Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Página 12 de 15 Anterior  1 ... 7 ... 11, 12, 13, 14, 15  Seguinte

Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Sex Abr 26, 2019 1:35 pm

NeyBass escreveu:
Rico escreveu:E aí a garotinha se recusou a cumprimentar o pulha! A foto virou símbolo de rebeldia e resistência...

Foi assim que Figueiredo, último presidente do golpe militar, passou vergonha nacional.

Cês pensaram que eu estava falando de quem????


http://estudosnacionais.com/noticias/tenho-medo-de-ir-a-escola-diz-a-pequena-yasmin-vitima-de-fake-news-do-estadao/
Essa foice de SP heim...


Essa "foice de SP" é complicada, mesmo... Que bom que temos veículos imparciais, apartidários, corretos, representantes e amigos da verdade, como esse "estudosnacionais.com" !!! Nem tudo está perdido !!!
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 344
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sex Abr 26, 2019 1:43 pm

^ Eu ví...

Covardia o que os Minions-goiaba podem fazer com uma criança de 8 anos...
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Sex Abr 26, 2019 2:14 pm

allexcosta escreveu:^ Já pensou ser essa menininha hoje?

Vixe. Ela morreu né?
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 44999
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NeyBass em Sex Abr 26, 2019 2:20 pm

Calma galera, só quis mostrar o outro lado da coisa. Não tive a intenção de ofender o meio de informação de vocês. Por trás de todo cara bem informado tem uma folha de SP. lol!

peter.forc escreveu:...Essa "foice de SP" é complicada, mesmo... Que bom que temos veículos imparciais, apartidários, corretos, representantes e amigos da verdade, como esse "estudosnacionais.com" !!! Nem tudo está perdido !!!

Um é a fala do "jornalista", o outro, é a fala da vítima.
NeyBass
NeyBass
Membro

Mensagens : 3834
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sex Abr 26, 2019 3:18 pm

^Mas o importante mesmo é que o fascista se fu@#u!
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NeyBass em Sex Abr 26, 2019 3:29 pm

Rico escreveu:^Mas o importante mesmo é que o fascista se fu@#u!
kkk...o fascista tá é de boa, quem está se fo... somos nós brasileiros há várias décadas e assim será até o fim de nossa existência...kkk
NeyBass
NeyBass
Membro

Mensagens : 3834
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sex Abr 26, 2019 3:46 pm

Então... Precisamos comemorar cada pequena escorregada desse governo nefasto.

Não é porque todos vamos nos arrebentar que abdicaremos do direito de criticar, alertar, reivindicar e até de comemorar as besteiras e os vexames desse desgoverno.

Você pensa que ele (o Bozo) tá de boa??? Tá é se borrando de medo junto com os irmãos metralha, porque eles sabem que são burros e incompetentes, e sabem que o Mourão é um fantasma ameaçador, rindo pelo canto da boca, se esgueirando... Esse medo deles já me mata de tanto rir, porque tem propiciado momentos bizarros.

Isso tem um peso sobre a maioria dos eleitores, e é uma forma de prevenir que esse tipo de candidato volte a ser eleito, caso contrário, passaremos o resto de nossas vidas apenas nos fud$#@do!
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Coder em Sex Abr 26, 2019 5:23 pm

Dead Kennedys cancela shows no Brasil após polêmica com pôster
https://g1.globo.com/pop-arte/musica/noticia/2019/04/26/dead-kennedys-cancela-show-no-brasil-apos-polemica-com-poster.ghtml

Queimou outra resistência...
Coder
Coder
Membro

Mensagens : 3704
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sex Abr 26, 2019 5:45 pm

^Na verdade não. Passou pro Ratos. A resistência permanece bem representada.
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sex Abr 26, 2019 6:14 pm

Bolsonaro decreta fim das faculdades de Filosofia e Sociologia: “Objetivo é focar em áreas que gerem retorno imediato”

Bolsonaro e o "filósofo" Olavo de Carvalho (Arquivo)
Por Redação

Enquanto os filhos – e ele próprio – são doutrinados pelo “filósofo” Olavo de Carvalho, Jair Bolsonaro (PSL) decretou pelo Twitter, na manhã desta sexta-feira (26), o fim dos investimentos federais nas faculdades de Filosofia e Sociologia. Segundo ele, o ministro da Educação, Abraham Weintrab quer “descentralizar” investimento no ensino das duas áreas para “focar em áreas que gerem retorno imediato ao contribuinte, como: veterinária, engenharia e medicina”.

Ministro da Educação: “Pode estudar Filosofia? Pode. Com dinheiro próprio”

Para Bolsonaro, os estudos de humanas não “respeitariam o dinheiro do contribuinte” e a educação deve servir para ensinar “leitura, escrita e a fazer conta e depois um ofício que gere renda para a pessoa”.


A função do governo é respeitar o dinheiro do contribuinte, ensinando para os jovens a leitura, escrita e a fazer conta e depois um ofício que gere renda para a pessoa e bem-estar para a família, que melhore a sociedade em sua volta.
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Sex Abr 26, 2019 8:51 pm

Coder escreveu:Dead Kennedys cancela shows no Brasil após polêmica com pôster
https://g1.globo.com/pop-arte/musica/noticia/2019/04/26/dead-kennedys-cancela-show-no-brasil-apos-polemica-com-poster.ghtml

Queimou outra resistência...
Queimou nada... Depois do lance de poster a banda é que se queimou por não ter bancado.
Ademais, o Jello Biafra não está mais na banda...
Punk "arregão" não é punk!!!
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 13446
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Sex Abr 26, 2019 8:54 pm

Quem que vai num show de uma banda dessas? Eu hein...
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 44999
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Sex Abr 26, 2019 9:23 pm

allexcosta escreveu:Quem que vai num show de uma banda dessas? Eu hein...
Eu já fui...
E iria sim...
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 13446
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sex Abr 26, 2019 10:23 pm

Nunca fui, mas está longe dos primeiros lugares na minha lista de "manter distância"...
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Raul S. em Sex Abr 26, 2019 10:48 pm

Rico escreveu:Nunca fui, mas está longe dos primeiros lugares na minha lista de "manter distância"...
[2]
Raul S.
Raul S.
Membro

Mensagens : 1397
Localização : -

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Sab Abr 27, 2019 11:45 am

A corte do bobo
O guru bolsonarista adula seu rei para iludi-lo, conduzindo-o à beira do precipício


Demétrio Magnoli
Folha de S. Paulo, 27.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/demetriomagnoli/2019/04/a-corte-do-bobo.shtml

Os soberanos renascentistas empregavam um profissional encarregado de entreter os cortesãos e, antes de tudo, a si mesmos: o bobo da corte. A entourage bolsonarista tem um personagem assim, que é Olavo de Carvalho. Mas, com uma diferença: por aqui, a corte é que presta serviço ao bobo.

Nas cortes do passado, recrutavam-se bobos no próprio círculo da nobreza, entre jovens com deficiência mental. Mais comumente, eles eram pinçados entre comediantes que cantavam ou dançavam em grupos de saltimbancos. Salvo engano, Olavo enquadra-se no segundo caso.

Depois de tentar a sorte como astrólogo e islamita, ele vestiu a fantasia de filósofo e passou a exibir truques intelectuais primários no palco itinerante da internet. O ofício de comediante intelectual propiciou-lhe uma carreira precária no diversificado mercado da autoajuda —até que, miraculosamente, o colapso do sistema político brasileiro degenerou no governo dos ignorantes da extrema direita. Daí, ele virou um bobo singular: o guru de uma corte abobalhada.

Os bobos eram contratados para cometer equívocos divertidos. Nesse ponto, Olavo, o bobo de plantão, é fiel à tradição. Segundo o que ele qualifica como uma “tese histórica irrefutável”, os militares brasileiros entregaram o país ao comunismo. O interessante, aqui, é que não há, entre pessoas medianamente informadas, nem mesmo um debate histórico relevante sobre o tema.

O golpe de 1964 não salvou o país da ascensão comunista pelo simples fato de que a hipótese inexistia: Jango e os seus, populistas da cepa varguista, não nutriam qualquer simpatia pelo comunismo. Os comunistas, cindidos em dois partidos rivais, eram colinas periféricas na paisagem nacional. Duas décadas depois, na hora da transição democrática, a esquerda aglutinou-se no PT, que de socialista só tem trechos esparsos de resoluções escritas para enganar trouxas.

Golbery do Couto e Silva tinha razão, se é verídica a versão de que enxergava em Lula o coveiro da esquerda radical no Brasil. Mas, ainda que divertida, a “tese histórica irrefutável” de Olavo é um equívoco proposital de um profissional da comédia. O bobo que nada tem de bobo formulou uma galhofa destinada a ser levada a sério por seus devotos estúpidos da corte bolsonarista, entre os quais contam-se o presidente e seus rebentos.

No “Rei Lear”, o bobo desempenha papéis cruciais. Honesto, completamente leal, ele vai muito além de seu dever de entreter, agindo quase como superego do rei. Depois do injusto banimento de Cordelia, o bobo assume a função da única filha íntegra do rei, protegendo Lear e, por meio da ironia e do sarcasmo, alertando-o sobre seus impulsos autodestrutivos.

Na corte bolsonarista, tudo se passa ao inverso. Leal apenas a si mesmo, o bobo sabota incessantemente o rei, estimulando seus piores instintos e semeando perenes intrigas palacianas. O bobo de Lear não teme dizer a verdade desinteressada; o bobo de Bolsonaro só profere mentiras interessadas. Nesse país tão pouco shakespeariano, a corte presta vassalagem a um bobo que não almeja o triunfo do rei, mas unicamente seu triunfo pessoal.  

“Bobos frequentemente provam-se profetas”, diz Regan, a segunda filha de Lear, a Goneril, sua irmã mais velha. Olavo errou em todas as suas profecias, mas esforça-se para acertar na mais recente: a implosão do governo Bolsonaro “em seis meses”. O bobo shakespeariano, um sábio cético que vira a procissão inteira de vilezas humanas, ria da afetada pretensão de majestade de Lear. Entretanto, inarredável na sua decência, jamais o abandonou, acompanhando-o na trajetória da humilhação, rumo à loucura. Já o bobo bolsonarista, um malcriado untuoso, adula seu rei para iludi-lo, conduzindo-o à beira do precipício.

“Rei Lear” é a mais sublime tragédia da literatura. A nossa é uma farsa de terceira. Mas não é ficção.


Demétrio Magnoli
Sociólogo, autor de “Uma Gota de Sangue: História do Pensamento Racial”. É doutor em geografia humana pela USP.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sab Abr 27, 2019 1:08 pm

^ cheers
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Sab Abr 27, 2019 7:15 pm

JAZZigo escreveu:A corte do bobo
O guru bolsonarista adula seu rei para iludi-lo, conduzindo-o à beira do precipício


Demétrio Magnoli
Folha de S. Paulo, 27.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/demetriomagnoli/2019/04/a-corte-do-bobo.shtml


(....)

O golpe de 1964 não salvou o país da ascensão comunista pelo simples fato de que a hipótese inexistia: Jango e os seus, populistas da cepa varguista, não nutriam qualquer simpatia pelo comunismo. Os comunistas, cindidos em dois partidos rivais, eram colinas periféricas na paisagem nacional. Duas décadas depois, na hora da transição democrática, a esquerda aglutinou-se no PT, que de socialista só tem trechos esparsos de resoluções escritas para enganar trouxas.

(....)


Concordo. E não foi a primeira vez que fizeram isso. O próprio Getúlio Vargas já havia utilizado o artifício em 1937 (o famigerado "Plano Cohen") para fortalecer um governo centralizador e autoritário ("Estado Novo").
E, infelizmente, acredito que se o atual governo quiser fazer o mesmo amanhã, tem grande chance de sucesso...


Última edição por peter.forc em Sab Abr 27, 2019 7:23 pm, editado 1 vez(es)
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 344
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sab Abr 27, 2019 7:18 pm

E eu tenho a certeza que minion goiaba, aqui não se cria.
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Sab Abr 27, 2019 7:47 pm

Rico escreveu:E eu tenho a certeza que minion goiaba, aqui não se cria.

Sei lá, não sou otimista...

E "plano" para isso eles têm:

A sanha de Bolsonaro contra a Filosofia e a Sociologia
Filósofo Paulo Ghiraldelli - Publicado em 27 de abr de 2019
https://www.youtube.com/watch?v=VrRkBUVYjEg
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 344
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Sab Abr 27, 2019 9:04 pm

peter.forc escreveu:
Rico escreveu:E eu tenho a certeza que minion goiaba, aqui não se cria.

Sei lá, não sou otimista...

E "plano" para isso eles têm:

A sanha de Bolsonaro contra a Filosofia e a Sociologia
Filósofo Paulo Ghiraldelli - Publicado em 27 de abr de 2019
https://www.youtube.com/watch?v=VrRkBUVYjEg

A doutrinação é ardilosa e gradativa, começa com ações contra núcleos de pensamento (faculdades, por exemplo), estende-se às escolas, à propaganda oficial, e daí em diante. Este processo já se encontra em marcha. Observe o caso das propagandas das estatais...

Intervenção na publicidade de estatais 'não tem validade', diz Santos Cruz

Governo volta atrás e reconhece que ação do presidente Jair Bolsonaro feriu a Lei de Estatais; ministro da Secretaria de Governo diz que caberá ao Banco do Brasil decidir se volta a exibir comercial
Gustavo Maia - 26/04/2019 - 20:57 / Atualizado em 26/04/2019 - 21:37
https://oglobo.globo.com/brasil/intervencao-na-publicidade-de-estatais-nao-tem-validade-diz-santos-cruz-23626122

(...)
Questionado se a propaganda retirada do ar pelo Banco do Brasil poderia voltar a ser veiculada, o ministro deixou a questão a cargo do presidente do banco estatal.
– Se vai ou não, é problema do presidente do Banco do Brasil.
Na quarta-feira, como revelou a TV Globo, o Palácio do Planalto disparou um comunicado a estatais dizendo que, "em atendimento à decisão estratégica de maximizar o alinhamento de toda ação de publicidade do poder Executivo federal”, o conteúdo de todas as ações publicitárias, “inclusive de natureza mercadológica” deverá ser submetido para “conformidade prévia” da Secom, diz o texto assinado pelo secretário de Publicidade e Promoção da secretaria, Glen Lopes Valente.
No início da noite desta sexta-feira, porém, a Secretaria de Governo divulgou um novo comunicado afirmando que a determinação contida no e-email não havia respeitado a Lei de Estatais.
(...)

Eu não tenho dúvida que isso foi, sim, uma tentativa plenamente consciente, mesmo conhecendo as normas contrárias. A idéia é ir paulatinamente, constantemente, jogando estas "ideias", impondo estas "peças ideológicas". Algumas serão muito criticadas e aí eles recuam, outras não serão percebidas, ou pouco criticadas, e vão se estabelecendo.
No caso do BB, o ministro vem AGORA dizer que realmente quem define se a propaganda vai ao ar ou não é ele (o presidente do BB) ??!! Vc acha que ele (o presidente do BB) seria maluco, agora, de voltar com a propaganda ?

Quem tem mais de 50 anos, como eu, já viu isso aqui mesmo no Brasil. E tb sabe o tempo que leva para reverter isso.

Dizem que a maior façanha do Diabo é exatamente fazer com que as pessoas não acreditem que ele exista...
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 344
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sab Abr 27, 2019 9:07 pm

Só que os efeitos da economia atingirão a todos.

Não se criam.
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty O Circo

Mensagem por JAZZigo em Dom Abr 28, 2019 11:41 pm

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 15462652235c2a228789aea_1546265223_3x2_md

O circo
No governo de Bolsonaro, tudo está combinado, como nos picadeiros

Janio de Freitas
Folha de S. Paulo, 28.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/janiodefreitas/

A aparência intempestiva das atitudes dos Bolsonaros é farsante. Estamos diante de uma trupe como são tantas famílias circenses. Grosserias, desobediências, postagem nas redes e logo a retirada, os alvos e temas escolhidos, nada disso é espontâneo. Tudo está combinado, como nos picadeiros. Com funções distribuídas entre os diferentes estilos entre os protagonistas. E para uma plateia aparvalhada.

O pai desobedecido e, no entanto, incentivador de novas sandices do filho tido como o mais destrambelhado, seria bastante para se duvidar de condutas divergentes. Bolsonaro pai, afinal de contas, se sujeita aos desgastes de uma situação ridícula e, em país com algum autorrespeito, desmoralizante. O próprio Bolsonaro pai, porém, dá indicações explícitas de que o jogo de acusações e o divisionismo pelo insulto são combinados. E articulados com objetivos ocultos, capazes de justificar o alto custo político e pessoal para seus persistentes praticantes.

No começo da semana passada, Bolsonaro soltou pequena nota para dizer que "as recentes declarações" (só as recentes, pois) de um dos seus guias, Olavo de Carvalho, não contribuíam para "a unicidade de esforços" do governo. A notinha foi propagada como crítica. Quem difundira dois dias antes, sábado à noite, "as declarações" de virulência ensandecida, contra as escolas militares e "os milicos" em geral, foi o próprio Bolsonaro, no YouTube. Para maior difusão, replicado pelo filho Carlos.

Apesar de possíveis dificuldades, Bolsonaro por certo entendeu "as recentes declarações" e tornou-as públicas por vontade sua. Não foi ingenuidade. Assim como havia um propósito na remessa, houve no passo seguinte de Bolsonaro e do filho. O desagrado de Carlos com a retirada da postagem de Bolsonaro, consta que por pressão, não foi mais do que outra ceninha. Seus ataques não cessaram.

Exemplos nessa linha são numerosos. Já é tempo de se encerrar o papel de tolos manipulados pelas farsas dos Bolsonaros.

*

Os condenadores de Lula não ficam bem, dos pontos de vista jurídico e ético, ante a redução da pena do ex-presidente no Superior Tribunal de Justiça. Sergio Moro condenou-o a 9 anos e 6 meses, pelo alegado recebimento da cobertura; no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, o relator João Gebran (pretendente à nomeação para o Supremo) aumentou a pena para 12 anos e 1 mês, mais a multa de R$ 29 milhões em valor atual. Foi apoiado pelos outros dois desembargadores da turma.

A quinta turma do STJ não examinou o mérito do processo, os fundamentos da acusação. Apreciou e recusou as irregularidades reclamadas pelo recurso da defesa. Mesmo à margem do mérito, porém, no confronto entre a acusação e as sentenças cabíveis, decidiu por unanimidade que as penas foram superdimensionadas: fixou em 8 anos e 10 meses o que eram 12 anos e 1 mês; e baixou para R$ 2,4 milhões a multa que estava aumentada em mais de dez vezes.

Juízes são dispensados de dar explicação. Quando sentenças e política se misturam, explicações não fazem falta, mesmo.

*

Nem notícia se teve, no Brasil, do Dia Internacional do Livro, na terça (23). Só na Catalunha, com a festa centrada na feira de livros de Barcelona, 400 autores autografando, os espanhóis estimam a venda em 7 milhões de exemplares. Entre nós, de janeiro a março a venda caiu 1,2 milhão de livros. O que a diferença significa no presente é quase nada se comparada ao que diz do futuro por aqui.

*

Convidado em 1980 para escrever na Folha uma coluna diária sobre política, no espaço vertical da página 2, preferi fazê-la só às quintas e domingos, e sobre poder em geral. Desconhecido em São Paulo, e ainda por cima com prenome inconveniente, quis primeiro me testar. Estudei todos os jornais paulistas por uns três dias, e decidi pela crônica, em vez de artigos engravatados. Por desejo da pessoa extraordinária que foi Octavio Frias, pai, passei à coluna diária na quinta página, mantida por muito tempo e mudando os seus gêneros ao compasso das novas circunstâncias. Nos últimos anos, a coluna passou a três vezes semanais e, mais para cá, a duas —as velhas quintas e domingos. Aos 39 anos quase completos, a de quinta, valha a rima, está extinta. A de domingo ainda sai.

Janio de Freitas

Jornalista
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty E o festival de asneiras segue de vento em popa...

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 30, 2019 12:45 pm

Universidades acusadas de 'balbúrdia' tiveram melhora de avaliação em ranking internacional
Ministro Abraham Weintraub anunciou corte de recursos para UnB, UFBA e UFF

Isabela Palhares, O Estado de S.Paulo
30 de abril de 2019 | 11h59
https://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,universidades-acusadas-de-balburdia-tiveram-melhora-de-avaliacao-em-ranking-internacional,70002810148

SÃO PAULO - As três universidades que tiveram verba cortada pelo Ministério da Educação (MEC) por suposta "balbúrdia" melhoraram sua posição no principal ranking universitário internacional, o Times Higher Education (THE). O resultado deste indicador contraria afirmação do ministro de que elas tiveram piora no desempenho academico nos últimos anos.

Em entrevista ao Estado, o ministro Abraham Weintraub disse que  a Universidade de Brasília (UnB), a Universidade Federal Fluminense (UFF) e a Universidade Federal da Bahia (UFBA) tiveram repasses reduzidos porque teriam permitido eventos políticos, manifestações partidárias ou festas inadequadas em suas instalações.  “A universidade deve estar com sobra de dinheiro para fazer bagunça e evento ridículo”, disse. Ele deu exemplos do que considera bagunça: “Sem-terra dentro do câmpus, gente pelada dentro do câmpus”.

O ranking da publicação britânica THE, um dos principais em avaliação do ensino superior, mostra que UnB e UFBA tiveram melhor avaliação na última edição. Na classificação das melhores da América Latina, a UnB passou da 19ª posição, em 2017, para 16ª no ano seguinte. A UFBA passou da 71ª para 30ª posição. A UFF manteve o mesmo lugar, em 45º.

Segundo a publicação, as três se destacam pela boa avaliação em ensino e pesquisa. Sendo que UnB e UFBA aparecem entre as 400 melhores instituições do mundo em cursos da área da saúde.

As três universidades também estão entre as 20 instituições do País com maior produção científica, segundo relatório produzido pela Clarivate Analytics, uma das mais prestigiadas equipes de análises de dados científicos do mundo, para a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

O relatório mostra que Unb e UFBA estão entre as instituições do País com o maior porcentual de papers entre os 10% mais citados do mundo. Do que foi produzido pelas universidades, 6,1% e 6,88%, respectivamente, estão nessa categoria. Já a UFF, tem uma das mais altas taxas de colaboração com a indústria, com 30,4% dos papers que produziu.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Raul S. em Ter Abr 30, 2019 1:48 pm

escolheram a dedo o novo ministro
Raul S.
Raul S.
Membro

Mensagens : 1397
Localização : -

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Coder em Ter Abr 30, 2019 2:07 pm

Fascismo é isso aqui, galerinha! Aqui pertinho!

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Ezgif-3-86cc92b646d4

O resto é mimimi de esquerdista chorão que não aceitou as eleições!
Coder
Coder
Membro

Mensagens : 3704
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por GRRS em Ter Abr 30, 2019 2:21 pm

^Ñ é exclusivo de esquerda não mano, Governo de São Paulo faz a mesma coisa com protesto na Paulista e ainda tem otário q bate palma e fala q tem q sentar o cacete mesmo pq manifestante é td vagabundo

GRRS
Membro

Mensagens : 119
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Coder em Ter Abr 30, 2019 2:43 pm

GRRS escreveu:^Ñ é exclusivo de esquerda não mano, Governo de São Paulo faz a mesma coisa com protesto na Paulista e ainda tem otário q bate palma e fala q tem q sentar o cacete mesmo pq manifestante é td vagabundo

Tipo passar com um blindado em cima da multidão com intenção de matar? Não me lembro disso!
Coder
Coder
Membro

Mensagens : 3704
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por GRRS em Ter Abr 30, 2019 3:14 pm

Prisões arbitrárias, quebrar cassetete na cara de manifestantes, usar munição letal em protesto pacífico e mandar blindados israelenses pra tacar bomba te parecem formas mais aceitáveis de repressão então?

Q se letalidade for o condicionante, da pra citar o caso do exército no Rio q fuzilou um cidadão indo pra um chá de bebê com a família... Nem em protesto tava e sofreu represália "com intenção de matar" na nossa maravilha democrática

Mas enfim, esse GIF postado omite os manifestantes tacando molotovs nos veículos do governo, o q n justifica nada por parte do aparato repressivo do deplorável gov. Maduro, mas descontextualizado, passa a ideia de q o governo ta fazendo isso gratuitamente, sem motivo, como se o presidente auto-intitulado Juan Guaidó não estivesse aberta e descaradamente tentando dar um Golpe de estado, invadindo bases militares e incitando a população a se revoltar, ao invés de optar por uma saída via diálogo....

E depois é aqui no Brasil q a oposição é má perdedora e não aceita a derrota

GRRS
Membro

Mensagens : 119
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty 482 dias...

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 30, 2019 3:29 pm

Caso Queiroz e do filho do presidente completa 482 dias sem conclusão; entenda
Investigação sobre movimentações financeiras de ex-assessor de Flávio Bolsonaro corre em sigilo


Folha de S. Paulo, 30.abr.2019 às 8h30
https://www1.folha.uol.com.br/poder/2019/04/caso-queiroz-e-do-filho-do-presidente-completa-482-dias-sem-conclusao-entenda.shtml

RIO DE JANEIRO - A apuração criminal sobre a movimentação atípica de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), completa nesta terça-feira (30) um total de 482 dias sem uma conclusão.

Policial militar aposentado, Queiroz era uma espécie de chefe de gabinete do filho do presidente Jair Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio, e o relatório do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) que o menciona junto com outras dezenas de assessores de políticos chegou no dia 3 de janeiro ao Ministério Público do estado.

Inicialmente, houve a produção de uma série de relatórios, e a investigação formal foi instaurada em 30 de julho do ano passado. Ela tramitou até janeiro no gabinete do procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem, em razão do foro especial a que Flávio tinha direito como deputado estadual.

O caso depois foi remetido à primeira instância da investigação porque, ao ser eleito senador, ele perdeu o foro em casos que envolvem seu mandato anterior na Assembleia Legislativa, isso baseado em uma decisão tomada pelo STF (Supremo Tribunal Federal).

A Folha mostrou em fevereiro que a apuração sobre o caso Queiroz perdeu velocidade durante a campanha eleitoral. O procurador-geral de Justiça afirmou à época que um dos motivos para isso foi a preparação de operações que prenderam prefeitos e vereadores em cidades do Rio de Janeiro.

A investigação atualmente é tocada pela Promotoria de Justiça, com apoio no âmbito criminal do Gaecc (Grupo de Atuação Especializada em Combate à Corrupção). Há também investigação na área cível para analisar eventual improbidade administrativa.

A investigação está sob sigilo, motivo pelo qual não é possível saber o estágio em que se encontra nem que medidas foram tomadas até agora.

Em fevereiro, Queiroz admitiu que recebia parte dos valores dos salários dos colegas de gabinete. Ele diz que usava esse dinheiro para remunerar assessores informais de Flávio, sem o conhecimento do deputado e filho do presidente da República.

Há outros 22 procedimentos criminais e cíveis abertos envolvendo outros políticos e seus assessores, como o presidente da Assembleia, André Ceciliano (PT).

***

Como começou a investigação? A apuração que atingiu Flávio Bolsonaro tem origem em etapa da Lava Jato do Rio que tinha deputados da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro) como alvo. Em 2017, três deles, incluindo o então presidente da Casa, Jorge Picciani, do MDB, foram presos.

Um relatório do Coaf feito no âmbito dessa investigação mencionava movimentações financeiras atípicas dos assessores dos deputados estaduais, incluindo Fabrício Queiroz, que até outubro foi funcionário comissionado de Flávio na Casa.

Em 2018, o Ministério Público do estado recebeu dados dessa operação e, em novo desdobramento, abriu investigações criminais para apurar essas suspeitas.

O que é o Coaf? O Conselho de Controle de Atividades Financeiras é um órgão de inteligência que atua contra a lavagem de dinheiro e, mais recentemente, o financiamento ao terrorismo. No novo governo, migrou do antigo Ministério da Fazenda para o Ministério da Justiça.

O que é movimentação financeira atípica? As instituições financeiras são obrigadas a informar ao órgão todas as operações consideradas suspeitas, como repasses ou saques fracionados.

Há dezenas de critérios para que uma movimentação seja enquadrada nesse perfil, como transações de quantias significativas por meio de conta até então pouco movimentada ou mudança repentina e injustificada na forma de movimentação de recursos.

Movimentação atípica, porém, só se torna crime se a origem do dinheiro for ilícita.

Quais são as suspeitas sobre Fabrício Queiroz? Segundo o Coaf, Fabrício Queiroz, que era policial militar e uma espécie de chefe de gabinete informal do filho de Bolsonaro, movimentou R$ 1,2 milhão de janeiro de 2016 a janeiro de 2017 —entraram em sua conta R$ 605 mil e saíram cerca de R$ 600 mil.

Além do valor, considerado incompatível com o patrimônio de Queiroz, chamaram a atenção dos investigadores o volume de saques (que chegaram a cinco em um mesmo dia) e o fato de ele ter recebido repasses de oito funcionários do gabinete de Flávio. Queiroz se apresentava como motorista do gabinete.

Quais eram as origens e o destino dos valores? Chegaram à conta de Queiroz R$ 216 mil por meio de depósitos em dinheiro e R$ 160 mil em transferências vindas, em boa parte, de funcionários da Assembleia.

Nathalia Queiroz, filha do policial militar e ex-assessora de Flávio na Assembleia e de Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados, depositou R$ 84 mil. O destino dos valores sacados também chamou a atenção do Coaf. Quase metade do valor, R$ 324 mil, foi sacada de uma agência que fica na Assembleia do Rio.

O que Queiroz fala sobre a movimentação? Em entrevista ao SBT, em dezembro, Queiroz atribuiu a movimentação a negócios particulares, como a compra e venda de automóveis.

Em fevereiro, o ex-assessor adicionou outra explicação em petição ao Ministério Público. Afirmou que recolheu parte dos salários de funcionários do chefe para distribuir a outras pessoas para que trabalhassem pelo então deputado estadual, ainda que não formalmente empregadas.

O objetivo, segundo ele, era aumentar o número de assessores a fim de aproximar Flávio de sua base eleitoral. Na petição entregue à Promotoria, ele diz que o senador não tinha conhecimento da prática. Até o momento, contudo, Queiroz não informou quem eram os assessores informais do senador.

Qual o elo da movimentação financeira com o presidente Jair Bolsonaro? Entre as transações de Queiroz, está um cheque de R$ 24 mil para Michelle Bolsonaro, a atual primeira-dama.

Em entrevistas após a divulgação do caso, Jair Bolsonaro disse que a primeira-dama recebeu o cheque porque o ex-assessor estava pagando parte de uma dívida de R$ 40 mil que tinha com ele.

Essa dívida não foi declarada no Imposto de Renda. O presidente afirmou ainda que os recursos foram para a conta de Michelle porque ele não tem "tempo de sair".

Qual foi a movimentação total nas contas de Queiroz? O relatório do Coaf que deu início ao caso abordava apenas um período de 2016 a 2017. Reportagem do jornal O Globo, porém, afirma que, além dos R$ 1,2 milhão inicialmente revelados, passaram por sua conta corrente mais R$ 5,8 milhões nos dois exercícios anteriores, totalizando R$ 7 milhões.

Por que a movimentação financeira de Flávio Bolsonaro também veio a público? Em meio à apuração do caso Queiroz, o Ministério Público do Rio solicitou ao Coaf novo relatório, desta vez sobre as contas de Flávio. A Promotoria pediu as informações em 14 de dezembro e foi atendida no dia 17 —um dia antes de ele ter sido diplomado senador. O mandato de deputado estadual de Flávio terminou em 31 de janeiro, e ele assumiu uma cadeira no Congresso no dia seguinte.

O que foi revelado em relação a Flávio nesse relatório? O Coaf apontou que o filho do presidente recebeu em sua conta bancária 48 depósitos em dinheiro em junho e julho de 2017, sempre no valor de R$ 2.000, totalizando R$ 96 mil.

De acordo com reportagem do Jornal Nacional sobre o caso, os depósitos foram feitos no autoatendimento da agência bancária que fica dentro da Assembleia, e os remetentes não foram identificados.

O que disse o filho do presidente a respeito? Em entrevista à TV Record, ele disse que recebeu dinheiro em espécie pela venda de um imóvel e que depositou R$ 2.000 por ser o limite no caixa eletrônico. O comprador do imóvel, o ex-atleta Fábio Guerra, confirmou que pagou em dinheiro vivo porque havia recebido em espécie valores da venda de um outro imóvel. A escritura da transação, porém, aponta uma divergência de datas e registra que o sinal foi pago meses antes.

O que é o pagamento feito por Flávio de um título bancário de R$ 1 milhão? Segundo a TV Globo, o Coaf, em seu relatório sobre as movimentações de Flávio Bolsonaro, identificou um pagamento de R$ 1.016.839 de um título bancário da Caixa Econômica, mas sem especificar a data e o favorecido.

Em entrevista para a Record, o senador eleito afirmou que esse título se referia ao financiamento de um imóvel, o que é confirmado por documentos registrados em cartório à época.

Qual é o estágio atual dessa investigação? O Ministério Público do Rio de Janeiro divulgou em fevereiro deste ano todos os procedimentos adotados até aquela data, sem revelar o conteúdo das diligências. Desde então, o procedimento é tocado em sigilo absoluto, motivo pelo qual não há informações sobre novas medidas tomadas.

Por que Flávio tentou paralisar a investigação? A investigação na parte criminal chegou a ser paralisada por ordem do ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, após pedido da defesa de Flávio Bolsonaro.

Ele afirmava que o Supremo tinha de analisar a quem caberia assumir o caso, já que Flávio foi eleito e diplomado senador, tendo direito a foro especial. Diz ainda que o Ministério Público do Rio quebrou seu sigilo bancário de forma ilegal, ao solicitar ao Coaf seus dados bancários sem autorização judicial e pede a anulação de provas obtidas.

Ao fim do recesso do Judiciário, em 1º de fevereiro, o ministro Marco Aurélio Mello indeferiu o pedido —o que, na prática, manteve o caso no Rio de Janeiro. Flávio fez nova tentativa de paralisar a apuração no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, mas não houve sucesso.

As informações relatadas pelo Coaf equivalem a quebra de sigilo bancário? Conforme as decisões da Justiça até agora, não. Em julgamento sobre questão semelhante em 2017, o Superior Tribunal de Justiça, a segunda mais importante corte do país, decidiu que a mera solicitação de manifestação do Coaf não constitui "necessariamente, risco de obtenção de informações protegidas por sigilo fiscal e, portanto, independente de prévia autorização judicial”.

Que irregularidades são apontadas pelo Ministério Público? A apuração criminal corre sob sigilo e os promotores não dão detalhes sobre o assunto. O pagamento de outros funcionários a Queiroz sugere a prática de pedágio no gabinete, também apelidada de "rachadinha", que ocorre quando alguém determina a retenção de uma parte dos salários de servidores nomeados.

Em tese, essa situação pode configurar o crime de peculato (desvio de dinheiro público). Antes de o STF interromper a investigação criminal, o chefe do Ministério Público do Rio, Eduardo Gussem, disse que poderia ser oferecida uma denúncia no caso Queiroz mesmo sem a realização de oitivas com os alvos. O ex-assessor não apareceu em dois depoimentos marcados, alegando problemas de saúde.

Qual a relação do caso com milícias do Rio? Operação deflagrada no Rio em fevereiro tinha como um dos alvos de mandado de prisão o ex-capitão da PM Adriano Nóbrega, suspeito de chefiar milícias na cidade. A mãe e a mulher dele foram funcionárias do gabinete de Flávio até o ano passado. O senador eleito atribuiu as indicações aos cargos a Queiroz.

QUESTÕES AINDA SEM RESPOSTA
==> Por que motivo Jair Bolsonaro emprestou dinheiro a alguém que costumava movimentar centenas de milhares de reais?
==> De que forma foi feito esse empréstimo pelo presidente e onde está o comprovante da transação?
==> Onde estão os comprovantes da venda e compra de carros alegadas por Queiroz?
==> Por que Queiroz ainda não entregou às autoridades a lista das pessoas que recebiam como assessores informais de Flávio?
==> Se Flávio possui apenas uma empresa, que foi aberta em seu nome em 2015, como ele obteve R$ 4,2 milhões para comprar dois imóveis de 2012 a 2014?
==> Por que Flávio fracionou o dinheiro da venda do imóvel, se poderia ter depositado de uma só vez?
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NETOULTRA em Ter Abr 30, 2019 4:41 pm

^Qual a novidade mesmo? scratch  notme

"Hoje (18) faz 17 anos do assassinato de Celso Daniel, ex-vereador e prefeito do Partido dos Trabalhadores – PT em Santo André, licenciado para coordenar a campanha presidencial do presidiário Lula.

O assassinato de Celso Daniel ainda não foi esclarecido, permanecendo diversas suspeitas de envolvimento de políticos e aliados que pertenceram à administração petista da prefeitura andreense, atualmente acusados e condenados por diversos crimes de corrupção e formação de organização criminosa. No ano anterior (2001) também foi assassinado o prefeito “Toninho do PT” (Antônio da Costa Santos) com suspeitas de crime político, após ameaças de morte por renegociar os contratos de fornecimento de merenda escolar e promessas de combate ao crime organizado.

Na noite de 18 de janeiro de 2002, após reunião no restaurante “Rubaiaty” entre Celso Daniel e Sergio Gomes da Silva (conhecido como “sombra”), o carro onde se encontrava o prefeito fora cercado por criminosos que estavam em três carros no bairro do Sacomã, sendo alvejado nos pneus e vidros e, embora o carro fosse blindado, os criminosos lograram extrai-lo do veículo. Sergio Gomes da Silva, que conduzia o carro, alegou que as travas e o câmbio do veículo “Mitsubishi Pajero” não funcionaram, mas os bandidos sequestraram apenas o prefeito, saindo ileso. A perícia do veículo concluiu que não houve falha mecânica.


Após dias de buscas, na manhã de domingo (20/01/2002) o corpo de Celso Daniel foi encontrado na Estrada da Cachoeira próxima da Rodovia Regis Bittencourt (BR-116 – 328 KM) com sinais de tortura e alvejado com 11 tiros.

A investigação da Polícia Civil – DHPP atribuiu a autoria do crime a uma quadrilha da Favela Pantanal em Diadema, que teria cometido o crime sem motivações políticas, com interesses apenas de obtenção de vantagem econômica.

Em uma estranha obra do acaso, empilharam-se cadáveres ligados ao caso. Sete pessoas, entre testemunhas e acusados. foram assassinados levantando suspeitas sobre o interesse em frustrar a apuração do crime. Foram assinados: Antônio Palácio de Oliveira (garçom que atendeu a mesa da reunião de Celso Daniel) em 02/2003 com documentos falsos. Sua família disse que teria recebido o valor de R$ 60 mil em sua conta bancária, desconhecendo a origem; Paulo Henrique Britto (testemunha do assassinato do garçom) morto a tiros 20 dias depois da morte do garçom; Iran Morais Redua (reconheceu o corpo do Prefeito e acionou a Polícia local) assassinado com 2 tiros em 12/2003; Carlos Delmonte Printes (legista responsável pela autópsia que atestou elementos que comprovaram que o prefeito foi torturado) morto em 10/2005; Otávio Mercier (investigador da Polícia Civil que consta no registro de ligações para o sequestrador Dionísio no dia anterior ao sequestro) assassinado em sua residência; Dionísio Aquino Severo (sequestrador e testemunha do caso), assassinado por criminosos rivais em 03/2002, apontado como a ligação com o empresário “Sérgio Sombra”. Dionísio foi extraído do presídio em Guarulhos no dia anterior ao sequestro; e Sérgio ´Orelha` (abrigou Dionísio em sua residência, onde foi encontrado), morto no presídio a facadas, após ser abandonado sem defesa de advogados constituídos (Oito cadáveres)."

NETOULTRA
Membro

Mensagens : 4370
Localização : Belém - Made in Ceará

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NeyBass em Ter Abr 30, 2019 4:52 pm

JAZZigo escreveu:...
QUESTÕES AINDA SEM RESPOSTA
==> Por que motivo Jair Bolsonaro emprestou dinheiro a alguém que costumava movimentar centenas de milhares de reais?
==> De que forma foi feito esse empréstimo pelo presidente e onde está o comprovante da transação?
==> Onde estão os comprovantes da venda e compra de carros alegadas por Queiroz?
==> Por que Queiroz ainda não entregou às autoridades a lista das pessoas que recebiam como assessores informais de Flávio?
==> Se Flávio possui apenas uma empresa, que foi aberta em seu nome em 2015, como ele obteve R$ 4,2 milhões para comprar dois imóveis de 2012 a 2014?
==> Por que Flávio fracionou o dinheiro da venda do imóvel, se poderia ter depositado de uma só vez?
[/color]


QUESTÕES AINDA SEM RESPOSTA
==> Por que motivo Adélio Bispo esfaqueou Jair Bolsonaro?
==> De que forma foi feito o pagamento ao assassino e onde está o comprovante da transação?
==> Onde estão os comprovantes dos pagamentos aos diversos advogados que defendem o desempregado assassino?
==> Por que Adélio Bispo ainda não entregou às autoridades a lista das pessoas que estão por trás da tentativa de assassinato?
==> Se Adélio era auxiliar de pedreiro e estava desempregado, como ele obteve R$ para pagar advogados, aluguel, celulares?

São tantas questões... Sleep
NeyBass
NeyBass
Membro

Mensagens : 3834
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 30, 2019 5:01 pm

NETOULTRA escreveu:^Qual a novidade mesmo? scratch  notme
Pois é! O problema é justamente este. Foi apenas para refrescar a memória recente dos bolsominions.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty O liberal...

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 30, 2019 7:19 pm

Bolsonaro volta a reclamar de juros altos, mas diz que 'apenas dá sugestões'
'A taxa de juros, levando-se em conta a taxa Selic, está um pouquinho longe, defasada', disse o presidente em evento com chefe da Caixa; na segunda-feira, Bolsonaro havia comentado sobre os juros do Banco do Brasil


Felipe Frazão e Lorenna Rodrigues, O Estado de S.Paulo
30 de abril de 2019 | 17h45
Atualizado 30 de abril de 2019 | 18h25
https://economia.estadao.com.br/noticias/geral,bolsonaro-volta-a-dizer-que-juros-em-bancos-publicos-estao-altos,70002810709?utm_source=estadao:mail&utm_medium=link

Felipe Frazão e Lorenna Rodrigues, O Estado de S.Paulo
30 de abril de 2019 | 17h45
Atualizado 30 de abril de 2019 | 18h25

BRASÍLIA - O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira, 30, considerar que não interfere nos bancos públicos, apenas dá sugestões que podem ou não ser cumpridas. "Eu não tenho o poder de interferir em muita coisa e nem quero. Apenas dou sugestões. E sugestões são como conselho, cada um cumpre se achar que deve cumprir", disse o presidente.

"Ontem (segunda-feira, 29), lá na Agrishow, eu apelei para o presidente do Banco do Brasil, para seu espírito patriótico, conservador, cristão, que atenda os ruralistas no tocante à taxa de juros. Faltou complementar, e sem a complementação fui massacrado por grande parte da mídia. Não posso esquecer nada, tenho que ser mais do que perfeito, tenho que ser sublime, senão tudo dá errado", declarou, durante evento de assinatura da Medida Provisória da Liberdade Econômica, no Palácio do Planalto.

Bolsonaro voltou a afirmar que as taxas de juros praticadas por bancos públicos são muito altas. Dirigindo-se desta vez ao presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, o chefe do Executivo afirmou que ele deveria concordar que aplicar no mercado seria menos arriscado.

"A taxa de juros, levando-se em conta a taxa Selic, está um pouquinho longe, está um pouquinho defasada", afirmou Bolsonaro. "Acho que o Pedro Guimarães concorda. Se o juros está um pouquinho alto, você não vai pegar na Caixa, nem em banco nenhum, vai aplicar no mercado, comprar um papel, até porque a chance de dar errado e perder dinheiro é infinitamente menor do que do aplicar no campo. Afinal de contas, o campo tem variáveis muito mais imperfeitas ou menos sujeitas a variações do que o banco. Tem a temperatura, tem São Pedro", acrescentou.

Na segunda-feira, 29, Jair Bolsonaro pediu a redução dos juros do Banco do Brasil para o fomento ao crédito rural. As ações do BB na Bolsa caíram quase 1,5% logo após o comentário do presidente. Os papéis, porém, fecharam o dia estáveis.

Nesta terça-feira, o presidente também fez uma piada com o ministro da Economia, Paulo Guedes, a quem apelidou de Posto Ipiranga. "Quisera nós termos um posto Ipiranga à tua disposição, até porque o preço da gasolina é você que ia colocar nele", disse Bolsonaro, que chegou a barrar um reajuste no combustível promovido pela Petrobrás.

Desemprego

Citando tema que deve abordar no pronunciamento em cadeia nacional de TV por ocasião do Dia do Trabalho, na quarta-feira, Bolsonaro questionou novamente dados de desemprego do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e falou sobre a preparação para garantia de empregos na quarta revolução industrial.

"Se fala em 12 milhões de desempregados. Sim, eu acho que é muito mais do que isso. Desculpa o IBGE, mas é muito mais do que isso. E não vou polemizar novamente", afirmou o presidente. "Estamos na quarta revolução industrial, com inteligência artificial. Como está a formação do homem e da mulher do futuro? O que escolas técnicas e faculdades têm feito para que realmente nós possamos ter mercado de trabalho para essa quantidade enorme de pessoas que temos no Brasil?".

Bolsonaro elogiou a Medida Provisória da Liberdade Econômica e disse ter dado liberdade para a Casa Civil e a equipe econômica trabalharem. Segundo ele, a MP vai ajudar empreendedores no Brasil. O presidente disse acreditar que tem mais do que a maioria na Câmara e no Senado de apoio de parlamentares "com espírito patriótico para salvar o Brasil".


Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Patente-da-amazon-mostra-forma-de-pagamento-com-selfie-e-piscadela-59911
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Ter Abr 30, 2019 7:26 pm

Então...

Esse idiota derrubou as ações do BB. Talvez porque o animal desconheça o fato de que a iniciativa privada também está dentro do banco. Lamentável!

Lula e Dilma eram muito mais espertos. Também intervinham, mas não através da imprensa. Sem alarde, sem esse tipo de autopromoção (o Bozo acha, deixa ele! É doentinho!!!) que se transforma em tiro no pé.

Quanto ao Celso Daniel e ao Adélio, Adelmo ou sei lá o que, eu só tenho uma pergunta:

Quem mandou matar Marielle???

Porque o caso do Bozo é muito simples: não há nenhuma ligação com a esquerda, como os Minions goiabeira queriam passar. Simples assim!

Isso é: se é que houve facada mesmo!

Até do Sarney eu tô com saudade! PQP!!!!
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por GRRS em Ter Abr 30, 2019 8:59 pm

Lembrando q o caso do Adélio já foi apurado pela PF e a conclusão foi q ele agiu sozinho...

Qualquer dúvida em relação a isso implica em atestar a incompetência do órgão, e consequentemente do paladino da justiça Sérgio Moro, q dirige o ministério q conduz a investigação

GRRS
Membro

Mensagens : 119
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Jãozeiro em Ter Abr 30, 2019 9:26 pm

Rico escreveu:Esse idiota derrubou as ações do BB. Talvez porque o animal desconheça o fato de que a iniciativa privada também está dentro do banco. Lamentável!

No final de março um dos filhos desse idiota derrubou o Ibovespa inteiro...e de quebra quase arruinou toda a já ameaçada proposta da Reforma ao falar merd@ ao Maia pelo twitter, que quase abandonou a articulação política em prol da Reforma. Foi algo extremamente tenso isso um mês atrás.

Imagina um bost* de um vereador filho do idiota do presidente derrubar a Bolsa por ficar polemizando no Twitter? Chega a ser inconcebível de tão absurdo...

A infantilidade, nocividade e irresponsabilidade dessa família de blogueiros que está no governo é assustadora.
Jãozeiro
Jãozeiro
Membro

Mensagens : 159
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Ter Abr 30, 2019 9:38 pm

GRRS escreveu:Lembrando q o caso do Adélio já foi apurado pela PF e a conclusão foi q ele agiu sozinho...

Qualquer dúvida em relação a isso implica em atestar a incompetência do órgão, e consequentemente do paladino da justiça Sérgio Moro, q dirige o ministério q conduz a investigação
Bolsomínion gosta de procurar cabelo em cabeça de ovo...
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 13446
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Coder em Ter Abr 30, 2019 9:53 pm

https://g1.globo.com/mg/zona-da-mata/noticia/2019/04/24/pf-pede-nova-prorrogacao-de-prazo-para-inquerito-que-apura-atentado-contra-bolsonaro.ghtml

Quem procura, acha...
Coder
Coder
Membro

Mensagens : 3704
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Ter Abr 30, 2019 10:30 pm

GRRS escreveu:Qualquer dúvida em relação a isso implica em atestar a incompetência do órgão, e consequentemente do paladino da justiça Sérgio Moro, q dirige o ministério q conduz a investigação

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Images?q=tbn:ANd9GcQqg2IbNZTSBg2BoORGZ7Tymd9eT8E0RAqAcqZGW_mgyywxddLDBA
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 44999
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Ter Abr 30, 2019 11:00 pm

Coder escreveu:https://g1.globo.com/mg/zona-da-mata/noticia/2019/04/24/pf-pede-nova-prorrogacao-de-prazo-para-inquerito-que-apura-atentado-contra-bolsonaro.ghtml

Quem procura, acha...

Procuram mal...

Já é a terceira vez.

Enquanto isso, solicitaram a soltura dos milicos de bosta que metralharam o músico;

Um dos inquéritos do Aécio prescreveu;

DO Queiroz, do cheque da Micheque e da assessora que recebia sem trabalhar ninguém mais teve notícias.

Sorte do saco de bosta, que ficou livre do bosta...
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Ter Abr 30, 2019 11:02 pm

Coder escreveu:https://g1.globo.com/mg/zona-da-mata/noticia/2019/04/24/pf-pede-nova-prorrogacao-de-prazo-para-inquerito-que-apura-atentado-contra-bolsonaro.ghtml

Quem procura, acha...
Isso foi à mando do próprio, que não se conformou com o resultado do inquérito. O que, aliás, é uma interferência indevida de uma autoridade eleita em um organismo federal formado por profissionais de carreira; ou seja, uma atitude anti-republicana, de "confusão" proposital entre o público e o privado por parte desse elemento que, por hora, ocupa a Presidência da República, como se conclusões de inquéritos não dependessem de suas conclusões técnicas, mas sim de suas vontades pessoais. Voltamos ao medievo... ao tristemente célebre Inquérito Inquisitorial, para o qual bastava a suposição, a denúncia vazia, secreta e sem provas para se condenar à prisão, confisco, tortura e morte.
No caso Celso Daniel a mesma coisa: O inquérito concluiu por crime comum, mas os "conspiracionistas plantão" não aceitam as provas, exceto as que se encaixam em suas conclusões apriorísticas... A História está cheia de exemplos disso.
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 13446
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty O liberal...

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 30, 2019 11:08 pm

Bolsonaro pediu que BB abrisse agência em cidade do MA onde foi mais votado
Presidente diz que fez apenas uma sugestão ao pedir redução de juros do BB


Folha de S. Paulo, 30.abr.2019 às 19h34
https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2019/04/em-desabafo-bolsonaro-diz-que-tem-de-ser-mais-do-que-perfeito.shtml

BRASÍLIA - O presidente Jair Bolsonaro admitiu nesta terça-feira (30) que pediu ao Banco do Brasil que abrisse uma agência na única cidade do Maranhão que o elegeu.

O banco, controlado pela União, tem ações negociadas na Bolsa de Valores e, por isso, tem sócios privados.

Em evento nesta terça-feira, Bolsonaro admitiu ter feito o pedido de instalação de uma agência no pequeno município de São Pedro dos Crentes (MA) diretamente ao presidente do banco, Rubem Novaes.

Segundo o IBGE, a cidade tem pouco mais de 4.500 habitantes.

A falta de uma agência bancária e de calçamento da via principal da cidade foi alvo de reportagem da Folha.

Bolsonaro disse que telefonou a Novaes e solicitou a agência.

"Liguei para o presidente do Banco do Brasil e perguntei se ele tinha no plano social dele a implantação de microagências nesses locais. Ele disse que não existe. Então eu solicitei 'existe a possibilidade de colocar uma agencia lá?' E ele já botou", afirmou o presidente. "Ficamos felizes com isso, atende o município que tem menos de 2 mil eleitores. Mas o que buscamos não é quantidade é qualidade."

As tecnologias têm alterado a atividade bancária e vem provocando uma redução no número de agências pelos bancos. No ano passado, a Caixa anunciou a intenção de fechar agências consideradas insustentáveis.

A revelação de Bolsonaro ocorreu um dia depois de o presidente apelar publicamente ao Banco do Brasil para baixar a taxa de juros.

O presidente aproveitou o evento, para o lançamento de uma medida provisória batizada pelo governo de MP da Liberdade Econômica, para desabafar contra os críticos. Ele disse que não tem poder para interferir na taxa de juros praticada pelo BB.

Segundo Bolsonaro, ao propor a redução dos juros para o setor agropecuário, fez apenas um apelo.

"Faltou complementar. Sem a complementação, fui massacrado por grande parte da mídia. Não posso esquecer nada, tenho de ser mais do que perfeito, tenho de ser sublime, senão tudo dá errado", disse.

O presidente ressaltou que apenas dá sugestões aos auxiliares do governo e que "cada um cumpre se achar que deve cumprir".

"Ontem, na Agrishow, eu apelei para o presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, para o seu espírito patriótico, conservador e cristão, que atenda os ruralistas no tocante das taxas de juros", disse.

Na semana passada, Bolsonaro também pediu ao presidente da instituição financeira para tirar do ar uma propaganda que abordava a diversidade racial e sexual no Brasil.

O Ministério Público pediu ao TCU (Tribunal de Contas da União) que apure se houve prejuízos ao Banco do Brasil a decisão de vetar o anúncio televisivo.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Ter Abr 30, 2019 11:12 pm

Mauricio Luiz Bertola escreveu:
Coder escreveu:https://g1.globo.com/mg/zona-da-mata/noticia/2019/04/24/pf-pede-nova-prorrogacao-de-prazo-para-inquerito-que-apura-atentado-contra-bolsonaro.ghtml

Quem procura, acha...
Isso foi à mando do próprio, que não se conformou com o resultado do inquérito. O que, aliás, é uma interferência indevida de uma autoridade eleita em um organismo federal formado por profissionais de carreira; ou seja, uma atitude anti-republicana, de "confusão" proposital entre o público e o privado por parte desse elemento que, por hora, ocupa a Presidência da República, como se conclusões de inquéritos não dependessem de suas conclusões técnicas, mas sim de suas vontades pessoais. Voltamos ao medievo... ao tristemente célebre Inquérito Inquisitorial, para o qual bastava a suposição, a denúncia vazia, secreta e sem provas para se condenar à prisão, confisco, tortura e morte.
No caso Celso Daniel a mesma coisa: O inquérito concluiu por crime comum, mas os "conspiracionistas plantão" não aceitam as provas, exceto as que se encaixam em suas conclusões apriorísticas... A História está cheia de exemplos disso.

Na cara não! Vai estragar o velório...
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3300
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Parabéns, ignóbeis!

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 30, 2019 11:17 pm

claps

MEC estende corte de 30% de verbas a todas universidades federais
Ministro havia anunciado bloqueio a três unidades por motivos ideológicos, o que fere a Constituição


Paulo Saldaña
Folha de S. Paulo, 30.abr.2019 às 22h39


BRASÍLIA - Após uma onda de críticas ao anúncio de que o MEC cortaria verbas de três universidades federais com base em princípios ideológicos, o governo Jair Bolsonaro (PSL) resolveu estender o bloqueio de 30% dos recursos a todas as universidades federais.

Sem reconhecer que o uso de critérios ideológicos fere a Constituição, como dizem especialistas ouvidos pela Folha, o MEC passou a afirmar, na noite desta terça-feira (30), que os bloqueios ocorrerão de forma isonômica.

Mais cedo, o MEC havia confirmado, por meio de nota, que um bloqueio de 30% seria praticado para a UnB, Ufba e UFF.  O ministro da Educação, Abraham Weintraub, havia indicado, em entrevista ao jornal O Estado de S.Paulo, que se tratava de uma retaliação a atividades políticas ocorridas dentro dessas unidades, o que ele havia chamado de "balbúrdia", e ao que considerou como fraco rendimento acadêmico.

"A universidade deve estar com sobra de dinheiro para fazer bagunça e evento ridículo”, disse ele, dando como exemplo de bagunça a presença de sem-terra e gente pelada dentro do campus.  "A lição de casa precisa estar feita: publicação científica, avaliações em dia, estar bem no ranking", completou.

Apesar de alegar que essas federais teriam fracos resultados acadêmicos, essa afirmação não é confirmada pelos indicadores.

As três federais ficaram entre as 20 melhores universidades do país na última edição do RUF (Ranking Universitário Folha). Segundo a plataforma de produção acadêmica Web of Science, as três estão entre as 11 instituições brasileiras que mais ampliaram o número de artigos de 2008 a 2017.

Por um lado, a nova postura é uma forma de eliminar o caráter de retaliação por critérios ideológicos, uma vez que indica isonomia de tratamento. Mas, por outro, amplia a previsão de bloqueio para todas as federais, levando preocupações sobre o funcionamento mínimo dos campi.

Os cortes atingem gastos de custeio, como fornecimento de energia, água e segurança.

Todas as universidades federais já enfrentam contingenciamentos de 20% dos recursos previstos para este semestre. Cortes no orçamento do MEC fazem parte de um grande contingenciamento anunciado pelo governo, de R$ 30 bilhões. Do total, R$ 5,8 bilhões são da Educação.

Reinaldo Centoducatte, presidente da Andifes (associação que reúne os reitores das federais), diz que o novo percentual representará o caos para as instituições. "Aquilo que era um equívoco para três universidades, tornou-se um equívoco maior, agora envolvendo todas as universidades, Será um caos se 30% do orçamento for retirado", disse.

INDISPOSIÇÃO
O episódio rendeu inúmeras críticas e indisposição com o Congresso. O deputado Bacelar (Pode-BA) preparou convocação do ministro para se explicar na Câmara. O líder da oposição, Alessandro Molon (PSB-RJ), prometeu acionar o STF (Supremo Tribunal Federal), que no ano passado garantiu livre manifestação de ideias em universidades.

Nas redes sociais, o senador Otto Alencar (PSD-BA) ameaçou o governo de barrar votações. "Se a decisão do ministro da Educação de cortar pelo menos 30% dos recursos da UnB, UFF e da Ufba for pessoal e meramente ideológica, o PSD no Senado vai obstruir todas as votações de interesse do governo", escreveu.

A iniciativa foi considerada inconstitucional por especialistas, por ferir princípios da autonomia universitária e da impessoalidade.

"O ministro está decidindo por conta própria qual padrão as universidades devem seguir, do ponto de vista administrativo", disse a professora de direito da USP Rina Nanieri, especialista em educação. "Para isso é que existe autonomia universitária, para que as instituições não fiquem à merce do governante de plantão".

Na Unb, o bloqueio representou R$ 38,2 milhões, na Ufba, R$ 37,3 milhões e na UFF, R$ 44 milhões, segundo informações das instituições.

Após a repercussão negativa, o MEC afirmou que o critério do contingenciamento será técnico e isonômico. "O bloqueio preventivo incide sobre os recursos do segundo semestre para que nenhuma obra ou ação seja conduzida sem que haja previsão real de disponibilidade financeira para que sejam concluídas", diz a nota.  A pasta afirma que o corte pode ser revisto caso a reforma da Previdência seja aprovada e a economia melhore.

O reitor da Ufba, João Carlos Salles, disse que não havia recebido justificativa sobre a decisão do MEC. "A Ufba é espaço de produção de conhecimento, com eventos, discute temas importantes com diálogo com setores da sociedade, inclusive movimentos sociais", diz. "Não posso aceitar que isso possa ser designado como balbúrdia. Nosso desempenho acadêmico pode ser comprovados nos indicadores".

Em nota, UnB e UFF defenderam seus resultados acadêmicos e informaram que vão trabalhar para reverter o bloqueio.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Vai encarar?!!!

Mensagem por JAZZigo em Qua Maio 01, 2019 3:12 am

Post duplicado.


Última edição por JAZZigo em Qua Maio 01, 2019 3:18 am, editado 1 vez(es)
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Vai encarar?!!!

Mensagem por JAZZigo em Qua Maio 01, 2019 3:14 am

Com o rabo (de asno) entre as pernas e o cu na mão, ele ladra, mas não morde.  hide

Bolsonaro diz que é 'próxima de zero' possibilidade de Brasil participar de ação armada na Venezuela
Presidente declara que cabe a ele decidir sobre intervenção, mas Rodrigo Maia afirma que definição precisa de aval do Congresso


Folha de S. Paulo, 30.abr.2019 às 19h40
Atualizado: 30.abr.2019 às 20h28
https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/04/bolsonaro-diz-que-e-proxima-de-zero-possibilidade-de-brasil-participar-de-acao-armada-na-venezuela.shtml

BRASÍLIA - O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira (30) que é "próxima de zero" a possibilidade de o Brasil participar, ainda que de forma indireta, de uma intervenção militar na Venezuela.

"A hipótese de nós participarmos de forma mesmo indireta de uma intervenção armada é muito difícil, não vou dizer que é zero, mas é próxima de zero", afirmou em entrevista ao programa Brasil Urgente, da TV Bandeirantes.

Bolsonaro lembrou que uma ação militar não é descartada pelo presidente americano, Donald Trump, e que se os EUA solicitassem uso de território brasileiro ele analisaria o caso.

"Eu entendo que isso não é uma figura de retórica por parte dele [Trump], é uma possibilidade, sim. Em ele, por ventura, querendo usar o território brasileiro, eu digo o seguinte: eu convocaria o Conselho Nacional de Defesa, ouviria todas as autoridades do Conselho Nacional de Defesa e tomaria uma decisão", afirmou.

Nas redes sociais, o presidente disse que uma decisão sobre ação militar do Brasil no país vizinho é de exclusividade do chefe do Executivo.

"A situação da Venezuela preocupa a todos. Qualquer hipótese será decidida exclusivamente pelo presidente da República, ouvindo o Conselho de Defesa Nacional. O governo segue unido, juntamente com outras nações, na busca da melhor solução que restabeleça a democracia naquele país", escreveu.

Logo depois, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), retrucou Bolsonaro e afirmou que uma declaração de guerra contra a Venezuela precisaria de aprovação do Congresso.

"Em relação ao tuite do presidente Jair Bolsonaro sobre a situação da Venezuela, é importante lembrar que os artigos 49, II c/c art 84, XIX; c/c art. 137, II da Constituição Federal precisam ser respeitados", escreveu o deputado nas redes sociais.

"E eles determinam que é competência exclusiva do Congresso Nacional autorizar uma declaração de guerra pelo Presidente da República."

A resposta pública de Maia mostra que a relação entre os presidentes dos Poderes continua tensa, apesar dos gestos de aproximação da semana passada, em que Bolsonaro agradeceu a Maia em pronunciamento.

Ainda durante a entrevista, Bolsonaro falou que não é tradição do Brasil o envolvimento em conflitos de outros países e que, na sua visão, isso seria uma aventura nesse momento.

"Nós não queremos falar em invasão da Venezuela, teria que analisar muita coisa. Até que tipo de guerra seria isso dai. Isso seria uma aventura no meu entender. Agora, em última análise, em última hipótese existe essa questão, mas não nós invadirmos, não é a nossa vocação", afirmou.

Questionado sobre se o governo brasileiro está em contato com os EUA, Bolsonaro não deu detalhes, mas informou que isso passa pela área de inteligência de seu governo e que ele é informado de todos os dados.

"Nós trabalhamos de forma bastante unida buscando a solução para o problema de forma pacifica. Esse é o nosso objetivo número um, mas como todo bom militar você tem que analisar todas as hipóteses, mas não passa pela nossa cabeça  ainda qualquer ação militar na Venezuela.

Ele repetiu mais de uma vez que Trump —a quem se referiu ser uma pessoa que "admira, respeita e por quem torce muito"— conta com todas as possibilidades à mesa sobre a Venezuela.

Depois da entrevista de Bolsonaro, o porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, disse que o governo descarta completamente participar de uma intervenção militar, mas não desconsiderou completamente uma ação indireta —o uso de território brasileiro para que forças estrangeiras, como a dos EUA, operem na Venezuela.

Apesar disso, Rêgo Barros disse que trata-se de "uma possibilidade muito pequena" e que o governo não vislumbra essa hipótese neste momento.


Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 15566637735cc8cddd7ceb1_1556663773_3x2_rt
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12158
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NeyBass em Qua Maio 01, 2019 9:58 am

Rico escreveu:Então...

Quem mandou matar Marielle???!

Não sabia que ela havia morrido, ninguém fala nada. Outro dua vi um cartaz: Mariele vive. Smile

Adélio agiu sozinho ....kkk.
Esquerdista se vitimiza em tudo e tenta tornar sem importancia algo que acontece com os outros.
NeyBass
NeyBass
Membro

Mensagens : 3834
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NeyBass em Qua Maio 01, 2019 10:21 am

Rico escreveu:Esse eu prometi que não ia postar, mas aí eu fraquejei de novo ... m$%&!!!

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 49899910

Acho que esse é o motivo de tanto ódio.
NeyBass
NeyBass
Membro

Mensagens : 3834
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NETOULTRA em Qua Maio 01, 2019 10:28 am

NeyBass escreveu:
Rico escreveu:Então...

Quem mandou matar Marielle???!

Não sabia que ela havia morrido, ninguém fala nada. Outro dua vi um cartaz: Mariele vive. Smile

Adélio agiu sozinho ....kkk.
Esquerdista se vitimiza em tudo e tenta tornar sem importancia algo que acontece com os outros.

Marielle? Faltou....

NETOULTRA
Membro

Mensagens : 4370
Localização : Belém - Made in Ceará

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 12 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 12 de 15 Anterior  1 ... 7 ... 11, 12, 13, 14, 15  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum