Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Página 11 de 12 Anterior  1, 2, 3 ... , 10, 11, 12  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Seg Mar 20, 2017 11:13 pm

Juninho Sampaio escreveu:Professor,

Um serviço pra colocar um NUT novo no baixo de 4 cordas, vc cobra qto, mais ou menos?
Juninho, desculpe mas não comento preços. Considero comentar tais coisas em um fórum público anti-ético, pois confronta outros luthiers que aqui frequentam.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Juninho Sampaio em Ter Mar 21, 2017 10:45 am

Opa professor! Perdão!
Esqueça...a pergunta. Como tá a família, tem ido na casa de sua mãe?

Um bj meu querido!
avatar
Juninho Sampaio
Membro

Mensagens : 6249
Localização : Salvador-Ba

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por mikhailpizza em Ter Mar 28, 2017 10:30 pm

Olá boa noite Mestre ! Estou pensando em mandar um luthier de minha cidade fazer um contrabaixo ao meu gosto ! a duvida é sobre captadores e a fidelidade do som , tipo, pretendo comprar captadores Precision Bass split-coil humbucking   , gostaria de saber se a reprodução do som terá a mesma sonoridade e qualidade de um Precision Bass Fender !! Agradecido Desde já !!

mikhailpizza
Membro

Mensagens : 4
Localização : fortaleza

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Ter Abr 04, 2017 8:19 am

mikhailpizza escreveu:Olá boa noite Mestre ! Estou pensando em mandar um luthier de minha cidade fazer um contrabaixo ao meu gosto ! a duvida é sobre captadores e a fidelidade do som , tipo, pretendo comprar captadores Precision Bass split-coil humbucking   , gostaria de saber se a reprodução do som terá a mesma sonoridade e qualidade de um Precision Bass Fender !! Agradecido Desde já !!
Isso depende de seu luthier, bem como dos materiais usados na confecção do baixo.
Sinceramente eu não me preocuparia com isso, mas sim com a qualidade dos captadores e demais peças e da manufatura do instrumento.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por SILVIAO em Dom Abr 09, 2017 10:43 pm

Maurício é possível fazer um braço de mogno ou outra madeira semelhante ,que fuja do tradicional maple .
avatar
SILVIAO
Membro

Mensagens : 3220
Localização : Limeira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Seg Abr 10, 2017 12:01 am

SILVIAO escreveu:Maurício  é possível  fazer  um braço de mogno ou outra  madeira  semelhante ,que fuja do tradicional  maple .
Sim, é.
Podem ser feitos braços de mogno, de tauarí-branco, de pau-marfim, de peroba clara, podem ser feitos com sanduíches de madeira, etc...
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por SILVIAO em Seg Abr 10, 2017 11:56 pm

Mogno ficaria muito pesado em um baixo de 6 cordas ?
avatar
SILVIAO
Membro

Mensagens : 3220
Localização : Limeira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Ter Abr 11, 2017 8:03 am

SILVIAO escreveu:Mogno ficaria muito  pesado em um baixo de 6 cordas  ?
SILVIAO, essa é uma pergunta difícil de responder, posto que o peso de uma madeira varia muito.
Por outro lado, o braço tem que ser mui bem construído, com 2 tensores e longarinas de reforço, pois o mogno é menos denso que o bôrdo e o pau-marfim.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por bodhan em Qua Abr 12, 2017 11:18 pm

Bertola, estive procurando vídeos no YouTube de como regular o tensor em baixos cujo acesso da regulagem é na base do braço, junto ao corpo. Tem vários vídeos mostrando como regular braços com acesso pelo headstock, e nos poucos vídeos que mostram como regular braços com acesso junto ao corpo, sempre o braço é desmontado para fazer o ajuste.
É assim mesmo? Por que então que os baixos e guitarras tem aquele orifício no escudo? Imaginei que seria para acessar com uma chave hallen.
Tenho dois baixos, um tem ajuste pelo headstock, o outro tem aquela rodinha na base do braço, tipo a dos baixos do Zaganin, e é bem fácil de ajustar. Vez ou outra, quando muda o tempo, ou mudo de calibre de corda, faço eu mesmo o ajuste. Como é possível fazer um ajuste fino do braço com ele desmontado? É tentativa e erro? scratch

Obrigado!
avatar
bodhan
Membro

Mensagens : 1324
Localização : sp-sp

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qui Abr 13, 2017 7:11 am

bodhan
Isso vai depender de como o baixo é construído.
Nos baixos Yamaha (série BB, por exemplo), é possível fazer a regulagem sem tirar o braço, mas em outros instrumentos, há que se retirar o braço e fazer o ajuste. Usa-se o bom senso e a experiência para esse tipo de regulagem.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quão silencioso deve ser um p-bass blindado?

Mensagem por thom_m em Qui Abr 13, 2017 9:02 pm

Olá Bertola! Obrigado pela disposição em responder as perguntas!

Seguinte: eu pedi a um luthier (primeira vez que trabalho com ele, recomendado por um amigo) para blindar meu Tagima Woodstock tw-66, que tinha bastante hum. Quando ele terminou o serviço (rápido, no mesmo dia), pude notar que o hum diminui, mas ainda permanecia - e continuava sendo cancelado quando eu colocava as mãos nas cordas e na ponte. Perguntei sobre, e ele disse que era normal um pequeno hum permanecer, devido à captação single coil. Fui pra casa, mas não estou satisfeito: dependendo dos níveis de gain, médios e agudos, o hum ainda é considerável o bastante pra me incomodar.

A pergunta é: ele está certo? Algum nível de hum sempre vai permanecer em um baixo com captação P e eu estou sendo crica demais, ou essa blindagem está feita de modo errado? Sei que ele usou fita de alumínio e não de cobre para fazer o serviço (ele me avisou disso).

Obrigado mais uma vez. Espero que seja algo passível de resolução... não há bons luthiers aqui em Palmas, é complicado.
avatar
thom_m
Membro

Mensagens : 122
Localização : Palmas-TO

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qui Abr 13, 2017 9:14 pm

thom_m
Captadores de tipo single-coil SEMPRE terão ruídos, mesmo com uma blindagem bem feita. O que muda é o grau desses ruídos.
Não posso opinar sobre o serviço feito por seu luthier, mas você pode comparar com o tópico referente à isso que existe aqui no fórum. Verifique como foram feitos os aterramentos; e, o alumínio é menos condutivo que o cobre, assim, o uso desse último metal é mais eficaz.
Agora, um captador de melhor qualidade terá bem menor ruído...
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por thom_m em Qui Abr 13, 2017 9:19 pm

Mauricio Luiz Bertola escreveu:thom_m
Captadores de tipo single-coil SEMPRE terão ruídos, mesmo com uma blindagem bem feita. O que muda é o grau desses ruídos.
Não posso opinar sobre o serviço feito por seu luthier, mas você pode comparar com o tópico referente à isso que existe aqui no fórum. Verifique como foram feitos os aterramentos; e,  o alumínio é menos condutivo que o cobre, assim, o uso desse último metal é mais eficaz.
Agora, um captador de melhor qualidade terá bem menor ruído...

Muito obrigado, Bertola! Aproveitando o ensejo, mais uma pergunta: o aterramento do cubo e da casa influem no hum também?
avatar
thom_m
Membro

Mensagens : 122
Localização : Palmas-TO

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qui Abr 13, 2017 9:47 pm

thom_m escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:thom_m
Captadores de tipo single-coil SEMPRE terão ruídos, mesmo com uma blindagem bem feita. O que muda é o grau desses ruídos.
Não posso opinar sobre o serviço feito por seu luthier, mas você pode comparar com o tópico referente à isso que existe aqui no fórum. Verifique como foram feitos os aterramentos; e,  o alumínio é menos condutivo que o cobre, assim, o uso desse último metal é mais eficaz.
Agora, um captador de melhor qualidade terá bem menor ruído...

Muito obrigado, Bertola! Aproveitando o ensejo, mais uma pergunta: o aterramento do cubo e da casa influem no hum também?
Claro!
Chiados e ruídos NUNCA tem apenas uma fonte.
Desde a rede elétrica até os cabos influenciam nisso.
Agora uma questão: Eu nunca "esquentei" demais a cabeça com isso (meus baixos não são blindados...). No contexto de uma banda "mandando ver", chiados e ruídos desaparecem. Ademais, ninguém toca tirando a mão das cordas...
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por thom_m em Qui Abr 13, 2017 10:14 pm

Mauricio Luiz Bertola escreveu:
Claro!
Chiados e ruídos NUNCA tem apenas uma fonte.
Desde a rede elétrica até os cabos influenciam nisso.
Agora uma questão: Eu nunca "esquentei" demais a cabeça com isso (meus baixos não são blindados...). No contexto de uma banda "mandando ver", chiados e ruídos desaparecem. Ademais, ninguém toca tirando a mão das cordas...

Hehehe...de fato. Eu admito que sou meio paranóico com hums e ruídos - principalmente quando estou ensaiando em casa ou triando músicas. E estou acostumado com o Squier VM Precison TB, que tem um humbucker e acaba sendo bem quietinho.

Bem, vou verificar os pontos todos que você colocou. Mais uma vez, MUITO obrigado, Bertola. E uma boa Páscoa!
avatar
thom_m
Membro

Mensagens : 122
Localização : Palmas-TO

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qui Abr 13, 2017 10:17 pm

cheers
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por cardozo em Qua Abr 26, 2017 8:38 am

Vou aproveitar o espaço do Bertola para contar uma experiência positiva com Tru-oil no braço de uma guitarra Squier Stratocaster.

Eu comprei esta guitarra para meu filho, já bastante usada e algo suja, há uns dois anos. Trocamos as cordas logo no início e assim ela permaneceu até hoje.

Ultimamente, meu filho reclamava que sua mão esquerda estava grudando no braço da guitarra e quando vi o instrumento, a parte de trás do braço estava com uma gosma esquisita, quase uma cola. Tudo muito sujo. O que me pareceu é que o verniz, sabe-se lá como, desfez-se e virou uma meleca. Eca!

A primeira coisa que fiz foi passar um pano com fluido de isqueiro na parte gosmenta, o que foi suficiente para remover toda aquela sujeira. O que sobrou foi um braço limpo e bonito, mas algumas partes ainda estavam com resquícios do verniz.

Depois disto, com fita crepe, isolei a lateral da escala, o início da mão do instrumento e as partes do corpo onde o braço se encaixa. O objetivo era deixar livre apenas a parte de trás do braço, preservando da lixa e do óleo a mão da guitarra, a escala e o corpo.

Com muito cuidado, passei a lixa 320, limpei tudo e complementei com lixa 600. Outra limpeza para verificar se todo o verniz havia sido retirado e o braço estava pronto para receber o tru-oil.

Para aplicar o óleo, separei um pedaço de papel toalha e dobrei-o várias vezes. Neste pequeno pedaço, pinguei umas 6 ou 7 gotas de tru-oil e passei em todo o braço. Nada de esfregar, apenas deslizei o papel em todo o braço, já sendo possível perceber um início de brilho na primeira aplicação.

O processo foi repetido seis ou sete vezes, sempre com um pedaço novo de papel, com intervalo de 10 minutos entre as aplicações, tempo suficiente para as camadas secarem antes da próxima aplicação.

Se vocês seguirem os passos descritos, o resultado, depois de tudo seco, é um braço com aspecto e tato de madeira envernizada, bastante brilhante e "deslizante".
A finalização consistirá na aplicação de um pouco de cera (Birchwood Casey Gunstock Wax) para "puxar" ainda mais o brilho e aumentar a sensação de deslizamento.

Para o meu nível de exigência, o resultado surpreendeu. A única coisa que precisa ter cuidado é colocar POUCO tru-oil no papel toalha. Muito pouco mesmo. Fazendo desta forma, você pode aplicar camada em cima de camada sem medo do negócio ficar gosmento ou manchado.

Eu recomendo!
avatar
cardozo
Membro

Mensagens : 652
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Abr 26, 2017 1:09 pm

^ Boa contribuição!
Valeu!
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Ronyldo D`Santos Luthier em Qua Abr 26, 2017 1:39 pm

Gosto muito de trabalhar com óleo, é um acabamento que quando bem feito, surpreende qualquer um...tru-oil mais ainda...posso saber onde vc conseguiu o tru-oil cardozo? me mande um MP por gentileza..
avatar
Ronyldo D`Santos Luthier
Membro

Mensagens : 312
Localização : Por enquanto TERRA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por cardozo em Qua Abr 26, 2017 1:58 pm

Ronyldo D`Santos Luthier escreveu:Gosto muito de trabalhar com óleo, é um acabamento que quando bem feito, surpreende qualquer um...tru-oil mais ainda...posso saber onde vc conseguiu o tru-oil cardozo? me mande um MP por gentileza..

Não há mistério. Comprei no Mercado Livre mesmo. Birchwood Casey tru-oil gunstock finish. Deve ter custado uns R$ 80,00.

Aproveito para perguntar: O acabamento com tru-oil vai se perdendo com o uso e tempo? É necessária a reaplicação de tempos em tempos?

Abraço!
avatar
cardozo
Membro

Mensagens : 652
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Ronyldo D`Santos Luthier em Qua Abr 26, 2017 2:15 pm

cardozo escreveu:
Ronyldo D`Santos Luthier escreveu:Gosto muito de trabalhar com óleo, é um acabamento que quando bem feito, surpreende qualquer um...tru-oil mais ainda...posso saber onde vc conseguiu o tru-oil cardozo? me mande um MP por gentileza..

Não há mistério. Comprei no Mercado Livre mesmo. Birchwood Casey tru-oil gunstock finish. Deve ter custado uns R$ 80,00.

Aproveito para perguntar: O acabamento com tru-oil vai se perdendo com o uso e tempo? É necessária a reaplicação de tempos em tempos?

Abraço!

Sim, mas leva mais tempo, aplicando mais camadas...aplico umas 15 dependendo do oleo, tungue e linhaça umas 15 camadas, já tru-oil umas 7 já resolve.
avatar
Ronyldo D`Santos Luthier
Membro

Mensagens : 312
Localização : Por enquanto TERRA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Abr 26, 2017 2:52 pm

Ronyldo D`Santos Luthier escreveu:
cardozo escreveu:
Ronyldo D`Santos Luthier escreveu:Gosto muito de trabalhar com óleo, é um acabamento que quando bem feito, surpreende qualquer um...tru-oil mais ainda...posso saber onde vc conseguiu o tru-oil cardozo? me mande um MP por gentileza..

Não há mistério. Comprei no Mercado Livre mesmo. Birchwood Casey tru-oil gunstock finish. Deve ter custado uns R$ 80,00.

Aproveito para perguntar: O acabamento com tru-oil vai se perdendo com o uso e tempo? É necessária a reaplicação de tempos em tempos?

Abraço!

Sim, mas leva mais tempo, aplicando mais camadas...aplico umas 15 dependendo do oleo, tungue e linhaça umas 15 camadas, já tru-oil umas 7 já resolve.
Eu já usei esse tipo de acabamento, e gosto.
Mas o preço do óleo é alto, assim, prefiro o mais barato, embora um pouco mais trabalhoso, seladora + cera.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por cardozo em Dom Abr 30, 2017 6:58 pm

Bertola,

Gostei tanto do acabamento do braço do Squier em tru-oi que resolvi aplicar a mesma solução no meu amado Yamaha.

Gostaria de tirar algumas dúvidas com você:

1 - como se faz a limpeza de um braço com acabamento em tru-oi? Posso passar um pano com fluido de isqueiro para limpeza? Há algum produto que eu deva evitar?
2 - o efeito que quero atingir é o de um braço envernizado, de preferência com acabamento espesso e brilhante
As dúvidas são: quantas camadas de tru-oil devo usar para atingir este objetivo e quanto tempo devo esperar antes de aplicar cada camada?

Obrigado e um abraço!
avatar
cardozo
Membro

Mensagens : 652
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Dom Abr 30, 2017 9:03 pm

cardozo
Eu uso o bom, velho e eficiente óleo de peroba.
Passe uma 3 demãos de tung e espere 30 minutos entre elas.
2 - o efeito que quero atingir é o de um braço envernizado, de preferência com acabamento espesso e brilhante
Para isso eu prefiro o clássico acabamento: seladora + cera de carnaúba.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Fabao_Henrique em Qua Maio 03, 2017 12:17 am

Boa Noite Mauricio Bertola!

tenho um baixo cort action v passivo e queria trocar os captadores pelo de um jazz bass, é possivél? ficaria bom?
avatar
Fabao_Henrique
Membro

Mensagens : 1
Localização : são miguel dos campos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Maio 03, 2017 6:55 am

Fabao_Henrique escreveu:Boa Noite Mauricio Bertola!

tenho um baixo cort action v passivo e queria trocar os captadores pelo de um jazz bass, é possivél? ficaria bom?
Sim, é.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por cardozo em Qua Maio 03, 2017 8:23 am

Bertola,

ainda estou amadurecendo a possibilidade de aplicação de tru-oil no braço do Yamaha. Ainda não sei se farei o trabalho, mas está valendo a pena estudar sobre o assunto.

Agora, para variar, uma pergunta:

Em relação à lateral do braço, devo mascarar todo o fretboard ou o correto é deixar a lateral do fretboard exposta para lixamento e aplicação do tru-oil?
Na guitarra do meu filho eu mascarei todo o fretboard, ou seja, o óleo foi aplicado apenas até a junção do braço com a escala. O acabamento ficou bom, mas olhando mais de perto é possível perceber uma "sujeirinha" do óleo em algumas partes do braço, justamente nesta junção.

Valeu!
avatar
cardozo
Membro

Mensagens : 652
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Maio 03, 2017 1:17 pm

Sim, toda a escala.
Atente para uma questão: A madeira do braço (bôrdo), é muito mais densa que a do corpo, por conseguinte a absorção do óleo será menor e mais demorada.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por cardozo em Qua Maio 03, 2017 2:03 pm

Mauricio Luiz Bertola escreveu:Sim, toda a escala.
Atente para uma questão: A madeira do braço (bôrdo), é muito mais densa que a do corpo, por conseguinte a absorção do óleo será menor e mais demorada.

Bertola,

tranquilo. Caso eu vá fazer, será apenas no braço. O que me dói, e este é o motivo principal para não ter começado ainda, é retirar o braço de um instrumento perfeito, sem shim e muito sólido. A teoria é muito simples e eu já fiz isto em outros instrumentos, mas a prática, por outro lado, já se mostrou perversa algumas vezes.

Vamos vendo.

Abraço!
avatar
cardozo
Membro

Mensagens : 652
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Maio 03, 2017 5:19 pm

up
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por cardozo em Qui Maio 04, 2017 9:01 am

Bertola,

tirei estes dias para te perturbar aqui... Hehe!

Duas perguntas:

1 - Tenho um baixolão Epiphone El Capitan e os trastes no final da escala estão com suas pontas levemente mais altas. Visualmente não se percebe, mas passando a mão em todo o braço é possível sentir que estes trastes estão mais "pontudos" na lateral, ao contrário daqueles do início e meio da escala.
É possível "rebater" estes trastes? O serviço pode ser executado com ferramentas caseiras? O que eu poderia usar para isto?

2 - O meu Yamaha, por outro lado, tem todos os trastes "pontudos" na lateral da escala, problema típico de mal acabamento. Sei que a solução ali é passar uma lima e acertar o acabamento destes trastes.
Pergunta: É preciso comprar uma lima específica para o serviço ou existe alguma ferramenta alternativa que eu possa usar?

Obrigado!
avatar
cardozo
Membro

Mensagens : 652
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qui Maio 04, 2017 11:42 am

cardozo, não é problema algum perguntar cara; dentro das minhas (parcas) possibilidades... Estou aqui pra isso.
Depende, pois tem o procedimento de "rebatimento" de trastes (que aprendi com meu finado mestre, Simôes) ou vc pode limar, se houverem rebarbas nos finais dos trastes (o que é feito com lima - qualquer boa lima da grana fina serve). O "rebatimento" é feito com um martelo de borracha dura (martelo de funileiro).
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por cardozo em Sex Maio 05, 2017 3:00 pm

^
Obrigado!
avatar
cardozo
Membro

Mensagens : 652
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes e Timbre

Mensagem por michael.duarte em Dom Maio 14, 2017 3:21 pm

Fala, Maurício!

Estou prestes a realizar uma troca de trastes e gostaria de saber se o tamanho pode influenciar no timbre. Se sim, quais tamanhos influenciam em quê?

michael.duarte
Membro

Mensagens : 2
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Dom Maio 14, 2017 9:49 pm

michael.duarte escreveu:Fala, Maurício!

Estou prestes a realizar uma troca de trastes e gostaria de saber se o tamanho pode influenciar no timbre. Se sim, quais tamanhos influenciam em quê?
Sim. Trastes maiores dão um timbre mais "metálico".
No meu entender (e no do Jacimário também), trastes finos são melhores e mais "precisos" (no sentido afinação), mas isso é uma opinião.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por fheliojr em Ter Maio 16, 2017 10:51 pm

eu prefiro os 6230.
avatar
fheliojr
Membro

Mensagens : 8866
Localização : Fortaleza-CE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por michael.duarte em Dom Maio 21, 2017 3:27 pm

Mauricio Luiz Bertola escreveu:
michael.duarte escreveu:Fala, Maurício!

Estou prestes a realizar uma troca de trastes e gostaria de saber se o tamanho pode influenciar no timbre. Se sim, quais tamanhos influenciam em quê?
Sim. Trastes maiores dão um timbre mais "metálico".
No meu entender (e no do Jacimário também), trastes finos são melhores e mais "precisos" (no sentido afinação), mas isso é uma opinião.

Obrigado.

michael.duarte
Membro

Mensagens : 2
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Claudio Mengarda em Dom Maio 21, 2017 11:35 pm

Boa noite mestre Bertola! Vou fazer a primeira regulagem de baixo em um luthier, não entendo muito, como faço para pedir o que quero? Existe alguma regulagem padrão? Tocamos rock, logo acho que a altura das cordas deveria ser no meio termo, pra não trastejar muito e não atrapalhar a tocabilidade, agora, altura de caps e tudo mais não sei como pedir.
Pode me ajudar?
avatar
Claudio Mengarda
Membro

Mensagens : 770
Localização : Santa Catarina

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Seg Maio 22, 2017 8:23 am

Claudio Mengarda escreveu:Boa noite mestre Bertola! Vou fazer a primeira regulagem de baixo em um luthier, não entendo muito, como faço para pedir o que quero? Existe alguma regulagem padrão? Tocamos rock, logo acho que a altura das cordas deveria ser no meio termo, pra não trastejar muito e não atrapalhar a tocabilidade, agora, altura de caps e tudo mais não sei como pedir.
Pode me ajudar?
Claudio, regulagem de ação é algo particular.
Como procedimento padrão eu coloco as cordas o mais baixo possível e, se o cliente acha que ficou baixa demais, basta usar uma chave allen para levantar um pouco os carrinhos da ponte. A distância dos captadores em relação às cordas também varia muito em função dos captadores mesmo, ademais, os polos das cordas mais agudas muitas vezes ficam ligeiramente mais próximas das cordas que as mais graves. Use como parâmetros 0,5 cm para o capt de grave e um pouco menos para o de agudo e depois experimente (pois cada um tem uma "pegada" diferente).
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Diegobass em Sex Set 01, 2017 12:28 am

Bertola, boa noite.
Estou querendo me aventurar em retifica de trastes em uma guitarra xing ling que tenho aqui patra testar e posteriormente no meu baixo, um Washburn XB 600 Bantam Series.

Vi vários vídeos e pesquisei o máximo possível mas me bateu uma dúvida.

Pelo pouquíssimo que conheço, percebo que os trastes ainda não precisam necessariamente de uma troca, me parece que o antigo dono fez (ou levou à um luthier) uma retífica em que os trastes ficaram retos, sem abaloamento, dá para perceber que foram um pouco lixados porque até mesmo os últimos trastes da escala, na corda Si estão um pouco quadrados.
Com uma peça de alumínio totalmente reta eu percebi que vários trastes tem o efeito gangorra (testando de 3 em 3 trastes), uns bem perceptíveis e outros tão pouco. Pensava em fazer só nos que estão trastejando, mas parece que o problema é em todo braço.

A tal dúvida: Eu não sei qual o raio da escala (penso em comprar um jogo baratinho no Ali express para quando precisar), para fazer essa retífica e alinhamento eu preciso fazer com os tacos específicos para o raio da escala em questão também com os trastes? Ou posso fazer como uma lima, deixá-lós retos e depois abaloa-lós?

Desculpa o textão, gostaria de levar a algum luthier, mas na minha região, bons profissionais estão em falta... Já fiz vários outros processos mais simples, mas tenho muita dúvida quanto à isso, percebi que é bem difícil achar um material completo sobre isso, a não ser que eu esteja pesquisando o termo errado....

Grande abraço mestre.
avatar
Diegobass
Membro

Mensagens : 388
Localização : Três Rios - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Sex Set 01, 2017 6:17 am

Diegobass
Retífica de trastes não se faz com limas, mas com tacos ou com pedras de amolar...
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Diegobass em Sex Set 01, 2017 6:53 am

Mauricio Luiz Bertola escreveu:Diegobass
Retífica de trastes não se faz com limas, mas com tacos ou com pedras de amolar...

Esse taco, eu pressuponho, tem que coincidir com o raio da escala certo?
avatar
Diegobass
Membro

Mensagens : 388
Localização : Três Rios - RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Sex Set 01, 2017 12:22 pm

Diegobass escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:Diegobass
Retífica de trastes não se faz com limas, mas com tacos ou com pedras de amolar...

Esse taco, eu pressuponho, tem que coincidir com o raio da escala certo?
Com o taco sim, mas não necessariamente...
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Riff Raff em Dom Set 10, 2017 6:15 pm

Boa tarde.
Sei que um Tonante normalmente não vale o esforço, mas esse tem valor sentimental, já que foi presente de meu tio e foi meu primeiro baixo.
Ele é feito de um sanduíche de madeira, que eu acredito ser cedro e lâminas de uma madeira escura, que aparenta ser imbuia.
Parece que quando eu retirei a tinta, a madeira do top da guitarra encolheu e se separou da parte de baixo e da lamina do top.
Fiz um vídeo com as fotos e coloquei no youtube: https://youtu.be/FGVKPv2wojI
Nas fotos não dá para ver direito, mas há um dente entre a madeira de cima e a de baixo.
Qual seria a melhor forma de colar isso de novo?
Tentar "jogar" cola ali dentro, talvez forçando com alguma lâmina e prensar até secar?
O ideal seria cola normal de madeira ou algo diferente?
Obrigado.
avatar
Riff Raff
Membro

Mensagens : 12
Localização : Getúlio Vargas - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Dom Set 10, 2017 6:21 pm

Riff Raff
Você terá que injetar cola de madeira (de boa qualidade) na cavidade e pressionar com vários grampos deixando compressionado por uns 4 ou 5 dias.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por japaubatuba em Qui Set 14, 2017 11:44 pm

Uma dúvida as pontes gotoh são melhores que as pontes dos baixos fender mexicanos?
avatar
japaubatuba
Membro

Mensagens : 113
Localização : Ubatuba

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qui Set 14, 2017 11:47 pm

japaubatuba escreveu:Uma dúvida as pontes gotoh são melhores que as pontes dos baixos fender mexicanos?
Mesma coisa...
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sobre madeira e peso.

Mensagem por Fabrício M. Gadelha em Dom Set 24, 2017 8:49 am

Boa dia Bertola. Eu tinha um Squier JB 5C Indonésia(Basswood). Troquei por um PB MIM 4C(Alder). Gostei muito do som e da pegada dele por isso fiz o negócio, somente uma coisa me deixou encucado, o peso. O PB em Alder é muito mais leve do quê o JB em Basswood, certo que é uma corda a menos mas mesmo assim acho a diferença brutal! Tanto que na curiosidade pesei e deu somente 3,5kg. Nada que desbalanceie o instrumento mas pelo que sempre li Basswood é uma madeira mais leve e tal e como não tenho experiência com Fenders MIM, achei estranho. ALGO COM QUÊ SE PREOCUPAR???
avatar
Fabrício M. Gadelha
Membro

Mensagens : 7
Localização : Tabuleiro do Norte-CE, Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Dom Set 24, 2017 9:25 am

Não, de forma alguma.
Cara, madeira é material biológico, por conseguinte existem muitas variações entre as peças.
avatar
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 11671
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por bonatti_bass em Sab Out 14, 2017 3:01 pm

Grande Bertola, uma dúvida minha: já fez ou sabe como soaria um Jazz Bass com braço de precision (mais taruguento)? Ou você acha que isso influenciaria muito pouco no som?

Obrigado!

bonatti_bass
Membro

Mensagens : 60
Localização : Joinville - SC

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pergunte ao luthier com Mauricio Bertola

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 11 de 12 Anterior  1, 2, 3 ... , 10, 11, 12  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum