigo). Não sei quem fez esse estrago, e nem quero saber - a loja é sua, e a responsabilidade também. Por ora, te digo apenas que vou postar fotos e um texto explicando os fatos em todos os fóruns de música que conheço, e também no Facebook.
11:52
Vintage: Po brother estou tentando resolver seu problema porque na real ninguem ......anda fazendo escudos em POA

eu: Eu te encomendei um escudo sob medida para o baixo. Você pegou um escudo que não encaixava e esburacou o baixo todo para encaixar uma peça (que não encaixava). Agora tenho um baixo com um monte de buracos preenchidos, e vai ficar brabo preu consertar isso.

EU MESMO vou fazer o escudo, cara.
11:53
Se eu soubesse que isso ia acontecer, não teria te levado o baixo.

Você sempre fez bons serviços, mas dessa vez foi uma BOMBA.

Vintage: ATE O cherutti ME LIGOU E PEDIU ESSE SERVICO COMPREI UMA PLACA INTEIRA COM A MULHER PRA RESOLVER ISSO PRA TI SEMANA Q VEM]

eu: Precisava lascar o verniz do baixo? Mover a placa de controle? Chegou a quebrar o cabo do jack tchê...

Vintage: TUDO BEM FACA O QUE ACHAR QUE SEU CORACAO DEVE FAZER MAS SEMPRE FUI EDUCADO COM VOCE E FIZ MEU TRABALHO DIREITO
11:54
eu: Não foi educado não.

Você VENDEU MEU ESCUDO, cara!

Vintage: SE QUISER AINDA ME DAR UM VOTO DE CONFIANCA E TRAZER AQUI TUDO9 BEM

eu: Eu te disse que tava te DANDO o escudo?

NÃO!

Agora vou ter muito mais trabalho do que teria se tivesse resolvido fazer eu mesmo o negócio.

Vintage: BROTHER TE CONSIGO OUTRO SEM PROBLEMAS FOI MUITO DIFICIL PRA MIM CONSEGUIR O MATERIAL ANTES DO PRAZO
11:55
eu: Então por que pegou o serviço, cara? Era só dizer que não tinha o material, pronto!

Poxa, tu é um luthier meu amigo.

Sei que tem olho pra instrumentos.

Não acredito que você não tenha visto que o escudo simplesmente não encaixava ali!

Vintage: TUDO BEM TENS RAZAO JA TE PEDI DESCULPAS E FAREI O CERTO CONTIGO ATE TE PROPUS DE NAO TE COBRAR

eu: E daí esburacou o negócio todo pra fazer um serviço ruim?

cara, mesmo que eu não pague, estou no prejuízo.
11:56
O nut do Ibanez ficou excelente! Este, agora, ficou ruim tb.

Vintage: FAREMOS NOVAMENTE FICA TRANQUILO....

eu: NADA se salvou neste serviço. Agora tenho um baixo com um nut meia boca, todo esburacado e lascado, e trastejando.
11:57
Perdeu minha confiança, cara. Se você fez o que fez, é porque não acha que eu seja um cliente importante para você.

Vintage: VOU RESOLVER SE RESOLVI POSSO REFAZER NOVAMENTE MAS TENHO CERTEZA QUE PRIAREI MAIS PRA QUE ISSO NAO ACONTECA

eu: E isso sim é falta de respeito.

Marcel, depois dessa, eu nunca mais vou na tua loja. Depois vc vê as fotos que vou postar por aí OK?

Bom fim de semana.

11:59
Vintage: PO BROTHER SE TU SOUBESSE A FORCA QUE EU faco pra agradar os clientes e nem sempre consigo

nem DEUS agradou a todo mundo

espero que TU no teu trabalho seja tao poderoso assim como voce esta me exigindo.....pois me comprometi contigo e estou disposto a recuperar
12:00
agora faca o que achar melhor mas lembre o mundo cobra de todos nao so de mim
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Sab Mar 24, 2012 5:15 pm

E é isso aí.

Agora, peço ajuda para resolver esses problemas por minha conta.

O que posso usar para tapar os furos que eu não quiser manter? Vi uns produtos chamados "massa para madeira", tipo "Sayermassa", e outra chamada "Drylevis Massa Flex Tapa Tudo 5000". Devo usar isso?

Lembrando que provavelmente haverão parafusos nestes furos cobertos...não pode ser um material pouco resistente.

Vou tentar conseguir o escudo direto em alguma loja que trabalhe com peças de acrílico. Farei um molde em papel cartão. Pensei em começar usando um modelo de escudo de jazz bass, ajustando-o para o meu baixo, mas não achei nenhum "template" na internet. Alguém sabe onde posso conseguir um arquivo com um modelo para imprimir?

Mais fácil seria fazer em madeira escura - se eu achar alguma loja que venda chapas finas o bastante. Alguém já fez isso? Ou tem que ser em acrílico mesmo?

Que droga, que droga, que droga...
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por gpraxedes em Sab Mar 24, 2012 5:33 pm

Cara o serviço foi muito mal feito mesmo, nunca vi isso, mas se ele se dispôs a corrigir, eu teria dado essa chance, após isso, se não resolvesse, aí chutava o pal da barraca. Mas não considero errada sua atitude em não voltar lá, eu mesmo tenho o maior carinho pelos meus instrumentos...
avatar
gpraxedes
Membro

Mensagens : 7309
Localização : Manaus

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ct.colela em Sab Mar 24, 2012 5:42 pm

Ferabreu desculpa minha opinião
A questão dos furos é normal todo luthier que conheço faz a mesma coisa que o cara fez ai
de fechar os furos com palitos e abrir novos furos para instalar um escudo novo
o que o cara errou foi o fato de ter negociado a construção de um novo escudo e não fazer o mesmo
o correto seria ele ter entrado em contato com voce e ter perguntado se poderia usar outro escudo no lugar porque estava com dificuldade de encontrar material
Agora a pergunta que não quer calar
porque voce quer fechar os furos com massa de madeira?
gastar dinheiro para arrumar um furo que não aparece
é bobagem voce gastar tempo e grana e pior de tudo ficar fritando neuronio com esses detalhes
desencana desse strees e vai curtir seu instrumento vai fazer um som
e outra coisa o luthier se propos a arrumar os seus erros ,leve seu baixo de volta para que faça as devidas correções de nut escudo e regulagem
se não ficar bom ai se desce a lenha no cara
avatar
ct.colela
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 3272
Localização : São paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Sab Mar 24, 2012 6:08 pm

Pô colela...tu acha isso mesmo cara?

Eu devo dar outra chance pro cara que fez tudo errado e ainda por cima furtou meu escudo original?

Acho que, dependendo de onde os parafusos do "modelo" de escudo estiverem, eu terei que colocar parafusos nesses buracos que estão todos "arrombados" - afinal, é tudo escudo de jazz bass, alguns parafusos vão coincidir. E isso não resultará em boa fixação. Por isso eu acho que terei que fechar alguns furos, ou "recauchutar" alguns - não é a aparência, mas sim o fato de ter que haver algum material que aceite os parafusos com firmeza, entendeu?

Acho estranho você achar que os detalhes que apontei são bobagem, considerando o caso. Não sei por que devemos pagar um preço "perfeito" por serviços "malfeitos".
Se eu receber um serviço meia boca e fizer um pagamento "meia boca", o profissional vai brigar, não vai?

Sei lá, a gente vê tanta coisa legal e super bem-feita na internet, até mesmo aqui no fórum. Por que devemos aceitar trabalhos mal-feitos?

Essa parte aqui: "desencana desse strees e vai curtir seu instrumento vai fazer um som". Pôxa, parece bem mesmo uma postura bem padrão, fazer vista grossa e mandar o cara longe.

Respeito sua opinião, mas não concordo com ela não.

Abraço!
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Thales_Sr em Sab Mar 24, 2012 6:27 pm

Também penso como você, ferabreu. Serviços como esses que o luthier fez, que são irreversíveis, só poderiam ter sido feitos com o seu consentimento, e alertando para o que pudesse acontecer.
avatar
Thales_Sr
Moderador

Mensagens : 7309
Localização : Aracaju/SE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ct.colela em Sab Mar 24, 2012 6:31 pm

ferabreu voce me interpretou mal
eu não estou tirando sua razão
eu só estou tentando te dizer que voce esta queimando neuronio com bobagem,voce esta se estressando com pouca coisa
se o luthier tivesse derrubado seu baixo no chão e ferrasse a pintura ou se o cara tivesse zuado seu cap coisas piores entende?
o escudo quando chegar o material ele faz outro e arruma as emendas entre chapa e escudo
para fechar os furos coloque uma gota de bonder e depois enfie um palito de dente no buraco
depois com uma lamina corte o palito bem rente ao verniz com cuidado para não lascar mais a pintura e para finalizar colque outra micro gota de bonder.
é isso que eu quero que entenda voce conserta esses furos com facilidade
e não precisa ficar nervosos com isso
volta no cara e pede para corrigir o nut
ou fazer outro
quando eu te digo vai curtir seu instrumento e fazer um som
quero dizer relaxa que tem conserto e que no final das contas vai dar tudo certo
avatar
ct.colela
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 3272
Localização : São paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por siodoni em Sab Mar 24, 2012 6:44 pm

Cara que serviço porco ein!

Agora nesse ponto concordo com o Colela
ct.colela escreveu:...o luthier se propos a arrumar os seus erros ,leve seu baixo de volta para que faça as devidas
correções de nut escudo e regulagem se não ficar bom ai se desce a lenha no cara
avatar
siodoni
Membro

Mensagens : 4928
Localização : Serrana - SP

http://www.leso.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por G. Kanazawa em Sab Mar 24, 2012 8:47 pm

Ele vendeu seu escudo, vc deveria cobrar entao a grana desse escudo. De uma ultima chance pro cara, explique minuciosamente o que vc quer, mas tambem cobre que ele faca exatamente oq vc quer.
avatar
G. Kanazawa
Membro

Mensagens : 1074
Localização : Mie, Japão

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por allexcosta em Sab Mar 24, 2012 11:30 pm

2 opções plausíveis...

- Conversar com o cara e tentar resolver na boa.
- Entrar na justiça.

Escolha...
avatar
allexcosta
Administrador

Mensagens : 41727
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Tarcísio Caetano em Sab Mar 24, 2012 11:57 pm

Minha opinião:

Quando você faz um trabalho, que seja num serviço regular, de carteira assinada, ou como um profissional liberal/autônomo, você recebe o valor cobrado, seja salário ou valor por serviço prestado, é para fazer direito, corretamente, de acordo com o que foi contratado, não para fazer estas m***as todas aí. Isto é falta de competência e responsabilidade para com o cliente. E temos profissionais assim por causa de nossa passividade - se arrependimento matasse, eu nem estava escrevendo isto aqui, já tinha apodrecido.
Sou suspeito para falar, é lógico. Mas nunca é tarde para aprender. Meu conselho: JUSTIÇA.

E só uma ponderação para reflexão: Se você, como músico/baixista profissional, é contratado para fazer um show e chega lá, toca errado, fora de tempo, esquece um punhado de coisas...que acontecerá depois do show? Até mesmo, se este "show" acontecer num "buteco copo sujo"?
Duvido que você terá uma nova chance...
avatar
Tarcísio Caetano
Membro

Mensagens : 5584
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por subgrave em Dom Mar 25, 2012 1:20 am


sorte que a buraquera toda vai ficar escondida atrás do escudo...

subgrave
Banido

Mensagens : 3034
Localização : República Rio-Grandense

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por bodhan em Dom Mar 25, 2012 1:45 am

... compartilho sua frustração, ferabreu e entendo. O luthier deve ser bom, mas provavelmente não é bom para montar e gerenciar uma equipe de luthiers. Acontece. O luthier tem boa fama, tem um mercado e contrata pessoas para ajudar. Infelizmente deu no que deu. Importante seria ele fazer o serviço, por isso acho que você deveria deixar ele consertar os erros feitos. Ele deve ter competência para isso.
Já aconteceu comigo coisa semelhante. Percebi que o serviço foi feito por outro. Um assistente. Até aí tudo bem, mas o que achei de mais desagradável, foi que senti que o luthier entregou o instrumento sem ter checado antes. E eu de cara saquei que tinha uma "mão" diferente. Não gostei do serviço. Expliquei. Escutei algumas justificativas evasivas. Insisti na minha percepção, elogiei o serviço do luthier e disse para ele ensinar melhor seus assistentes. Adotei outro. Acabei voltando muito tempo depois e fui enfático: "Por favor, faça você o serviço, por favor!"
Dou preferencia a gente que pega a mão na massa mesmo. Sem equipe.
Se bem que já aconteceu comigo uma situação muito desgradável com um luthier muito badalado tão bem falado, endeusado, ... sei lá, acho que eu tenho cara de trouxa ...
Boa sorte. Seja chato ... cricri ... seu Saraiva ... pentelho ...
avatar
bodhan
Membro

Mensagens : 1322
Localização : sp-sp

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Paulo Penna em Dom Mar 25, 2012 5:15 pm

Colela, me desculape, mas faz\er a furação novamente pra instalar pickguard é o fim da picada!!! Se algum luthier fizer algo proximo disso ai num instrumento meu eu endoidaria!!!!
A usnica solução que vejo é tampar os furos e envernizar o baixo novamente....
H amusicos que não dão a mínima pelo instyrumento, ele é apenas o meio.... há amantes de instrumento.... eu sou um!
avatar
Paulo Penna
Membro

Mensagens : 1940
Localização : BH

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por CG em Dom Mar 25, 2012 5:36 pm

Quanto a furação o erro foi do luthier, se você pede um escudo sob medida, o minimo que você espera é que a furação seja a mesma. Concordo que é um item que não aparece, mas que é chato é. Vender o escudo do cliente também é um erro crasso. O luthier se propos a reparar o serviço, eu daria a oportunidade dele corrigir a obrada. Talvez nem levasse o instrumento lá depois, mas se ele fez a obrada, ele que limpe.
avatar
CG
Moderador

Mensagens : 11350
Localização : São Roque - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por RenanB em Dom Mar 25, 2012 6:11 pm

bodhan escreveu:... compartilho sua frustração, ferabreu e entendo. O luthier deve ser bom, mas provavelmente não é bom para montar e gerenciar uma equipe de luthiers. Acontece. O luthier tem boa fama, tem um mercado e contrata pessoas para ajudar. Infelizmente deu no que deu. Importante seria ele fazer o serviço, por isso acho que você deveria deixar ele consertar os erros feitos. Ele deve ter competência para isso.
Já aconteceu comigo coisa semelhante. Percebi que o serviço foi feito por outro. Um assistente. Até aí tudo bem, mas o que achei de mais desagradável, foi que senti que o luthier entregou o instrumento sem ter checado antes. E eu de cara saquei que tinha uma "mão" diferente. Não gostei do serviço. Expliquei. Escutei algumas justificativas evasivas. Insisti na minha percepção, elogiei o serviço do luthier e disse para ele ensinar melhor seus assistentes. Adotei outro. Acabei voltando muito tempo depois e fui enfático: "Por favor, faça você o serviço, por favor!"
Dou preferencia a gente que pega a mão na massa mesmo. Sem equipe.
Se bem que já aconteceu comigo uma situação muito desgradável com um luthier muito badalado tão bem falado, endeusado, ... sei lá, acho que eu tenho cara de trouxa ...
Boa sorte. Seja chato ... cricri ... seu Saraiva ... pentelho ...

é bem por aí mesmo, sei bem como é isso, tem luthier aqui que antes de ser conhecido fazia os serviços muito bem, conversava com o cliente, dava detalhes de como ia fazer etc, depois que ficou conhecido e o volume de serviços aumentou, começou a ser desleixado com alguns instrumentos, passava para outros fazerem etc., sei que não é fácil dar conta de tudo, mas o cara não pode agir de má fé, ele começa a selecionar os serviços que vai fazer direito, acho que foi o caso do colega do tópico, como se tratava de um baixo barato acabou não sendo prioridade, ou então se ele percebe q o cliente é inexperiente tenta passar a perna e as vezes nem faz nada no instrumento e diz q está ótimo, isso é pilantragem! infelizmente é a realidade em muitos lugares por aí, é difícil achar um profissional honesto! mas a internet e o boca a boca estão aí para isso a fama de maus serviços vai se espalhando e cara vai se dar mal mais na frente! se fosse mais inteligente poderia fazer fazer como alguns fazem, não aceitar todo serviço que aparece e cobrar um pouco mais caro mas com o serviço bem feito, acho justo.

RenanB
Membro

Mensagens : 146

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ct.colela em Dom Mar 25, 2012 6:43 pm

Paulo se voce for trocar o escudo de um sx por um escudo fender original
os furos não vão bater assim como outras marcas e modelos
existe ate escudo fender original que não bate com a furação original do proprio baixo fender
e como voce vai fazer ?
tem que abrir furos novos no lugar
não existe milagre
pensando dessa forma voce nunca vai fazer um upgrade no seu baixo ou se fizer vai sair caro pacas
chega num luthier para trocar o escudo do sx e pede para fechar os furos e refazer a pintura para esconder os furos antigos
no minimo um trampo de 400 reias
eu não estou tirando a razão do Fernando ,o luthier cometeu varios erros no serviço e se prontificou a resolver a situação
Realmente eu não tenho esse apego por instrumentos, ja passei dessa fase,hoje eu vejo valor em outras coisas relacionadas a vida ao crescimernto humano
antes eu arrancava os cabelos por bobagens materiais perdia o sono
hoje vivo em paz
avatar
ct.colela
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 3272
Localização : São paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por GeTorres em Dom Mar 25, 2012 6:51 pm

Na boa FERABREU,

Eu não me considero luthier, considero-me um cara que sabe fazer alguns serviços e que procura utilizar o bom senso no que faz, e se não sei, procuro quem possa me explicar.

Eu jamais faria um serviço 'boca de porco' igual ao que o "lutiê" fez. Eu instalei um escudo padrão fender em meu PB giannini, a furação é claro que não bateu, mas é meu baixo, meu problema. Em instrumentos "de clientes" jamais eu faria isso sem antes consultar o dono, no seu caso, nem precisava perguntar você tratou um escudo sob medida e não um escudo adaptado.

Compreendo sua frustração e por passar por algo similar é que eu resolvi aprender um pouco de luthieria.

Quanto a sugestão do Tio Allex, eu fico com a "deixa ele limpar a caca que fez, caso você entenda que não está de acordo com o padrão exigido/contratado, ai sim!!! Juizado especial de pequenas causa nele!!! (é em face do baixo valor do conserto e do 'reconserto' e não do baixo)
avatar
GeTorres
Membro

Mensagens : 4678
Localização : Potim SP (Serra da Mantiqueira & Vale Histórico)

http://luthieiragetorres.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por CG em Dom Mar 25, 2012 6:51 pm

ct.colela escreveu:Paulo se voce for trocar o escudo de um sx por um escudo fender original
os furos não vão bater assim como outras marcas e modelos
existe ate escudo fender original que não bate com a furação original do proprio baixo fender
e como voce vai fazer ?
tem que abrir furos novos no lugar
não existe milagre

Concordo contigo Trollela, acho que inclusive que isso nem é tão importante assim. Mas pelo que entendi o Ferabreu optou por fazer um escudo personalizado justamente para não fazer novos furos no baixo. Aí vai o luthier e faz os furos... É soda.

Eu não esquentaria a cabeça por um item que nem aparece.
avatar
CG
Moderador

Mensagens : 11350
Localização : São Roque - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Paulo Penna em Dom Mar 25, 2012 8:08 pm

Se tem algum nivel restante de confiança no cara, deixa ele arrumar a m****, mas pelo visto não tem... ai, um abraço.
avatar
Paulo Penna
Membro

Mensagens : 1940
Localização : BH

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 12:02 pm

colela, colela...
Dá uma maneirada nos narcóticos, meu, e lê o que escrevi, heheheh...

Cara, eu não comprei um escudo pronto e não pedi pro luthier instalar um escudo pronto.
Eu encomendei um escudo sob medida. Isso quer dizer que o escudo deve se adaptar ao baixo, e não o contrário! Não de deve furar um baixo pra instalar um escudo sob medida, porque este é feito sob medida para os furos que já existirem.

Imagina se eu vou a uma loja e encomendo um terno sob medida. Aí depois eu vou lá buscar o terno e ele não serve. Por acaso o vendedor vai dizer "olha seu cliente, você tá muito magro pro terno sob medida, então vai ter que engordar 5kg pra calça não cair, e fazer 6 meses de academia pra se ajustar ao paletó."

Não dá né?
Não comprei escudo pronto da SX, nem da Fender, nem da Allparts: encomendei um escudo SOB MEDIDA. Fim.

Não poderei retornar à luthieria, por dois motivos:

1) eu já reclamei com o cara, já disse que nunca mais voltaria lá e que postaria o caso em todos os fóruns de música que conheço, e no Facebook tb;
2) conversei com alguns músicos que conheço... Todos reprovaram minha idéia de levar o baixo à Vintage RS. Disseram que não sabem como o estabelecimento continua aberto, considerando os eventos que se passam ali. (Estou usando uma linguagem politicamente correta para descrever a síntese das conversas. Maiores detalhes do que ouvi, posso mandar por MP.)

Consegui alguns modelos em tamanho real, em PDF e JPG. Com eles, poderei fazer um molde em papel cartão, e, a partir disso, posso mandar fazer o escudo em uma loja de acrílicos... Ou poderia fazer numa serralheria, em metal, e aplicar vinil preto por cima.

Os furos, vou ver como cobrir...acho que super bonder não dá certo não, é uma cola meio quebradiça.

Bem, fica aí o caso exposto para que todos saibam como é a Vintage RS.
E aceito sugestões que facilitem o conserto que terei que fazer. Obrigado desde já.

Não sei se vou ao PROCON ou direto na justiça.... Sad
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Fernando Zadá em Seg Mar 26, 2012 12:23 pm

Putz só o lance do cara tirar seu escudo e ter vendido já chamava a policia. p*** folga!!
O resto nem se fala!! Que tosqueira braba!!!!
avatar
Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10457

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ct.colela em Seg Mar 26, 2012 12:26 pm

ct.colela escreveu:Ferabreu desculpa minha opinião

o que o cara errou foi o fato de ter negociado a construção de um novo escudo e não fazer o mesmo
o correto seria ele ter entrado em contato com voce e ter perguntado se poderia usar outro escudo no lugar porque estava com dificuldade de encontrar material


ferabreu escreveu:colela, colela...
Dá uma maneirada nos narcóticos, meu, e lê o que escrevi, heheheh...

Cara, eu não comprei um escudo pronto e não pedi pro luthier instalar um escudo pronto.
Eu encomendei um escudo sob medida. Isso quer dizer que o escudo deve se adaptar ao baixo
, e não o contrário! Não de deve furar um baixo pra instalar um escudo sob medida, porque este é feito sob medida para os furos que já existirem.


furos, vou ver como cobrir...acho que super bonder não dá certo não, é uma cola meio quebradiça.

Sad
Se não leu o meu primeiro post não fernando?

outra coisa pode usar o bonder sim que funciona
avatar
ct.colela
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 3272
Localização : São paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Renato em Seg Mar 26, 2012 12:32 pm

Cara, sem perdão para esse "luthier". Serviço mais do que porco, extremamente amador e mal feito, além de ter agido com má fé pelo menos 2 vezes, a primeira quando vendeu seu escudo e a segunda quando se comprometeu a fazer um escudo personalizado e instalou um pronto e que não encaixava.

PROCON nele e se não chegar a um acerto que lhe satisfaça, pequenas causas. Particularmente, eu não ficaria satisfeito com nada menos que um instrumento novo, dada à nojeira que ele fez em seu baixo. Mesmo que os reparos na buraqueira que ele fez fiquem escondidos pelo escudo, você sempre saberá o que está oculto ali e é decepcionante para quem é dono e preza por seus bens.
avatar
Renato
Membro

Mensagens : 6066
Localização : Mogi Mirim SP (Made in Recife PE)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Zuma em Seg Mar 26, 2012 12:56 pm

Esse serviço não tem perdão. Horroroso e desonesto.
Não importa se foi ele quem fez ou se foi um ajudante, a responsabilidade é dele. É assim que funciona em qualquer profissão.
Um serviço simples desse e o cara faz uma coisa dessa...
Tem muita gente aqui querendo dar outra chance ao "luthier", mas, e se fosse o seu baixo? Você teria coragem de levar o baixo de novo para o cara fazer mais uma macacada?
Uma coisa é simples: qualquer alteração no serviço, como nova furação, troca/venda de escudos (sem comentários...), deve ser comunicada ao cliente. É assim que um bom prestador de serviço faz.
ferabreu, se eu fosse você eu pegaria as notas fiscais e o baixo e levaria no PROCON. Coloca a justiça atrás dele. Amigos advogados servem para isso.
Polícia nele! Isso é picaretagem!
avatar
Zuma
Membro

Mensagens : 302
Localização : Salvador-Ba

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por brucce em Seg Mar 26, 2012 12:59 pm

Eu já deixei de ir em luthier por regulada porca, imagina se ele fizesse isso no meu baixo, eu voltava com a polícia lá....

2a chance? É ruim hein....
avatar
brucce
Síndico
Síndico

Mensagens : 3136
Localização : Santo André

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por CaQuinhO em Seg Mar 26, 2012 1:05 pm

Eu nem luthier sou, mas eu GARANTO que faria um trabalho bem melhor do que essa porcaria que esse tosco fez no teu contrabaixo.
avatar
CaQuinhO
Membro

Mensagens : 2012
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 1:06 pm

Oi colela.

É que tu escreveu isso aqui, ó:

Paulo se voce for trocar o escudo de um sx por um escudo fender original
os furos não vão bater assim como outras marcas e modelos
existe ate escudo fender original que não bate com a furação original do proprio baixo fender
e como voce vai fazer ?
tem que abrir furos novos no lugar
não existe milagre

Expliquei mais de uma vez que o escudo devia ser sob medida, e você continuou a concordar com o fato de o luthier ter furado o baixo.
Não é correto abrir furos para um escudo personalizado, a não ser que o novo escudo tenha um formato fora do padrão, que exija novos parafusos em locais fora do padrão.

Que confusão! Heheheh.
Mas não vamos discutir. Eu ainda quero comprar um System 9 de ti no futuro. Cool

Pois é, chamar a polícia por causa do escudo? O policial ia ficar pê da cara, heheheh.

Bah Renato, eu nem sei o que poderia requerer no PROCON.
Um baixo novo eu não ganharia - nem pelo procon, nem no pequenas causas - o juiz não concordaria comigo, diria que os furos não aparecem.

Na verdade, o que mais me "impede" de ir ao procon ou à justiça é mesmo o pedido. Se desse pra confiar no cara e forçá-lo a consertar, seria tranquilo, mas agora estou certo de que não devo mais deixar meu baixo na Vintage RS por nada nesse mundo.
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Zuma em Seg Mar 26, 2012 1:15 pm

Cara, sabe quando você é assaltado e não vai na delegacia dar queixa? Pois é, a polícia nunca vai saber que aquela área precisa de reforço. É o que eles dizem, mas não podemos garantir que eles vão fazer.
Se essa empresa tiver CNPJ, tem que ficar algo registrado contra ela. Isso é um absurdo. Enfim, é uma tentativa de não passar em branco. Pode não dar em nada, mas pelo menos você fez.
Sua denúncia no forum já foi útil, mas profissionais incompetentes são reportados todos os dias aos seus conselhos. Essa empresa é tem que ser denunciada de alguma forma.
Eu não acho um escudo uma besteira. Daqui a pouco vão dizer que é um SX, baixo barato, nem vale a pena reclamar.
avatar
Zuma
Membro

Mensagens : 302
Localização : Salvador-Ba

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Fernando Zadá em Seg Mar 26, 2012 1:17 pm

ferabreu escreveu:

Pois é, chamar a polícia por causa do escudo? O policial ia ficar pê da cara, heheheh.

Na verdade, o que mais me "impede" de ir ao procon ou à justiça é mesmo o pedido. Se desse pra confiar no cara e forçá-lo a consertar, seria tranquilo, mas agora estou certo de que não devo mais deixar meu baixo na Vintage RS por nada nesse mundo.

Cara um escudo ou parafuso ainda é roubo pelo meu ponto de vista. No minimo ele ia ter que cobrir o custo desse escudo.
E se o policial ficar P azar o dele é serviço dele registrar queixa.
avatar
Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10457

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por allexcosta em Seg Mar 26, 2012 1:51 pm

O certo mesmo é esse luthier comprar um SX novo e te dar e ficar com esse. Ele vende novo e perde sei lá, 200 ou 300 Reais. Bem melhor que queimar o nome. Quem fica satisfeito com o serviço fala pra 3 pessoas, quem não fica fala pra 30.
avatar
allexcosta
Administrador

Mensagens : 41727
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por GeTorres em Seg Mar 26, 2012 2:11 pm

ferabreu escreveu:
Bah Renato, eu nem sei o que poderia requerer no PROCON.
Um baixo novo eu não ganharia - nem pelo procon, nem no pequenas causas - o juiz não concordaria comigo, diria que os furos não aparecem.

Na verdade, o que mais me "impede" de ir ao procon ou à justiça é mesmo o pedido. Se desse pra confiar no cara e forçá-lo a consertar, seria tranquilo, mas agora estou certo de que não devo mais deixar meu baixo na Vintage RS por nada nesse mundo.

Então vou te ajudar:

Você pode entrar através do procon, judicialmente contra ele. Você pode pedir a reparação em outra luthieria, alegando os fatos apresentados, imperícia, confiança perdida e pode alegar a frustração, a deprê, comente também o que você ouviu de outros clientes da loja, se for possível, transcreva um relato com a identificação completa da pessoa (peça para ele ser a sua testemunha e faça isso) e junte tudo isto na sua petição inicial.

O juiz é humano, e talvez tenha passado por algo similar com mecânico, pedreiro, etc... Isso pode reavivar más recordações e fazer com que o juiz concorde com você (EU DISSE PODE ACONTECER, NÃO QUE VAI ACONTECER)
Eu creio sinceramente que é perfeitamente lógico e possível o pedido, inclusive, aconselho a você pedir orçamento por escrito em 3 luthierias e apresentar ao "lutiê" quando você forem ter aquele papo cabeça na frente do Juiz. Você não precisa de advogado para entrar contra ele no J.E.P.C. ou Procon.

O orçamento deve estar descriminado o que será feito, para tentar restaurar o "Status Quo Ante",(estado original do baixo, sem a intervenção desastrosa do Mané) e não perdoaria nada, requisitava a devolução do escudo APROPRIADO INDEVIDAMENTE Uma vez que você deixou o baixo (principal) para a troca do escudo (acessório) que lhe pertence, mesmo não estando o acessório ligado ao principal (troca feita? kkkkkk kgd
feita!) Não entendo como furto, pois o escudo estava sob guarda dele com seu consentimento, vendeu? apropriou-se indevidamente (apropriação indébita) e você pode requerer o seu escudo ou por um valor nele e pedir alternativamente a restituição monetária do bem.

No caso tapar os furos com algum tipo de enxerto, nem que tenha que alargar um pouco mais para ficar um enxerto bem feito (eu entendo desta forma, posso estar errado), após o enxerto, aplicar um top que seja parecido com a madeira original, e reenvernizar; adaptação de escudo sob medida (aproveitando que os furos foram tapados e agora é um top o que se vê) com os furos coincidindo ou não, você escolhe, e o nut novo, já que o atual novo esta aquela josta!

Bem, é isso!

Se tiver mais dúvidas de como colocar o safado no seu devido lugar, é só perguntar!
avatar
GeTorres
Membro

Mensagens : 4678
Localização : Potim SP (Serra da Mantiqueira & Vale Histórico)

http://luthieiragetorres.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por GeTorres em Seg Mar 26, 2012 2:15 pm

allexcosta escreveu:O certo mesmo é esse luthier comprar um SX novo e te dar e ficar com esse. Ele vende novo e perde sei lá, 200 ou 300 Reais. Bem melhor que queimar o nome. Quem fica satisfeito com o serviço fala pra 3 pessoas, quem não fica fala pra 30.

Concordo com você Tio Allex, mas não creio que o 'lutiê' vá pensar em ressarcir o preju do ferabreu deste modo, mas nada impede que ele faça como eu disse e ALTERNATIVAMENTE ao pedido de restauração ao "Status Quo Ante" a compra de um SX novo com o compromisso do Fernando de entregar ao 'lutiê' o baixo lascado, digo esburacado, após receber o baixo novo.


Última edição por GeTorres em Seg Mar 26, 2012 2:16 pm, editado 2 vez(es) (Razão : complementação)
avatar
GeTorres
Membro

Mensagens : 4678
Localização : Potim SP (Serra da Mantiqueira & Vale Histórico)

http://luthieiragetorres.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 2:18 pm

É, vou mesmo à delegacia registrar a ocorrência. O fato de o meu escudo ter sido furtado é motivo suficiente.

Vocês não têm mesmo nenhum apego aos seus baixos, hein?
Pô, eu não quero um baixo novo, quero ESTE mesmo! Heheheh. Se eu não me importasse com isso, teria vendido o instrumento com os defeitos que tem e procurado outro, provavelmente um Squier.

Allex, é bem capaz que ele fosse pegar meu baixo e vender como novo mesmo...
Esse escudo que ele pôs no meu, por exemplo, disse que é novo, mas está bem marcado de palhetadas e sei lá mais o quê.

Daqui a pouco vão dizer que é um SX, baixo barato, nem vale a pena reclamar.

É Zuma, isso é verdade.
Concluí que deve ser comum luthiers prestarem um serviço melhor a músicos conhecidos, com instrumentos de marca, do que a estudantes com instrumentos chineses.
O fato de o baixo ser "barato" faz com que as pessoas não dêem bola e achem que não se justifica a execução de um serviço realmente perfeito.

Os luthiers deveriam dizer ao cliente, na hora da contratação: "olha cliente, eu presto serviço nível bronze, prata e ouro. O primeiro custa um dinheiro e tem prazo de entrega de um dia, o segundo custa dois dinheiros e o prazo é três dias, o terceiro custa quatro dinheiros e o prazo é de uma semana. Posso entregar mais depressa, mas cada dia a menos é um dinheiro a mais."

Aí pronto, o cliente veria como é cada nível de serviço e teria o que contratasse.
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 2:23 pm

Allex, o nome do cara já está tão queimado, pelo que andei descobrindo, que ele nem deve mais se importar com isso.

E considerando que a loja foi reformada recentemente, acho que não deve estar mal de grana não.

Bah, esqueci de dizer que, na vez anterior em que levei baixo na Vintage RS, na hora da entrega, os caras não encontraram a bolsa do meu baixo. No fim, concluíram que puseram uma guitarra na bolsa e entregaram pra outro cliente, que não sabiam mais quem era.

Pelo menos ganhei uma bolsa nova bem melhor do que a que eu tinha... Very Happy
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por NeyBass em Seg Mar 26, 2012 2:53 pm

Putz!!! baita sacanagem...só de ter vendido meu escudo, ja era motivo pra eu não voltar la nunca mais.

Graças a Deus a única vez que deixei meu bass com o luthier pra fazer uma blindagem, quando peguei o baixo parecia outro, além de blindar, regulou para mim do jeito que eu gosto, até oleo nas cordas foi passado, flanelinha em baixo das cordas para não sujar os caps, coisa fina mesmo, o bichin ficou mais bem cuidado na oficina do que em casa.

O cara sacaneou legal você.


Última edição por NeyBass em Seg Mar 26, 2012 3:00 pm, editado 1 vez(es)
avatar
NeyBass
Membro

Mensagens : 3178
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Fernando Zadá em Seg Mar 26, 2012 2:56 pm

ferabreu escreveu:Allex, o nome do cara já está tão queimado, pelo que andei descobrindo, que ele nem deve mais se importar com isso.

E considerando que a loja foi reformada recentemente, acho que não deve estar mal de grana não.

Bah, esqueci de dizer que, na vez anterior em que levei baixo na Vintage RS, na hora da entrega, os caras não encontraram a bolsa do meu baixo. No fim, concluíram que puseram uma guitarra na bolsa e entregaram pra outro cliente, que não sabiam mais quem era.

Pelo menos ganhei uma bolsa nova bem melhor do que a que eu tinha... Very Happy

A Cast que é aqui perto levei um Cast pra regular lá uma vez e nunca mais....
Nesse clima desorganizado pacas, não achavam o instrumento, a bag ....
Tinha levado pra trocar cordas e regular e regularam sem trocar as cordas....
Resumindo: regulagem lá nunca mais.......
avatar
Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 10457

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 5:01 pm

GeTorres escreveu:
ferabreu escreveu:
Bah Renato, eu nem sei o que poderia requerer no PROCON.
Um baixo novo eu não ganharia - nem pelo procon, nem no pequenas causas - o juiz não concordaria comigo, diria que os furos não aparecem.

Na verdade, o que mais me "impede" de ir ao procon ou à justiça é mesmo o pedido. Se desse pra confiar no cara e forçá-lo a consertar, seria tranquilo, mas agora estou certo de que não devo mais deixar meu baixo na Vintage RS por nada nesse mundo.

Então vou te ajudar:

Você pode entrar através do procon, judicialmente contra ele. Você pode pedir a reparação em outra luthieria, alegando os fatos apresentados, imperícia, confiança perdida e pode alegar a frustração, a deprê, comente também o que você ouviu de outros clientes da loja, se for possível, transcreva um relato com a identificação completa da pessoa (peça para ele ser a sua testemunha e faça isso) e junte tudo isto na sua petição inicial.

O juiz é humano, e talvez tenha passado por algo similar com mecânico, pedreiro, etc... Isso pode reavivar más recordações e fazer com que o juiz concorde com você (EU DISSE PODE ACONTECER, NÃO QUE VAI ACONTECER)
Eu creio sinceramente que é perfeitamente lógico e possível o pedido, inclusive, aconselho a você pedir orçamento por escrito em 3 luthierias e apresentar ao "lutiê" quando você forem ter aquele papo cabeça na frente do Juiz. Você não precisa de advogado para entrar contra ele no J.E.P.C. ou Procon.

O orçamento deve estar descriminado o que será feito, para tentar restaurar o "Status Quo Ante",(estado original do baixo, sem a intervenção desastrosa do Mané) e não perdoaria nada, requisitava a devolução do escudo APROPRIADO INDEVIDAMENTE Uma vez que você deixou o baixo (principal) para a troca do escudo (acessório) que lhe pertence, mesmo não estando o acessório ligado ao principal (troca feita? kkkkkk kgd
feita!) Não entendo como furto, pois o escudo estava sob guarda dele com seu consentimento, vendeu? apropriou-se indevidamente (apropriação indébita) e você pode requerer o seu escudo ou por um valor nele e pedir alternativamente a restituição monetária do bem.

No caso tapar os furos com algum tipo de enxerto, nem que tenha que alargar um pouco mais para ficar um enxerto bem feito (eu entendo desta forma, posso estar errado), após o enxerto, aplicar um top que seja parecido com a madeira original, e reenvernizar; adaptação de escudo sob medida (aproveitando que os furos foram tapados e agora é um top o que se vê) com os furos coincidindo ou não, você escolhe, e o nut novo, já que o atual novo esta aquela josta!

Bem, é isso!

Se tiver mais dúvidas de como colocar o safado no seu devido lugar, é só perguntar!

Obrigado pelas informações, GeTorres. Muito bom mesmo!
A dica dos orçamentos é excelente.

Se eu levar adiante a idéia de fazer os reparos por minha conta, será que poderia requerer no juizado que o luthier doe dinheiro ou cestas básicas para alguma entidade de assistência social?
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por GeTorres em Seg Mar 26, 2012 5:24 pm

É possivel, chama-se "Transação judiciária" onde o réu paga um valor para não ser processado judicialmente.

Isso é comum em Direito Penal, mas possível em Direito Civil.

Caso vá proceder os reparos, faça os tres orçamentos, e se for o caso, pode mandar fazer pelo orçamento "mediano"

(Dica advocatícia: consiga um orçamento "real" um supervalorizado em pelo menos 35% e um menor, com preço bem próximo ao valor que você de fato vai gastar.)

Com isso, vc tem o argumento que o estrago poderia sair bem caro, mas como você tem bom senso, algo que falta ao 'lutiê', refez a kgd dele por um 'preço justo'

Mas antes de fazer isso, proponha ele (por email preferencialmente e guarde uma cópia), claro que ele não vai aceitar, mas com isso vc também tem o argumento que tentou resolver com ele e ele se negou a ressarcir o prejuízo.

Basicamente é isso!

Se precisar... up

(É por este tipo de coisa que eu sou fã deste fórum! Todos compartilham e ajudam-se mutuamente!)
avatar
GeTorres
Membro

Mensagens : 4678
Localização : Potim SP (Serra da Mantiqueira & Vale Histórico)

http://luthieiragetorres.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por NeyBass em Seg Mar 26, 2012 5:32 pm

só dando um pitaco aí na conversa. Você deve lembrar que o luthier se propôs em "consertar" o estrago, você não aceitou, em outras palavras, ele não fugiu do compromisso, essa eu creio ser uma ótima justificativa para ele.

o Juiz pode ordenar que você mande o baixo para ele, ja que ele se propôs a consertar. (aos amigos que entendem de lei, to certo ou não?).
avatar
NeyBass
Membro

Mensagens : 3178
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 5:35 pm

GeTorres, obrigado por ajudar um colega do Direito.

Sou bacharel, mas não advogado. Não trabalho nesta área...e não costumo me envolver em chicanas - por isso, não entendo quase nada deste assunto, heheheh.

Valeu mesmo!


Última edição por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 5:40 pm, editado 1 vez(es)
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 5:38 pm

NeyBass escreveu:só dando um pitaco aí na conversa. Você deve lembrar que o luthier se propôs em "consertar" o estrago, você não aceitou, em outras palavras, ele não fugiu do compromisso, essa eu creio ser uma ótima justificativa para ele.

o Juiz pode ordenar que você mande o baixo para ele, ja que ele se propôs a consertar. (aos amigos que entendem de lei, to certo ou não?).

É verdade.
O correto seria dar uma segunda chance, e aposto que até o PROCON decidiria desta forma.
Se não me engano, há disposição a respeito disso no código de defesa do consumidor...e, se não houver, com certeza dá pra usar a interpretação de algum artigo aplicável a outra situação para justificar a segunda chance.

Mas vou lá ver, e verificar se posso registrar algo na delegacia tb.
Mais pra complicar mesmo...senão o luthier vai continuar fazendo besteira quando quiser.
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por NeyBass em Seg Mar 26, 2012 5:46 pm

eu faria o seguinte: já que corro léguas para não mecher com justiça.

- iria na oficina dele, e pediria que me devolvesse o escudo tortoise que ele vendeu;
- reparasse os estragos que fez na elétrica, e os furos e colocasse o meu nut (original) de volta.

Se ele fizesse isso, tudo bem, eu aceitaria e não voltaria mais la. Agora se ele se recusasse aí sim eu entraria na justiça.
Sem falar que se você for para justiça é no mínimo uns 6 meses para começar resolver isso.


Última edição por NeyBass em Seg Mar 26, 2012 5:48 pm, editado 1 vez(es)
avatar
NeyBass
Membro

Mensagens : 3178
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por CaQuinhO em Seg Mar 26, 2012 5:47 pm

NeyBass escreveu:só dando um pitaco aí na conversa. Você deve lembrar que o luthier se propôs em "consertar" o estrago, você não aceitou, em outras palavras, ele não fugiu do compromisso, essa eu creio ser uma ótima justificativa para ele.

o Juiz pode ordenar que você mande o baixo para ele, ja que ele se propôs a consertar. (aos amigos que entendem de lei, to certo ou não?).

Se o juiz vai entender essa ligação emocional do músico com o seu instrumento, eu não sei...
Mas é um argumento a se colocar bem claro na petição: o vínculo emocional com o objeto, e a perda da credibilidade (justificada) com relação à competência do profissional em questão.



avatar
CaQuinhO
Membro

Mensagens : 2012
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por NeyBass em Seg Mar 26, 2012 5:52 pm

CaQuinho, eu acho meio dificil o juiz entender dessa forma, ainda mais que o baixo não é o instrumento de trabalho do amigo aí, ele não depende do instrumento para sobreviver.

(posso estar falando besterira) mas eu fugiria dessa situação toda.
avatar
NeyBass
Membro

Mensagens : 3178
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por allexcosta em Seg Mar 26, 2012 5:52 pm

Buraco em madeira não se conserta, se armenga. A madeira que saiu dali nunca mais voltará. Pode até ser um serviço pequeno e muita gente não liga sendo em um local que não aparece, mas é impossível levar o baixo a seu estado anterior.
avatar
allexcosta
Administrador

Mensagens : 41727
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 5:56 pm

É...
Não é mais um baixo "virgem".

Começou a relicagem...hueheheh.

Bem, nada que comprometa o som ou a tocabilidade.
Depois que eu consertar, vai ficar bom.
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Fabio Linhares em Seg Mar 26, 2012 6:03 pm

Acho que vc tem uma boa oportunidade nas maos de aprender a fuçar no bixo.
avatar
Fabio Linhares
Membro

Mensagens : 1027

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por ferabreu em Seg Mar 26, 2012 6:07 pm

Eu sei fazer isso. Inclusive é uma coisa que eu não entendo: o luthier lá sabe que eu mexo no baixo. Por que ele achou que eu aceitaria a porcaria? Como ele pôde pensar que eu não perceberia?

Chato agora é ter que gastar tanto tempo (que eu não tenho)... Sad
avatar
ferabreu
Membro

Mensagens : 462
Localização : Porto Alegre/RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [REVIEW] Por que eu não recomendo a Vintage RS (Porto Alegre).

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum