Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por allexcosta em Sab Fev 06, 2016 6:19 pm

fheliojr escreveu:fora a Studio R quais são outras marcas confiáveis de potencia?

Potência é meio louco. A maioria das marcas tem as boas e as não tão boas.

Dito isso, Crown, Crest, Powersoft, LabGruppen, QSC, Linha Pro da Ciclotron, Times One, Peavey, todos fabricam potências boas.

allexcosta
Administrador

Mensagens : 39308
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por fheliojr em Ter Fev 09, 2016 11:13 pm

^ valeu, alex!!!

fheliojr
Membro

Mensagens : 8242
Localização : Fortaleza-CE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por rafacar em Qua Abr 20, 2016 9:31 am

Bom dia pessoal, esse fim de semana tive uma esperiência interessantíssima, acabei por me deparar e ter de tocar usando como retorno uma caixa ativa behringer de plástico.  

E não é que saiu um timbrão de contrabaixo dela! E com muito volume!

Fiquei até tentado em comprar uma, pois não sai muito mais caro que um cubo de entrada, e qualidade de som me pareceu infinitamente melhor.

Conhecem alguém que usa esse tipo de caixa com contrabaixo. Existe alguma contra indicação?

rafacar
Membro

Mensagens : 284
Localização : Belo Horizonte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Edu em Sab Maio 07, 2016 1:58 pm

um amigo usa uma caixa amplificada dessas pra violão e voz, além de sonorizar festas com a mesma caixa. A caixa é de plástico por fora e tem o formato arredondado, como as tantas que vendem no ML.
Eu nunca tive coragem de ligar meu baixo nela porque se a parada estragar vou ter que pagar o concerto rsrs
Ele comprou no Uruguay numa época que o dólar estava baixo, não deve ter pago mais que 300 reais, uma com falante de 12' e outra de 15'.
A dele não é muito robusta aparentemente. Se fosse uma JBL talvez eu arriscasse.

Edu
Membro

Mensagens : 528
Localização : .

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Guga Ramone em Seg Maio 09, 2016 10:47 am

Entrando no tópico. Confesso que tenho muito interesse num set desse tipo, com pré-amp externo e uma potência "genérica", mas o que desanima é o tamanho e o peso da maior parte das potências classe AB. Haja visto que muitos amps hj em dia são classe D, com tamanho compacto, leves e fáceis de carregar, pensei em montar tal set. Os colegas saberiam recomendar algum amp de potência classe D, na casa dos 500W RMS (@ 4 Ohms?) Já pesquisei bastante mas só vejo amps automotivos, mas aí é muita gambiarra...

Guga Ramone
Membro

Mensagens : 368
Localização : Curitiba / PR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Raul S. em Seg Maio 09, 2016 2:30 pm

Guga Ramone escreveu:Entrando no tópico. Confesso que tenho muito interesse num set desse tipo, com pré-amp externo e uma potência "genérica", mas o que desanima é o tamanho e o peso da maior parte das potências classe AB. Haja visto que muitos amps hj em dia são classe D, com tamanho compacto, leves e fáceis de carregar, pensei em montar tal set. Os colegas saberiam recomendar algum amp de potência classe D, na casa dos 500W RMS (@ 4 Ohms?) Já pesquisei bastante mas só vejo amps automotivos, mas aí é muita gambiarra...
Não existe lógica em um amplificador de potência ser classe D porque sua aplicação e características são completamente diferentes (eficiência energética, resposta de frequência, qualidade, distroção).

Sobre potência: é difícil encontrar esses amplificadores em potências mais baixas porque, com eu disse, sua aplicação é outra. A maioria desses aparelhos possui alta impedância de entrada e saídas de baixa impedância (2 ou 1 ohm), e apenas algumas marcas oferecem produtos voltados ao mercado de instrumentos (4 ou 8 ohm).

Sobre o tamanho: esses amplificadores não são projetados com mobilidade em mente, e seguem o padrão de rack, com largura fixa (19 polegadas), profundidade máxima e altura em unidades (44.45 mm).

Sobre peso: não existe uma regra; uma Z900 da Studio R (2x450W) pesa 9 kg (1 kg a menos que um 1001 RB da GK, com 700W, para contrabaixo), em compensação uma potência OP 2700 da Oneal (2x250W), pesa quase 12 kg.

Raul S.
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 1140
Localização : -

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Guga Ramone em Seg Maio 09, 2016 2:48 pm

^

Raul, desculpe mas não entendi o que você quis dizer com não haver lógica no amp ser classe D. Minha ideia de tal set veio ao ver amps da Tech 21, TC Electronic, GK, Ampeg, etc, utilizando potências em classe D.

Guga Ramone
Membro

Mensagens : 368
Localização : Curitiba / PR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Edu em Seg Maio 09, 2016 2:58 pm

mas aí é uma empresa já voltada ao mercado de instrumentos né. Eu vejo que as empresas de áudio não tem tanto interesse em ampliar as linhas de produção pro nosso caso.

Bem que poderiam produzir um equipamento que fosse apenas um PA classe D no tamanho ou menor que os head classe D pra contrabaixo, mono, assim cada um escolheria o pré em formato pedal, ficaria um set super compacto e portátil. Quem sabe um dia façam isso. Aí se queimar só a potência num surto elétrico poderíamos só repor outra potência sem depender tanto de marca ou modelo.

Edu
Membro

Mensagens : 528
Localização : .

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Raul S. em Seg Maio 09, 2016 3:03 pm

Guga Ramone escreveu:^

Raul, desculpe mas não entendi o que você quis dizer com não haver lógica no amp ser classe D. Minha ideia de tal set veio ao ver amps da Tech 21, TC Electronic, GK, Ampeg, etc, utilizando potências em classe D.
estou falando dos amplificadores de potência de que tratamos neste tópico, não destinados ao mercado de instrumentos; essas marcas que citou trabalham com cabeçotes comuns para contrabaixo, completos com pré e potência.

Raul S.
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 1140
Localização : -

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Raul S. em Seg Maio 09, 2016 3:19 pm

Edu escreveu:Bem que poderiam produzir um equipamento que fosse apenas um PA classe D no tamanho ou menor que os head classe D pra contrabaixo, mono, assim cada um escolheria o pré em formato pedal, ficaria um set super compacto e portátil. Quem sabe um dia façam isso. Aí se queimar só a potência num surto elétrico poderíamos só repor outra potência sem depender tanto de marca ou modelo.
Acho que não vale a pena, Edu, porque a partir do momento que o produto é projetado pensando nesse mercado, o valor já vem de acordo. Um pré "embutido" não custa nada no final das contas; talvez isso fizesse mais sentido se não desse para contorná-lo, mas acredito que nem exista mais amps (pelo menos das maiores marcas) que não tenham um effects loop, mesmo sendo classe D.

Raul S.
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 1140
Localização : -

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Guga Ramone em Seg Maio 09, 2016 3:24 pm

Raul, entendo. Para o que eu tenho interesse, o ideal então seria partir direto para um classe AB, mesmo.

Aproveitando o ensejo... tenho um amp velho em casa, com a potencia queimada. É um AC Works Thunderbolt, de 80W. Você acha que vale a pena comprar uma potência automotiva classe D e adaptar no amp? Tenho algum conhecimento em eletrônica, ms não o suficiente para arrumar o power interno do amp em questão. Acho que o investimento financeiro numa potência dessas seria mais baixo que mandar o amp para um técnico.

Guga Ramone
Membro

Mensagens : 368
Localização : Curitiba / PR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Sonikado em Seg Maio 09, 2016 3:31 pm

Raul S. escreveu:
Não existe lógica em um amplificador de potência ser classe D porque sua aplicação e características são completamente diferentes (eficiência energética, resposta de frequência, qualidade, distroção).
Eu não entendi.
No mundo PA, o classe D vem dominando o mercado faz tempo. Muito mais eficiente, qualidade equivalente ao AB, maior eficiência energética, menor tamanho, menor custo... E aí nos modelos de altíssima potência temos outras classes (como a H) que são derivadas/híbridas da classe D.

Sonikado
Membro

Mensagens : 1123
Localização : Estado de SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Raul S. em Seg Maio 09, 2016 3:58 pm

Guga Ramone escreveu:Raul, entendo. Para o que eu tenho interesse, o ideal então seria partir direto para um classe AB, mesmo.
Ou vá direto pra um classe D: essas marcas que citou têm classe D de 500W @4 ohm; e se não gostar do pré, ou quiser variar, use outro no fx loop. Os cabeçotes AB são menores ou do mesmo tamanho/peso das potências de rack de que estamos falando, que é exatamente o que você não quer.

Guga Ramone escreveu:Aproveitando o ensejo... tenho um amp velho em casa, com a potencia queimada. É um AC Works Thunderbolt, de 80W.
Eu tive o irmão mais velho desse teu AC Works, o Thunderbolt B150, que queimou e não teve mais conserto; o falante estava ok (um Warm Music de 300W), então arranquei o transformador e a placa, fechei com o próprio compensado que vinha dentro pra separar o circuito do falante, e ele virou caixa, que uso até hoje.

Guga Ramone escreveu:Você acha que vale a pena comprar uma potência automotiva classe D e adaptar no amp? Tenho algum conhecimento em eletrônica, ms não o suficiente para arrumar o power interno do amp em questão. Acho que o investimento financeiro numa potência dessas seria mais baixo que mandar o amp para um técnico.
Não tenho a menor ideia de como isso seria feito ou mesmo se seria possível. Praticamente tudo num sistema automotivo é diferente da amplificação de instrumentos/ambientes: alimentação, impedância de entrada/saída, resposta de frequência, quantidade de canais... eu não arrumaria isso pra cabeça.

Raul S.
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 1140
Localização : -

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Raul S. em Seg Maio 09, 2016 4:15 pm

Sonikado escreveu:
Raul S. escreveu:Não existe lógica em um amplificador de potência ser classe D porque sua aplicação e características são completamente diferentes (eficiência energética, resposta de frequência, qualidade, distroção).
Eu não entendi.
No mundo PA, o classe D vem dominando o mercado faz tempo. Muito mais eficiente, qualidade equivalente ao AB, maior eficiência energética, menor tamanho, menor custo... E aí nos modelos de altíssima potência temos outras classes (como a H) que são derivadas/híbridas da classe D.
Não conheço absolutamente nada dessa área de PA, só sei que a aplicação de um amplificador de potência para PA é bastante diferente da aplicação em estúdio. Os classe D são realmente mais eficientes, menores e cada vez mais baratos, só que apresentam algumas questões que fazem muita diferença num ambiente de gravação como maior susceptibilidade à interferência, falta de consistência na qualidade de som, variação de impedância; problemas que talvez não façam diferença nessa outra área, mas que podem causar bastante dor de cabeça em estúdio.

Em tempo: mas posso estar falando besteira; e se estiver, por favor me corrijam.

Raul S.
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 1140
Localização : -

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Edu em Seg Maio 09, 2016 8:36 pm

cada vez mais baratos? cara, acho que não hein. Talvez nos PA isso ocorra, mas pelo que vi nos sites dos USA não há diferença de preço de AB pra D, generalizando, é claro. É pau a pau, senão mais caro e no Br nem se fala.

Quanto a susceptibilidade de panes por diversos fatores na energia elétrica (principalmente nas porcas redes dos lugares que tocamos) realmente é uma questão muito preocupante. Some isso a um altíssimo preço do equipamento e os raríssimos profissionais que se habilitam a arriscar um concerto.

Por isso boto fé que os PA classe D se consolidem cada vez mais, que as eletrônicas se adequem (isso é muito difícil) a popularizar esse tipo de manutenção e que isso gere uma ressonância nos amplificadores de baixo de alguma forma.

Edu
Membro

Mensagens : 528
Localização : .

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por fheliojr em Ter Jul 05, 2016 9:23 pm

Vejam que droga de notícia de outubro do ano passado acabei de ler:

"Studio R encerra suas atividades

Fabricante de amplificadores profissionais Studio R  encerra a produção no Brasil

Uma das mais respeitadas marca de amplificadores e potências profissionais do Brasil encerrou suas atividades fabricação no mês de outubro.

Com as vendas reduzidas a metade e o mercado optando por produtos mais econômicos, a empresa optou pelo cancelamento das atividades de fabricação; a companhia, até o momento, continua prestando serviço de assistência técnica e manteve alguns funcionários do escritório.

Leia também:  Studio R e a história dos amplificadores profissionais no Brasil

studio rPara Samuel Monteiro, diretor de marketing Studio R, a empresa passa por um sério momento de transição.'A Studio R não fechou realmente, mas eliminamos a estrutura de fabricação, neste modelo de estrutura que tínhamos, até este País na entrar de novo nos trilhos', explica. 'Vale lembrar que sobrevivemos ao Collor, Sarney, mas agora mudou muito rápido.', completa.

Perguntado sobre o futuro, Samuel não fecha as portas para uma possível volta, explica que isto dependerá do próprio País. 'Estamos remodelando a empresa, temos novos produtos e estamos estudando uma forma de recriar a companhia', finaliza.

Investidor estrangeiro

À saber -Recentemente a Studio R estava prestes a receber investimento de um grupo Português que iria alavancar a internacionalização da marca e dar fôlego no capital de giro. 'Entretanto com o rebaixamento da nota da Standard and Poor’s, que tirou o País da lista dos bons pagadores de dívidas, estes investidores acabaram segurando o processo (de aquisição) até o Brasil melhorar seu risco', explicou Monteiro.

Com 60 funcionários e com custo fixo equivalente à fabricação de ao menos 500 aparelhos de alto valor agregado por mês, o mercado estava consumindo menos da metade. Valor insuficiente para obter seu ponto de equilibrio financeiro."


fonte: http://musicaemercado.org/studio-r-encerra-suas-atividades/

fheliojr
Membro

Mensagens : 8242
Localização : Fortaleza-CE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Raul S. em Sex Jul 08, 2016 1:26 am

notícia triste. =S

Raul S.
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 1140
Localização : -

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por SILVIAO em Dom Jul 10, 2016 10:12 am

Uma pena,a industria nacional sofre a décadas com a péssima adminsitração política da nossa Fazenda Brasil.

SILVIAO
Membro

Mensagens : 2729
Localização : Limeira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por afonsodecampos em Seg Out 17, 2016 10:58 pm

Talvez interesse aos amigos, lançamento da JBL.

Amplificador BR-A 400.4 Link

Primeira linha de amplificadores 100% nacionais, JBL BR-A. A nova linha de amplificadores BR-A da JBL consiste de amplificadores 100% digitais que aliam baixo consumo, tamanho reduzido e baixa distorção. Com potência Real RMS, os modelos são indicados para a amplificação em sistemas de sonorização interna e pequenos sistemas Externo (Trio). A carcaça feita em policarbonato fumê, conectores, sistema de ventilação e seu o excelente acabamento evitam a utilização de coolers. Na parte eletrônica, os amplificadores apresentam níveis de distorção baixíssimos, cobrindo todo o espectro audível com excelência. JBL BRA-A conta também com proteções elétricas e térmicas, que tornam o produto confiável e seguro para o uso nas regiões mais diversas. Seu design conta com a assinatura da americana Litehouse - empresa do grupo Harman especialista na área. A JBL by Harman do Brasil chancela o seu compromisso investindo no País, e trazer todo conhecimento para o desenvolvimento de soluções em áudio para a indústria nacional. Com isso, a JBL utiliza seu know-how mundial em amplificadores para a criação dos novos modelos brasileiros. Amplifica!

Dimensões (A X L X C): 143 x 130 x 50 mm
Peso 600 g
Potência Do Amplificador (Rms)
4 x 100 W;
2 x 100 W;
1 x 200 W;
2 x 200 W(bridge).

Preço no site: R$295,90

afonsodecampos
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 3858
Localização : Belém do Pará

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por allexcosta em Seg Out 17, 2016 11:02 pm

afonsodecampos escreveu:Talvez interesse aos amigos

Pra carro?

allexcosta
Administrador

Mensagens : 39308
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Edu em Qui Out 20, 2016 1:56 am

pra som interno (casa) recomendo um receiver nacional de altíssima fidelidade, hi fi, que não deve nada a nenhum equipamento de som estrangeiro. O sujeito que fabrica se chama Carlos Mergulhão e tem uma porrada de vídeos no youtube. O cara é uma enciclopédia ambulante de eletrônica


já eu, estou muito tentado a migrar pro sistema Preamp+PA+caixas, mas é difícil encontrar potências confiáveis nos watts que eu quero e com um preço decente rsrs

Edu
Membro

Mensagens : 528
Localização : .

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por afonsodecampos em Qui Out 20, 2016 1:42 pm

allexcosta escreveu:
afonsodecampos escreveu:Talvez interesse aos amigos

Pra carro?
Putz, me desculpem... Não percebi este detalhe Sad

afonsodecampos
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 3858
Localização : Belém do Pará

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Sonikado em Dom Out 23, 2016 1:27 am

E também tem o detalhe que JBL "brasileira" não deve ter nada de JBL... deve ser só a Harman (de novo) pegando carona no que um dia foi uma marca de excelente qualidade e lançando produtos Selenium com JBL estampado na cara.

Sonikado
Membro

Mensagens : 1123
Localização : Estado de SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Curiosidade quanto a um set com amplificador não de contrabaixo

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 6:30 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum