Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo?

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo? - Página 2 Empty Re: Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo?

Mensagem por Edão Dom Dez 02, 2012 5:52 pm

Cayo Castro escreveu:
malka_aff escreveu:
Craftsman escreveu:Deixa eu ver se consigo definir a coisa de uma maneira que fique bem compreendida:
NÃO.

[2]

[3]

[4]... Hihihihi!!!
Edão
Edão
Membro

Mensagens : 1849
Localização : Rio Branco/AC

Voltar ao Topo Ir em baixo

Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo? - Página 2 Empty Re: Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo?

Mensagem por Tarcísio Caetano Ter Dez 04, 2012 6:37 pm

Edão escreveu:
Cayo Castro escreveu:
malka_aff escreveu:
Craftsman escreveu:Deixa eu ver se consigo definir a coisa de uma maneira que fique bem compreendida:
NÃO.
[2]
[3]
[4]... Hihihihi!!!
[5]
Tarcísio Caetano
Tarcísio Caetano
Membro

Mensagens : 6262
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo? - Página 2 Empty Re: Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo?

Mensagem por Zubrycky Ter Dez 04, 2012 8:24 pm

Jefferson Torres escreveu:Zubrycky, gostei da colocação, eu concordo com vc. obrigado pela postagem, acho que foi a melhor ate agora.

Obrigado por suas palavras, meu caro.

Complementando o que eu disse anteriormente, outro fator a ser levado em consideração quando se pensa na relação entre preço de um contrabaixo com a qualidade do mesmo é a chamada lei dos retornos decrescentes, lei que afirma que a partir de um determinado ponto, a adição de recursos dentro de um processo produtivo não se reflete no aumento dos resultados obtidos (Por maior que seja esta adição).

Para facilitar o entendimento, transporei essa lei para o universo contrabaixístico através de uma situação hipotética.

(Para deixar as coisas claras, falarei aqui apenas de baixos produzidos em grande escala e instrumentos de luthier. Os instrumentos vintage não serão abordados neste exemplo)

Imaginemos, para começar, que estejamos em um país aonde os instrumentos tenham um preço justo nas lojas de instrumentos musicais.

Agora imaginemos um baixo de 250 reais que, após uma análise, tenha a sua qualidade mensurada em um valor que chamaremos de "X".

Um baixo de 500 reais tende a ter o dobro da qualidade do baixo de 250 reais, tendo portanto a qualidade com o valor "2X".

Um baixo de 1000 reais tende a ter o dobro da qualidade do baixo de 500 reais (E ser quatro vezes melhor do que o baixo de 250 reais), tendo portanto a qualidade com o valor "4X".

Um baixo de 2000 reais tende a ter o dobro da qualidade do baixo de 1000 reais, (E ser oito vezes melhor do que o baixo de 250 reais) tendo portanto a qualidade com o valor "8X".

Um baixo de 4000 reais tende a ter o dobro da qualidade do baixo de 2000 reais, (E ser dezesseis vezes melhor do que o baixo de 250 reais) tendo portanto a qualidade com o valor "16X".

Se continuarmos o raciocínio, logo veremos essa relação diretamente proporcional entre aumento de qualidade e preço do instrumento não é eterna. Inevitavelmente haverá um ponto a partir do qual a elevação do preço não se traduzirá em aumento proporcional de qualidade, por mais caro que o contrabaixo seja.

A qualidade continuará a aumentar com a subida do preço, mas, a partir do início da atuação da lei dos retornos decrescentes, este aumento de qualidade começará a diminuir, se tornando cada vez menor (Em comparação com a qualidade de contrabaixos com preços um pouco inferiores) à medida em que o preço do instrumento sobe, mesmo que este valor suba cada vez mais.

Concluindo, em outras palavras, a diferença de qualidade que é tão clara e nítida entre um baixo de 300 reais e um de 2000 reais não é tão evidente assim (Embora ela exista) entre, por exemplo, um baixo de 14 mil reais e um de 16 mil reais...
hide
Zubrycky
Zubrycky
Membro

Mensagens : 15108
Localização : São Paulo

https://www.youtube.com/zubrycky

Voltar ao Topo Ir em baixo

Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo? - Página 2 Empty Re: Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo?

Mensagem por allexcosta Ter Dez 04, 2012 8:32 pm

Zubrycky escreveu:Se continuarmos o raciocínio, logo veremos essa relação diretamente proporcional entre aumento de qualidade e preço do instrumento não é eterna. Inevitavelmente haverá um ponto a partir do qual a elevação do preço não se traduzirá em aumento proporcional de qualidade, por mais caro que o contrabaixo seja.

Verdade. E na prática esse fenômeno acontece já no início da escala de preços. Um baixo de 2.000 normalmente não é 4x melhor que um de 500... Quando o nível fica muito alto mesmo, 2 ou 3% de melhora no instrumento equivale a vários milhares de dólares.
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 49914
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo? - Página 2 Empty Re: Você é desses que acham que o preço é quem "define" o contrabaixo?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum