Glossário de Termos Técnicos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Glossário de Termos Técnicos

Mensagem por Claudio em Ter Nov 25, 2008 4:22 pm

Abaixo você irá encontrar mais 120 termos técnicos utilizados pela maioria dos programas de gravação, mixagem e masterização, e também por técnicos especializados.

Em virtude do texto ser muito grande, precisei dividi-lo em 3 partes:


Última edição por ClaudioBass em Ter Nov 25, 2008 4:26 pm, editado 1 vez(es)

Claudio
Administrador

Mensagens : 14866
Localização : Rio de Janeiro - RJ

http://www.claudiocuoco.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Parte I: A - H

Mensagem por Claudio em Ter Nov 25, 2008 4:23 pm

- Additive Synthesis: O processo de construção de um som complexo uma série freqüências fundamentais (tons puros ondas senoidais). Cada umas das freqüências normalmente tem seu próprio envelope de amplitude o qual permite controle independente de cada parcial (harmônico). Órgão de tubo ou órgão Hammond são ambos instrumentos os quais são baseados em síntese aditiva.

- ADSR: Abreviação de Attack, Decay, Sustain, and Release. Estes são os quatro parâmetros encontrados em um gerador de envelope básico de um sintetizador. Um gerador de envelope às vezes é chamado de gerador transitório. Os parâmetros ataque, decaia, sustente e de solte (ADSR) são taxas ou controles de tempo. O Sustain é um nível. Quando uma tecla é pressionada, o gerador de envelope irá começar a subir para seu nível total à taxa ajustada pelo parâmetro ataque passando sobre o nível de pico ele irá começar a cair à taxa ajustada pelo parâmetro decay para o nível ajustado pelo controle de sustain. O envelope irá permanecer no nível de sustain tanto tempo quanto a tecla estiver pressionada. Sempre que uma tecla é solta, o gerador de envelope irá retornar à zero à taxa ajustada pelo parâmetro release.

- Aftertouch: Propriedade MIDI que controla quantidade de pressão que é aplicada na tecla. Veja Pressure Sensitivity.

- Aliasing: Aliasing é um termo usado para descrever freqüências indesejáveis as quais a são produzidas quando um som é sampleado em uma taxa a qual é menor que o dobro da freqüência da mais alta freqüência componente no som. Estas freqüências indesejáveis são tipicamente altas freqüências de zumbidos e assobios.

- Amplitude: Amplitude é um termo usado para descrever a quantidade de sinal. Ele pode relacionar-se com volume em um sinal de áudio ou a quantidade de voltagem em um sinal elétrico.

- Amplitude Modulation: Uma alteração no nível de sinal. Por exemplo, se um Amplificador de Voltagem Controlada (VCA) estava sendo modulado por um Oscilador de Baixa Freqüência (LFO), o resultado seria um periódico acréscimo e decréscimo no nível de áudio do sinal. Em termos musicais isto seria classificado como um Trêmolo. A abreviatura de Amplitude Modulation é AM.

- Analog: Dados (sinal) apresentado em uma forma contínua, não digital.

- Analog Synthesizer: Um sintetizador que usa módulos análogos de voltagem controlada para sintetizar som. O conceito de uma variedade de módulos análogos todas as quais podem se interconectar via um sistema de voltagem padrão foi inventado pelo Dr. Robert Moog. Os três principais módulos controladores de voltagem em um sintetizador análogo são: Oscilador de Voltagem Controlada (VCO), Filtro de Voltagem Controlada (VCF), e Amplificador de Voltagem Controlada (VCA).

- Aperiodic Waveform: Uma forma de onda que não tem um padrão repetido.

- Arm: Habilita uma trilha para a gravação.

- Arpeggiator: Um dispositivo ou programa de computador que move em seqüências um padrão de notas sobre uma extensão do teclado. A velocidade do arpeggio é variável e o padrão pode normalmente variar dependendo da ordem ou relação de notas pressionadas.

- Attack: O primeiro parâmetro de um gerador de envelope o qual determina a taxa ou tempo que ele irá dar para o evento para alcançar o nível mais alto antes de começar o descaimento.

- Attenuator: Atenuar significa reduzir em força, valor ou quantidade. Um Attenuator é um dispositivo que reduz o valor de alguma coisa, normalmente a amplitude de um sinal.

- Audible Range: A extensão de freqüências que o ouvido humano pode escutar. Um jovem humano saudável pode normalmente ouvir de 20 ciclos por segundo até 20.000 ciclos por segundo (20-20.000 Hz), menos depois de prolongada exposição à música Heavy metal ou Ópera.

- Audio Digital: Música ou som gravado digitalmente, como em um CD, e não gravado por meio de MIDI ou analógico(K7).

- Audio Effects: Alterações sistemáticas que você pode fazer à partes ou toda a música, como reverb, chorus e delay.

- Auto Correlation: Um processo que determina pontos ótimos de começo e início de loop para produzir mínima descontinuidade.

- Automation: Gravação instantânea (foto) ou dinâmica das posições de todos os controles através de uma porção de som ou música, no console do Sonar ou mesa de som.

- Band Pass Filter: Um filtro que permite somente a uma faixa selecionada de freqüências a passar através do ponto de cutoff , enquanto
são rejeitadas todas as outras freqüências acima e abaixo deste ponto. Normalmente um filtro de banda irá permitir ao usuário ajustar a largura da faixa de passagem.

- Bank: Bancos são geralmente grupos de 128 instrumentos ou combinações ou samples ou seqüências de um dispositivo. Geralmente serve de armazenamento de sons particulares (patches).

- Baud Rate: A velocidade a qual a informação digital é passada através de uma interface serial, expressada em bits por segundo. Os dados MIDI são transmitidos à 31.25K Baud ou 31.250 bits por segundo.

- Bounce: Quando gravando ou seqüenciando, bounce tracks significa combinar (mixar) várias trilhas juntas e gravá-las em uma outra trilha.

- Cardioid: Um microfone direcional com captação em forma de coração, com alcance estreito, o qual capta vindo diretamente em frente ao microfone. Muito útil para gravar bateria e percussão.

- Center Detent: Um sulco no centro de uma roda de modulação ou nivelador o qual permite ao executante encontrar a sua posição inicial.

- Channel Aftertouch: Propriedade MIDI que regula a pressão aplicada à todas as notas do instrumento no canal específico.

- Channel, Output: O circuito através do qual um instrumento envia notas individuais.

- Channel, MIDI: Um informação de caminho de saída através do qual a informação MIDI é enviada. A MIDI fornece pois 16 canais disponíveis, cada qual pode endereçar um instrumento MIDI.

- Channel, MIDI Control: Um canal MIDI também pode conter informações sobre quais controles estarão sendo modificados.

- Chorus: Um efeito de duplicação da voz criado pela sobreposição de dois sons idênticos com um leve atraso de (20-50mS) e suavemente modulando a freqüência de um ou ambos os sons.

- Clock: Um pulso ininterrupto vindo de um gerador o qual é usado para sincronizar seqüenciadores, baterias eletrônicas, etc. Taxas comuns de relógios de sincronização são 96, 120, 192, 240, 480 pulsos por semínima. Relógios de sincronização rodam à taxa de 24 pps.

- Close Miking: Uma técnica de posicionamento de microfone a qual envolve a colocação do microfone próximo à fonte sonora em ordem
de captar principalmente som direto, e evitar a captação de som reverberante.

- Condenser Mic: Um microfone que converte as variações do nível de pressão do som em variações de capacitância e então dentro de voltagem elétrica.

- Controls: Sliders(deslizantes), faders, knobs (potenciômetros), e botões no console ou em seu equivalente on-line de controladores.

- Controllers: Pedais, knobs, e wheels (rodas) em seu instrumento eletrônico que você pode usar para alterar o som enquanto você está tocando.

- Crossfade: Para gradualmente abaixar um som enquanto eleva-se outro tanto que uma transição sem remendos seja feita entre os dois sons.

- Cutoff Frequency: A freqüência acima da qual um filtro de low pass (passa baixa) irá começar a atenuar sinais presentes nesta entrada. Abreviado como Fc.

- dB/Octave: A unidade tipicamente usada para indicar uma curva de um filtro, ou como rapidamente a resposta de freqüência roda depois de passada a freqüência de cutoff. Exemplo: Um filtro de 24 dB/oitava irá atenuar a entrada de sinal de 24 dB uma oitava acima da freqüência de cutoff, e de 48 dB duas oitavas acima da freqüência de cutoff, e assim por diante.

- Decay: O segundo estágio em um gerador de envelope do tipo ADSR. Veja ADSR.

- Decibel: Uma referência sobre a medida de energia sonora. A mínima alteração em volume que o ouvido humano consegue perceber. Nome dado após Alexander Graham Bell, o inventor do telefone. Um decibel equivale a 1/10 de um Bel.

- Delay: Um parâmetro de tempo controlável dando a habilidade para o início de um evento somente depois de prédeterminada quantidade de tempo.

- Depth: A quantidade de modulação. Às vezes chamado de Amount (quantidade), Width (largura), Intensity (intensidade) ou
Modulation Index (índice de modulação).

- Digital: Equipamento que usa quantidades representadas como números binários. Em um sintetizador digital cada aspecto da geração de som é manipulada como um cálculo numérico. A informação digital não é audível e então deve ser convertida para a forma análoga por um DAC (conversor de digital para análogo) antes de sua saída.

- Digital to Analog Converter: conversor de digital para análogo. Um dispositivo que interpreta informação Digital e a converte para a forma o
Análoga. Todo instrumento musical digital devem ter um DAC tanto que nós possamos escutar sua saída.

- Distant Miking: Uma técnica de posicionamento de microfone que envolve a colocação do microfone longe da fonte sonora de modo à
captar uma alta proporção de som reverberante.

- Dynamic Mic: Um microfone em qual o diagrama move um rolo suspenso em um campo magnético em ordem de gerar voltagem de saída proporcional ao nível de pressão sonora.

- Dynamic Range: A extensão do mais fraco até o mais forte som que pode ser produzido por um instrumento. Ou a extensão dos níveis de
sinal baixo e alto que se podem obter e um teclado sensível à velocidade. Maior a extensão dinâmica, mais sensitivo o teclado.

- Envelope Generator: Um circuito, normalmente acionado pelo acionamento de uma tecla no sintetizador, que gera um a mudança de
voltagem com respeito ao tempo. Esta voltagem tipicamente controla um VCF ou VCA. Um AHDSR e ADSR são dois tipos de geradores de envelope. Veja ADSR.

- Equal Temperament: Um sistema de afinação de escala onde uma oitava é dividida em 12 partes iguais. A taxa das freqüências entre duas notas adjacentes é exatamente a mesma. A maioria dos instrumentos de teclado são afinados desta maneira.

- Equalizer: Um dispositivo que permite atenuação ou ênfase de freqüências selecionadas no espectro de áudio. Equalizadores normalmente contém muitas faixas para permitir ao usuário uma fina graduação de controle de freqüência sobre o som.

- Fade, fade-in, fade-out: Aumento gradual (crescendo) ou diminuição gradual (decrescendo) em volume.

- Fast Fourier Transform: Um algoritmo de computador o qual deriva d espectro de Fourier à partir de um arquivo de som.

- Filter: Um dispositivo que é usado para remover freqüências indesejadas a partir de um áudio digital, portanto alterando sua estrutura harmônica. Filtros de Low Pass (passa baixa) são os tipos de filtro mais comuns encontrados em sintetizadores musicais. Eles somente permitem que freqüências abaixo da freqüência de cutoff passem (Low Pass). Filtros de High Pass (passa alta) somente permitem passagem das altas freqüências, e filtros de Band Pass (passa faixa) somente permitem que passem freqüências através de uma faixa selecionada. Um filtro de Notch (corte) rejeita freqüências que caem dentro deste corte.

- Flange: Um efeito criado pela sobreposição de dois sons idênticos com um leve atraso (1-20mS) e leve modulação no atraso de um deles ou ambos os sons. O termo vem dos tempos da gravação em fita quando efeitos de delay eram criados pelo pressionamento das bobinas de fita para alterar a velocidade da fita.

- Fourier Spectrum: A descrição de um som que é em termos de sua distribuição de energia versus freqüência ao invés de amplitude versus
tempo (forma de onda).

- Frame: Menor unidade para a sincronização SMPTE. A taxa de frame indica o número de frames por segundo. 24 frames/s para Filme, 25 frame/s para vídeo europeu, 29.97 frames/s para NTSC vídeo à cores, 30 frames (non drop) para NTSC P&B e a maioria das aplicações musicais, 30 frames (drop) raramente usado.

- Frequency Modulation: A codificação de uma onda transportadora pela variação de sua freqüência de acordo com um sinal de entrada.

- FSK: Chaveamento de mudança de freqüência. Uma freqüência de áudio modulada por uma onda serrilhada, a qual é usada para transferência de dados e também para sincronização de seqüenciador e bateria eletrônica.

- Fundamental: A primeira, mais grave nota de uma série harmônica. A freqüência fundamental determina o tom global do som.

- Gain: O fator pelo que um dispositivo aumenta a amplitude de um sinal. Ganho negativo resulta em diminuição de um sinal.

- Glissando: Um deslizamento rápido através de séries de tons consecutivos em uma escala, como passagem. Similar ao portamento, exceto que o tom se altera em passos de semitom.

- Groove Pattern: Pedaço de música usado como molde para o comando groove quantize.

- Groove Quantize: Permite você colocar uma grade em coma de seu padrão de groove, e então ajustar o tempo, duração e velocidade das
notas selecionadas tanto que elas se alinhem à grade.

- Ground Loop: Zumbido causado por correntes circulando através da parte do chão de uma peça de um equipamento ou sistema. Isto
é devido a seu aterramento em pontos de diferente potencial de voltagem.

- Harmonic Distortion: A presença de harmônicos no sinal de saída de um dispositivo os quais não eram presentes no sinal de entrada.

Claudio
Administrador

Mensagens : 14866
Localização : Rio de Janeiro - RJ

http://www.claudiocuoco.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Parte II: I - P

Mensagem por Claudio em Ter Nov 25, 2008 4:24 pm

- Intensity: A quantidade de modulação.

- Just Intonation: Um sistema de afinação em qual as distâncias entre os tons são baseadas nas séries harmônicas naturais ao invés da
oitava sendo igualmente dividida.

- Key Aftertouch: Propriedade MIDI que regula a pressão aplicada à uma nota individual.

- Key Signature: Tom de uma música, quantos sustenidos ou quantos bemóis ele tem.

- Keyboard Assignment: A designação de sons específicos para uma área no teclado. Por exemplo, na oitava mais baixa poderiam estar os sons
de bateria, a próxima oitava poderia ser um baixo elétrico, o resto do teclado poderia conter várias amostras de piano designadas para esta área.

- Layering: A habilidade de colocar ou empilhar dois ou mais sons na mesma área do teclado para criar um som mais denso.

- LFO: Low Frequency Oscillator. Um oscilador usado para modulação cuja extensão está abaixo da extensão audível (20 Hz). Exemplo: Variando o tom ciclicamente produz-se o efeito de vibrato.

- Locked (SMPTE) Time: Trava um ponto marcado para especificar o tempo a partir do início da música. Não afetado pelas alterações de
andamento ou tonalidade.

- Looping: Looping é o processo de repetição de uma porção de uma amostra múltiplas vezes de modo a criar um som sustentado. O som irá continuar tanto quanto a tecla continuar pressionada. Um som é geralmente posto em loop durante um ponto em sua evolução onde os harmônicos e amplitude são relativamente estáticos, de modo à evitar estouros e riscos no som.

- Low Note Priority: Quando mais de uma nota é tocada em um sintetizador monofônico, somente a nota mais grave irá soar.

- Low Pass Filter: Um filtro cuja frequência de resposta se mantém invariável até certa frequência e decai (atenua sinais que aparecem
nesta entrada) acima deste ponto.

- MBT: Números de compasso, batida e tick. 9:04:060 é o sexagésimo tick da quarta batida do nono compasso.

- Meter, Time Signature: Divide tempo em pulsos rítmicos. Especifica o número de batidas por compasso e o valor da nota de cada batida.

- Merge: Combinar ou unir. Merge significa combinar seqüências, sons trilhas, dados MIDI, etc.

- MIDI: Abreviação para Musical Instrument Digital Interface. A MIDI habilita sintetizadores, seqüenciadores, computadores, baterias eletrônicas, etc. para serem interconectados através de uma interface padrão. A interface MIDI é serial e tem seu sinal transmitido à taxa de 31.25 Kbaud ou 31.250 bits por segundo.

- MIDI Clock: Permite instrumentos interconectados via MIDI serem sincronizados. O MIDI Clock roda à taxa de 24 pulsos por semínima.

- MIDI Continuous Controller: Permite continuamente alterar informações, como pedal de volume ou controle de brilho, para passarem através da linha MIDI. Controles contínuos usam grande quantidade de memória quando gravados em um seqüenciador MIDI.

- Mixdown: Combinação de duas ou mais trilhas de áudio em um submix estéreo.

- MMC, MIDI Machine Code: Um protocolo que controla um dispositivo remoto equipado com MMC através da MIDI.

- Modulation: O processo de uma áudio ou recurso de controle de voltagem que influencia um processador de som ou outro recurso de controle de voltagem. Exemplo: lentamente modulando o tom ciclicamente produz-se vibrato. Modulando o filtro ciclicamente se produz efeitos wah-wah.

- Modulation Index: A profundidade de modulação quando da execução da modulação de freqüência.

- Module Identifier: A tela que mostra informação sobre qual módulo está atualmente ativado.

- Monophonic: Um instrumento musical que somente é capaz de tocar uma nota de cada vez. Música de uma única voz.

- Multi-timbral: A habilidade de um instrumento musical produzir dois ou mais sons ou timbres ao mesmo tempo.

- Multi-track: Uma maneira de se gravar uma peça musical complexa pela sua divisão em trilhas simples, e combinando estas trilhas durante a reprodução.

- Mute: Ajusta a trilha para silenciar durante a reprodução.

- Normalize: Um função de processamento digital que aumenta a amplitude de um som até que a amplitude de pico de sua amostra mais alta alcance 100% da escala cheia, antes de resultar em clipping ou distorção.

- Now Time: O tempo atual em uma música. Aonde você está na música.

- Offset: Desloca (tempo, tom, velocidade) por um número específico de unidades. Por exemplo, você poderia compensar o início de uma trilha em dois compassos.

- Overload: Dano de informação de áudio causada por nível de áudio que excede 0 dB. Distorção a qual é causada por excesso de extensão dinâmica de um circuito. Clip.

- Panning: Para mover um sinal de áudio de uma saída para a outra (direita-esquerda). Fazendo o pan entre dois alto-falantes, altera a posição aparente do som.

- Parallel Interface: Uma interface de computador cujos dados são passados simultaneamente sobre muitos fios. Uma interface paralela é normalmente muito mais rápida do que uma interface serial.

- Patch: Referente a um som particular criado em um sintetizador. O termo vem do uso de pedaços de cordas utilizados no sintetizadores modulares originais.

- Pitch Bend – Pitch Wheel: Controlador que altera o tom de um nota MIDI.

- Polyphonic: Um instrumento musical que tem a habilidade de tocar mais de uma nota ao mesmo tempo. Música com partitura de mais de uma voz.

- PPQ (pulses per quarter note): Base de tempo, resolução de tempo, medida em ticks por semínima. Determina como finamente você especifica a grade de tempo para notas.

- Preset: Um som pré-programado e/ou ajuste de controle em um sintetizador ou sampler. Presets podem ser feitos de modo a melhorar a performance, armazenar na memória, e então chamar de volta instantaneamente quando desejado.

- Pressure Sensitivity: A habilidade de um instrumento responder à pressão aplicada ao teclado depois do pressionamento inicial da tecla. Às vezes chamado de Aftetouch.

- Proximity Effect: Quando microfones cardióides são colocados muito próximos da fonte sonora, um aumento das freqüências baixas aumenta o qual é conhecido como efeito de proximidade.

- Punch-in: Quando gravando, o punch-in sobrescreve uma trilha previamente gravada começando do ponto punch-in.

- Punch-out: Quando gravando, o punch-out pára o processo de gravação começado pelo punch-in, deste modo preservando a trilha gravada previamente começando no ponto punch-out.

Claudio
Administrador

Mensagens : 14866
Localização : Rio de Janeiro - RJ

http://www.claudiocuoco.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Parte III: Q - Z

Mensagem por Claudio em Ter Nov 25, 2008 4:25 pm

- Quantize: Corrige imperfeições humanas em início e duração de notas selecionadas, tanto que elas se alinham em uma grade de tempo especificada. Função em alguns sintetizadores e softwares que modifica a informação em sua memória para aperfeiçoar a precisão rítmica e corrigir erros de execução.

- Resolution: Menor nota ou número de tick que você quer efetivamente em um trecho para propósitos de quantização.

- RS 422: Uma porta de comunicação serial de alta velocidade que permite dados serem transferidos de e para um computador à uma taxa muito alta (500Kbaud).

- Resonance: Uma freqüência a qual um objeto material irá vibrar. Em um filtro com ressonância, um sinal será acentuado na freqüência de cutoff.

- Sample Rate: Nível de precisão com que dados de áudio são armazenados. Quanto mais alta a taxa melhor a qualidade de som, mas maior custo em tempo de processamento. Quando digitalmente amostrando um sinal, esta é a taxa por quais medições de nível de sinal são tomados.

- Sampling: O processo de gravar um som dentro de memória digital.

- Sequencer: Um dispositivo que caminha através de séries de eventos. Um seqüenciador digital pode gravar dados de teclado, trocas de programas, ou dados de modulação em tempo real para serem reproduzidos depois, semelhante a um gravador de fita ou pianola. seqüenciadores digitais usam a memória baseados em eventos (nota pressionada, nota solta, etc.) enquanto um gravador de fita usa memória
em base de tempo.

- SMPTE: Abreviatura de Society of Motion Picture and Television Engineers que adotaram um código de tempo padrão de modo à sincronizar vídeo e áudio. A informação SMPTE é dada em hora , minutos, segundos e frames. Há dois tipos de código de tempo SMPTE, código de tempo longitudinal o qual pode ser gravado em uma fita de áudio, código de tempo de intervalo vertical que é gravado em uma fita de vídeo. A taxa de frame indica o número de frames por segundo usado em um código SMPTE. 24 frames/s para Filme, 25 frame/s para vídeo europeu, 29.97 frames/s para NTSC vídeo à cores, 30 frames (non drop) para NTSC P&B e a maioria das aplicações musicais, 30 frames (drop) raramente usado.

- Song Pointer: Informação MIDI que permite ao equipamento permanecer em sincronia mesmo se o dispositivo mestre for avançado rapidamente. MIDI Song Pointer (às vezes chamado de MIDI Song Position Pointer) é um registro interno (no seqüenciador ou auto-localizador) que segura o número de batidas MIDI desde o início da música.

- Step Time: Um modo de seqüenciador onde eventos são e adicionados um de cada vez.

- Stripping: Gravando um sinal de código de tempo análogo (SMPTE, FSK) para uma trilha ou fita.

- Submix: Par de trilhas (canal estéreo: direito e esquerdo) contendo uma mistura estéreo de várias trilhas de áudio originais, preservando o volume, pan, efeitos para cada trilha.

- Subtractive Synthesis: O processo de construção de um som começando com um som complexo e removendo seus harmônicos com um filtro.
Um filtro de passa baixa é normalmente usado. A freqüência de cutoff do filtro é normalmente variada dinamicamente, o que muda os harmônicos que são removidos.

- System Exclusive: Dados de System Exclusive é a maneira da MIDI deixar cada fabricante de sintetizador ou módulo transmitir dados
particulares sobre seus produtos, como programas, presets, seqüências, etc. Um a mensagem de System Exclusive tem um ID(identificador) de fabricante; o resto da mensagem é completamente singular e varia para cada fabricante, igualmente para cada um de seus produtos.

- Take: Instância única de gravação de alguma coisa. Você pode querer gravar muitos takes, e então escolher o melhor para ser mantido.

- Taper: Uma função de processamento de sinal que faz um fade in ou fade out entre dois pontos de um som. Fazer o Taper modifica o som permanentemente.

- Timbre: Cor do tom (patch). A qualidade de um som que o distingue de outros sons com o mesmo tom e volume.

- Tremolo: Uma mudança cíclica na amplitude, normalmente entre 7 e 14 Hz. Normalmente concluído por direcionamento de um LFO para um VCA.

- Truncation: Quando manipulando um sample, o truncado encurta a extensão da amostra pondo em ordem as partes do início e/ou final.

- VCA: Voltage Controlled Amplifier. Um circuito cujo ganho é determinado por um controle de voltagem.

- VCF: Voltage Controlled Filter. Um filtro cuja freqüência de cutoff ou freqüência ressonante é determinada por um controle de voltagem.

- Velocity Sensitivity: Um teclado que pode responder à velocidade que uma tecla é pressionada; isto corresponde à dinâmica com qual o
executante toca o teclado. A função Velocity é importante e ajuda a traduzir a expressão do executante na música.

- Vibrato: Uma mudança cíclica em tom, normalmente entre 7 e 14 Hz.

- Voltage Pedal: Um pedal que envia um controle de voltagem que é dependente de sua posição.

- Zero Crossing: O ponto onde a polaridade de um sinal elétrico ou sinal sampleado muda do positivo para o negativo ou vice-versa) quando ele passa através do zero. O zero crossing fornece um ponto conveniente para juntar dois sons porque os níveis dos dois pontos de junção estão em zero volts.

Claudio
Administrador

Mensagens : 14866
Localização : Rio de Janeiro - RJ

http://www.claudiocuoco.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Glossário de Termos Técnicos

Mensagem por Ivanov_br em Ter Nov 25, 2008 5:07 pm

Mais um tópico que surgiu da discussão dos próprios usuários. Isso aqui tá bom demais!!!

Ivanov_br
Moderador

Mensagens : 5592
Localização : Rio Grande do Sul

http://www.myspace.com/bustamanteivan

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Glossário de Termos Técnicos

Mensagem por Wotan em Ter Nov 25, 2008 6:19 pm

Grande Cláudio!!!
Obrigado por atender meu pedido. Laughing

Wotan
Membro

Mensagens : 1374
Localização : Campos-RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Glossário de Termos Técnicos

Mensagem por Cantão em Sab Jun 20, 2009 12:52 am

Excelente tópico , muito útil , para quem , como eu ,está entrando agora no mundo dos Home Studios , valeu Claudio...

Cantão
Moderador

Mensagens : 17691
Localização : Bauru

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Glossário de Termos Técnicos

Mensagem por *-* Rafinha *-* em Seg Set 07, 2009 12:17 am

Valew MuitO útil! claps

*-* Rafinha *-*
Membro

Mensagens : 174
Localização : Itu

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Glossário de Termos Técnicos

Mensagem por *-* Rafinha *-* em Seg Set 07, 2009 12:20 am

o difícil vai ser decorar........

*-* Rafinha *-*
Membro

Mensagens : 174
Localização : Itu

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Glossário de Termos Técnicos

Mensagem por Gabriel Oliveira em Qui Nov 19, 2009 10:37 am

Tudo lido! Very Happy

Decora-se com a prática (tomara! Razz)

Gabriel Oliveira
Membro

Mensagens : 1297
Localização : Fortaleza, Ceará, Brasil

http://www.gabrieloliveiramusic.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Glossário de Termos Técnicos

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 1:16 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum