Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Para os Freelancers e Side Men

Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por klaus.coelho em Qui Jun 21, 2012 8:24 pm

Amigos,

Minha pergunta é simples, vocês acreditam que no Brasil há uma tendência de "conseguir trabalhos mais facilmente, caso você tenha baixos clássicos consagrados como Fender e Musicman" ?

Vocês já viram isso?

Pois ouvi algumas coisas à respeito, que os proprietários de instrumentos dessas marcas ficam na "preferência" em relação aos baixistas que tem instrumentos de marcas de pouco renome ou de lutheria, na hora que precisam de alguém para gravar principalmente.

Vou ilustrar:

----------------------------------------------------------------------------------------------
1º caso:

Produtor/Artista: - Olá sr. baixista blz? preciso gravar uma coisa aqui, x + y + z , você cobra quanto?
Baixista 1: - Olá, blz, faço por abc.
Produtor/Artista: - Qual seu equipamento?
Baixista 1: - Meu baixo é "D´Bom"
Produtor/Artista: Entendi, seu telefone tá anotado, qualquer coisa te ligo. Abraço.

2º caso:

Produtor/Artista: - Olá sr. baixista blz? preciso gravar uma coisa aqui, x + y + z , você cobra quanto?
Baixista 2: - Olá, blz, faço por abc.
Produtor/Artista: - Qual seu equipamento?
Baixista 2: - Meus baixos são Fender JB 75 e Music Man Stingray 77
Produtor/Artista: Entendi, então tá fechado irmão.
----------------------------------------------------------------------------------------------
* De fato sabemos que tanto no palco como em gravações esses baixos são os mais usados no mundo inteiro. Mas será que o baixista "mercadológico" deve ter essa preocupação?

Valeu!

Abraços

klaus.coelho
klaus.coelho
Membro

Mensagens : 154
Localização : BH

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por allexcosta em Qui Jun 21, 2012 8:26 pm

Sim, é comum...
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 48839
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por klaus.coelho em Qui Jun 21, 2012 8:29 pm

Curto e grosso. :curti:

klaus.coelho
klaus.coelho
Membro

Mensagens : 154
Localização : BH

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Qui Jun 21, 2012 8:57 pm

Segundo um ex-membro do fórum, não só é comum mas é fato consumado...tem que ter baixos de mais de 4k como costumam custar esses aí e ter menos de 40 anos... What a Face

Agora ,brincadeiras à parte, infelizmente isso ainda acontece, principalmente quando o baixista ainda não "fez o nome" . Um outro detalhe é que existe aqui no Brasil uma espécie de mística idolátrica em torno dessas marcas, o que incentiva essa idiotice . Me desculpe a contundência do termo mas é isso o que penso à respeito.

OBS: Segundo esses que fazem esse tipo de segregação,o baixo pode até ser de luthier, mas tem ser dos bambambãs, ou seja os conhecidos nacionalmente (temos vários aqui no fórum).


Última edição por Amagomes em Qui Jun 21, 2012 9:01 pm, editado 1 vez(es)
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por allexcosta em Qui Jun 21, 2012 9:00 pm

Me perdoem também a generalização, mas esse tipo de coisa é comum em bandas de rock, não só no Brasil.

Nos EUA cansei de ver anúncio querendo baixista entre 21 e 24 anos de idade, com baixo Fender Precision, cordas flat e amp Ampeg SVT Classic com cab 8x10 Ampeg, senão não servia pra banda. Esses anúncios invariavelmente vinham de bandas de rock.
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 48839
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Qui Jun 21, 2012 9:02 pm

"^"

Quanto à idade, é até compreensível devido ao perfil buscado por cada banda. Agora, pra gravinas não faz sentido.
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por AlbertoBass em Qui Jun 21, 2012 9:08 pm

Conheço o mercado de Belo Horizonte e posso dizer que a galera olha muito instrumento. As vezes você tem um senhor baixo, tira o maior som mas se não for de uma marca conhecida os produtores musicais te olham torto, desconfiados. Ter um baixo Fender é quase uma obrigação para gravar aqui em BH. Tenho um amigo que comprou um baixo Xotic que tem um baita timbre mas como a galera "em geral" não sabe nada de instrumentos ele tem que ficar explicando que o baixo é bom etc. Não vi ainda por aqui baixistas freelances usarem Lakland, Dingwall, Celinder etc. Mas se você tem um certo "nome" é um pouco diferente.
AlbertoBass
AlbertoBass
Membro

Mensagens : 906
Localização : Belo Horizonte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Qui Jun 21, 2012 9:11 pm

AlbertoBass escreveu:. Mas se você tem um certo "nome" é um pouco diferente.

Depois que vc tem nome até Strinberg rola...vide o Nando do Roupa Nova.
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por AlbertoBass em Qui Jun 21, 2012 9:12 pm

^Tipo isso!
AlbertoBass
AlbertoBass
Membro

Mensagens : 906
Localização : Belo Horizonte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Qui Jun 21, 2012 9:16 pm

E via de regra, por exemplo, um Celinder dá de 10 x 0 em Fender,custa o triplo do preço da maioria deles e esses produtores "donos da matéria" são capazes de torcer o nariz se o cara chegar com um desses, simplesmente por desconhecerem a marca...,é de doer facepalm
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por AlbertoBass em Qui Jun 21, 2012 9:21 pm

Exatamente, fico revoltado. Tinha um produtor aqui em BH que gravava uma galera. Ele dava aula na mesma escola que eu, todo mundo gravou com ele menos eu pois na época eu não tinha um Fender. Ele não aceitava outro som.
Tenho um amigo tecladista que produz duplas sertanejas, ele nunca chama alguém sem saber os instrumentos, as vezes deixa de chamar por que o cara tem um instrumento mediano. Tem uma marca/modelo de baixo que não vou citar que os produtores odeiam.
AlbertoBass
AlbertoBass
Membro

Mensagens : 906
Localização : Belo Horizonte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Qui Jun 21, 2012 9:23 pm

"^"

Seria bom saber que marca é essa e o motivo do ódio...
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por GeleiaBass em Qui Jun 21, 2012 10:26 pm

Vivo isso diariamente, e até consigo entender...
E normalmente tem muita relação com a velocidade dos serviços, tempo de entrega do material, preço, hora de estúdio e etc...

Se coloquem na posição do produtor que precisa gravar um jingle de 30s..., está com o trabalho atrasado, o orçamento apertado..., e ainda o baixista com que ele está acostumado a gravar está ocupado, e ele não consegue encontrar o pessoal que ele normalmente trabalha...
Começa a pesquisar,..., liga para vc, e quando pergunta qual baixo vc possui responde:
- Banana!!!! Mas essa Banana tem um p*** som...
Sendo que nessa pesquisa ele já falou com um ou dois caras que tem baixos de marcas conhecidas..
Não seria nem pré-conceito com o seu baixo Banana..., mas as marcas que ele conhecesse, já sabe o que esperar do som..., tem presets definidos e etc...
Pode até ser que vc seja um baixista muito melhor do que os outros, e tire um som maravilhoso do seu Banana..., mas o produtor não lhe conhece, e não vai não arriscar a perder uma ou duas horas numa mix para acertar o som de um baixo que ele e não conhece.
Isso seria somente uma escolha que aos olhos do produtor parece melhor para que o trabalhos dele seja de mais fácil solução.



GeleiaBass
GeleiaBass
Membro

Mensagens : 224
Localização : Curitiba-PR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por klaus.coelho em Qui Jun 21, 2012 10:48 pm

Muito bom saber todos esses casos....

Alberto Magno temos que combinar as aulas hein rapá!

Vou aproveitar e colocar outra coisa em questão.

Se o cara toca só baixo 4 cordas, vocês acham que diminui muito a perspectiva de trabalhos?

Tô perguntando isso pq eu mesmo, sou um amigão das 4 cordas.... já tenho a pegada bem acostumada e me sinto confortável assim.

Já peguei baixo de 5 e já começo a ficar bem "encabulado" .... não é muito dificuldade técnica, mas é como o Larry Graham falou... se ele pega no baixo de 5 cordas, tem que ficar "pensando" na quinta corda, lembrando dela e aí a coisa deixa de ser natural, o Victor Wooten fala também que prefere as 4 cordas justamente pelo conforto, que é o que ele mais preza na hora de tocar.

No meu caso, se eu pego um baixo de 6 cordas, eu nem sei o que fazer, perco a pegada total.

Por isso a minha pergunta, pois to pensando que se as coisas caminharem para eu tocar "pros outros" , de repente eu tenha que acostumar com a idéia de 5 cordas logo, meter a cara, a contragosto, mas .... para depois não arrepender mais tarde.
klaus.coelho
klaus.coelho
Membro

Mensagens : 154
Localização : BH

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Stefano T. em Qui Jun 21, 2012 11:30 pm

klaus.coelho escreveu:Muito bom saber todos esses casos....

Alberto Magno temos que combinar as aulas hein rapá!

Vou aproveitar e colocar outra coisa em questão.

Se o cara toca só baixo 4 cordas, vocês acham que diminui muito a perspectiva de trabalhos?

Tô perguntando isso pq eu mesmo, sou um amigão das 4 cordas.... já tenho a pegada bem acostumada e me sinto confortável assim.

Já peguei baixo de 5 e já começo a ficar bem "encabulado" .... não é muito dificuldade técnica, mas é como o Larry Graham falou... se ele pega no baixo de 5 cordas, tem que ficar "pensando" na quinta corda, lembrando dela e aí a coisa deixa de ser natural, o Victor Wooten fala também que prefere as 4 cordas justamente pelo conforto, que é o que ele mais preza na hora de tocar.

No meu caso, se eu pego um baixo de 6 cordas, eu nem sei o que fazer, perco a pegada total.

Por isso a minha pergunta, pois to pensando que se as coisas caminharem para eu tocar "pros outros" , de repente eu tenha que acostumar com a idéia de 5 cordas logo, meter a cara, a contragosto, mas .... para depois não arrepender mais tarde.
Blues, Rock, Hard Rock, Heavy Metal (afina em Drop D) e Funk Americano dá pra se virar tranquilo com 4 cordas e não mais. O resto esqueça. Se quiser ser freelancer e trabalhar com Sertanejo, Axé, Gospel, Pagode, Forró, nem pense em aparecer com um instrumento com menos de 5 cordas.
Stefano T.
Stefano T.
Membro

Mensagens : 485
Localização : Curitiba - PR

http://www.orkut.com.br/Main#Profile?rl=ls&uid=3591919909565

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Cayo Castro em Sex Jun 22, 2012 12:01 am

Acontece. Antes de ter um baixo de seis cordas era time B pra qualquer dupla sertaneja aqui do Estado. Comprei um 6 cordas pior que o meu de 4, e agora sou time A.
Cayo Castro
Cayo Castro
Membro

Mensagens : 4411
Localização : Rio Branco - AC

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por klaus.coelho em Sex Jun 22, 2012 12:35 am

Stefano T.

Foi o que imaginei! rsrs
klaus.coelho
klaus.coelho
Membro

Mensagens : 154
Localização : BH

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por fma em Sex Jun 22, 2012 10:13 am

Acho que isso acontece eventualmente... normalmente o produtor chama um cara que ele já conhece e trabalha, se o baixista tem a confiança do produtor, fica um pouco mais livre... se o baixista não está disponível, o produtor vai pedir pra ele indicar alguém, se o cara vier com boas referências, fica um pouco mais livre pra usar o baixo que quiser.
Já vi gravando um baixista, dos caras que mais grava no meio gospel, que fez tudo num Tobias. Nesse mesmo estúdio, o dono tem um Music Man guardado. Quando acha necessário, empresta pro baixista e pode gravar tudo sem preocupar em mudar seus presets.
Baixo de 6 cordas de luthier é bem visto em gravação de pagode, principalmente se o cara der pancada nas cordas e fizer cara engraçada enquanto toca.
Acredito que a facilidade tecnologica em gravar está tornando o nível dos cantores cada vez mais baixo, então o produtor vai gastar tanto tempo gravando, editando, equalizando e colocando efeito na voz, que dentro do orçamento o baixo será gravado no tempo mínimo possível. Na verdade, me surpreende que o baixo ainda seja de verdade... muitos bateristas estão sendo substituídos por sample e considerando a presença que os baixos vem tendo nas mixagens, acho que somos os próximos rsrs
fma
fma
Membro

Mensagens : 440
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por jgs em Sex Jun 22, 2012 10:42 am

sideMEN, por favor.
jgs
jgs
Membro

Mensagens : 2552
Localização : SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Sex Jun 22, 2012 12:26 pm

GeleiaBass escreveu: mas as marcas que ele conhecesse, já sabe o que esperar do som..., tem presets definidos e etc...
Pode até ser que vc seja um baixista muito melhor do que os outros, e tire um som maravilhoso do seu Banana..., mas o produtor não lhe conhece, e não vai não arriscar a perder uma ou duas horas numa mix para acertar o som de um baixo que ele e não conhece.

É mais fácil para ele, ou o técnico,ou engenheiro, acertar o som do baixo Banana na masterização do que acertar o "som" do baixista que ele não conhece, mas contratou pela marca do baixo e chega na hora não faz um trabalho que agrade porque falta "dedo". Ele terá mais trabalho se precisar chamar outro cara...

Stefano T. escreveu:
Blues, Rock, Hard Rock, Heavy Metal (afina em Drop D) e Funk Americano dá pra se virar tranquilo com 4 cordas e não mais. O resto esqueça. Se quiser ser freelancer e trabalhar com Sertanejo, Axé, Gospel, Pagode, Forró, nem pense em aparecer com um instrumento com menos de 5 cordas.

Experiência pessoal e recente:

Nesta foto do meu avatar estou gravando uma das músicas do CD da cantora Elaine Rocha,trabalho gospel tipo Rose Nascimento,Alda Célia, enfim...nesse tipo de 5 é quase que obrigatório o uso da "Bzona", ou seja, dificilmente rola baixo de 4. Ocorre que o meu de 5 está no luthier e gravei umas duas músicas com este (isso mesmo...) Tagima B5 emprestado por um amigo ao dono do estúdio. Ocorre que , obviamente a gravina não ficou boa, o pré do baixo é horroroso, enfim, o instrumento é ruim, mas só foi usado por ter 5 cordas. Acabei tendo que refazer o baixo e o fiz com o Jazz bass e ,surpresa... não faltou peso e o cara mixou rapidinho. Eu sou daqueles ,que , apesar de reconhecer que um 5 ou 6 cordas fica melhor para certos estilos, com boa vontade toca-se qualquer estilo com "qualquer baixo" ( refiro-me a número de cordas).

Edit: Ainda tentei um Drop D mas não ficou legal, então foi na afinação convencional mesmo...
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por AlbertoBass em Sex Jun 22, 2012 2:34 pm

Amagomes escreveu:"^"

Seria bom saber que marca é essa e o motivo do ódio...
Talvez alguem se sinta ofendido, sei lá! Acho melhor não!

Stefano T. escreveu:
Blues, Rock, Hard Rock, Heavy Metal (afina em Drop D) e Funk Americano dá pra se virar tranquilo com 4 cordas e não mais. O resto esqueça. Se quiser ser freelancer e trabalhar com Sertanejo, Axé, Gospel, Pagode, Forró, nem pense em aparecer com um instrumento com menos de 5 cordas.
Concordo! Como músico freelance na música comercial é quase impossível sobreviver sem um 5 cordas. Recentemente comprei um Fender 4 cordas dos meus sonhos, até hoje não consegui estreia-lo em uma gig.

klaus.coelho escreveu:
Alberto Magno temos que combinar as aulas hein rapá!
Só marcar!!!!

AlbertoBass
AlbertoBass
Membro

Mensagens : 906
Localização : Belo Horizonte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Sex Jun 22, 2012 2:39 pm

AlbertoBass escreveu:
Amagomes escreveu:"^"
Seria bom saber que marca é essa e o motivo do ódio...
Talvez alguem se sinta ofendido, sei lá! Acho melhor não!

Acho que não...isso é história dos tais produtores e seria bom sabermos, até para discutir o assunto e quem sabe, até enfiar algum esclarecimento na cabeça desses caras. Eu até imagino qual seja a marca. Se for essa mesmo que estou pensando confirmo minha opinião de eles são sem noção...


Última edição por Amagomes em Sex Jun 22, 2012 3:02 pm, editado 1 vez(es)
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por fheliojr em Sex Jun 22, 2012 2:56 pm

^[2]
fheliojr
fheliojr
Membro

Mensagens : 10514
Localização : Fortaleza-CE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Fernando Zadá em Sex Jun 22, 2012 3:09 pm

AlbertoBass escreveu:
Concordo! Como músico freelance na música comercial é quase impossível sobreviver sem um 5 cordas. Recentemente comprei um Fender 4 cordas dos meus sonhos, até hoje não consegui estreia-lo em uma gig.


Essa foi punk!!!
Engraçado que definitivamente nenhum 4 cordas faz parte de minha GAS hoje em dia. Desacostumei geral aqui. Mesmo que não use sempre acho ergonomicamente confortável ter a B na hora de posicionar a mão!! Rsss
Já tive a infelicidade, por sorte em situação mais relax de ser questionado porque não tinha um Fender. Fui curto e grosso:
Cara não tenho porque não sinto necessidade mas pra você ficar tranquilo com esse meu baixo posso comprar 2 Fenders mas não quero!!! (mentira. Talvez 1 1/2 mas ai também preferi esnobar de vez!!)
Mas guitarra é complicado uso muito uma Crafter acústica e sempre me perguntam se é Gibson?
Ando pensando até em raspar o logo e falsificar um Gibson para pararem de perguntar.
Fernando Zadá
Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 11751

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Sex Jun 22, 2012 3:36 pm

Fernando Zadá escreveu:
Já tive a infelicidade, por sorte em situação mais relax de ser questionado porque não tinha um Fender. Fui curto e grosso:
Cara não tenho porque não sinto necessidade

(+1)

O meu JB tem captação / elétrica Fender, e como ele é muitíssimo bem construido por um renomado luthier (muito conhecido aqui no fórum...hehe)não tenho mesmo NENHUMA necessidade de Fender...e até agora não fui, como esse baixo "barrado" em nenhuma gig...hehe. Mas também não sou profissional de música e meus trabalhos tem sido esporádicos.
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Eliezer (Zé) em Sex Jun 22, 2012 4:12 pm





Engraçado que definitivamente nenhum 4 cordas faz parte de minha GAS hoje em dia. Desacostumei geral aqui. Mesmo que não use sempre acho ergonomicamente confortável ter a B na hora de posicionar a mão!! Rsss


Comigo também. Depois que comprei o meu 5 cordas, quase nem encosto mais no outro baixo. E, quando o faço, me sinto completamente desconfortável. Definitivamente, 4 cordas já não rola mais comigo.
Não sei como vivia antes sem a Sizona. rsrsrsrsrs
Eliezer (Zé)
Eliezer (Zé)
Membro

Mensagens : 222
Localização : Rio Grande do Norte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Eliezer (Zé) em Sex Jun 22, 2012 4:17 pm

Amagomes escreveu:

Experiência pessoal e recente:

Nesta foto do meu avatar estou gravando uma das músicas do CD da cantora Elaine Rocha,trabalho gospel tipo Rose Nascimento,Alda Célia, enfim...nesse tipo de 5 é quase que obrigatório o uso da "Bzona", ou seja, dificilmente rola baixo de 4. Ocorre que o meu de 5 está no luthier e gravei umas duas músicas com este (isso mesmo...) Tagima B5 emprestado por um amigo ao dono do estúdio. Ocorre que , obviamente a gravina não ficou boa, o pré do baixo é horroroso, enfim, o instrumento é ruim, mas só foi usado por ter 5 cordas. Acabei tendo que refazer o baixo e o fiz com o Jazz bass e ,surpresa... não faltou peso e o cara mixou rapidinho. Eu sou daqueles ,que , apesar de reconhecer que um 5 ou 6 cordas fica melhor para certos estilos, com boa vontade toca-se qualquer estilo com "qualquer baixo" ( refiro-me a número de cordas).

Edit: Ainda tentei um Drop D mas não ficou legal, então foi na afinação convencional mesmo...

Amagomes, em que sentido o pré desse Tagima é horroroso? Só pra confirmar uma suspeita minha: quando estava pra comprar meu baixo atual, testei um e achei o pré dele pouco atuante em relação ao meu Condor XB. Seria isso?
Eliezer (Zé)
Eliezer (Zé)
Membro

Mensagens : 222
Localização : Rio Grande do Norte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Sex Jun 22, 2012 5:03 pm

Eliezer (Zé) escreveu:Amagomes, em que sentido o pré desse Tagima é horroroso? Só pra confirmar uma suspeita minha: quando estava pra comprar meu baixo atual, testei um e achei o pré dele pouco atuante em relação ao meu Condor XB. Seria isso?

Também, mas o principal problema é ruído. Na hora que estava gravando não percebi,mas na hora da mix...e o sinal tb é fraco, o cara teve que fazer milagre pra mixar.Das três músicas que fiz com ele,uma o produtor conseguiu salvar e as outras duas refiz com o JB.
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por RodrigoBR em Ter Jun 26, 2012 3:22 pm

Lendo os relatos acima, na hora me veio aquela história tambem de que pra gravar tem que ser no pro tools, o resto não presta.
Mas isso é pra outra pasta, e outro tópico.
RodrigoBR
RodrigoBR
Membro

Mensagens : 861
Localização : Belo Horizonte

http://www.palcomp3.com/rodrigobs

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Ter Jun 26, 2012 6:31 pm

"^"

Sim, mas o princípio idiota ( minha opinião) é o mesmo...
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Mauronog em Ter Jun 26, 2012 11:50 pm

Minha fase de freelance em gravações de estúdio já pararam há muitos e muitos anos desde o advento da massificação da música eletrônica. O primeiro a dançar foi a bateria. Bateristas amigos meus que viviam de estúdio há muitos anos mudaram de profissão e tocam mais por hobby e puro prazer. Caiu muito o trabalho para estes profissionais.
O segundo a sambar foi o Baixista. A maioria das músicas comerciais que ouvimos hoje em dia é tudo gravado com teclados, emuladores, samplers etc... Os verdadeiros produtores, principalmente os que foram músicos, tocam teclado e até eles mesmos podem fazer o papel do Baixo com um teclado. Os bailes com bandas ao vivo praticamente sumiram, casas noturnas, boates, bares com música ao vivo, é raridade. Quando vejo alguma coisa, o que percebo é um cidadão com teclado fazendo tudo sózinho. Tudo incluído, Baixo, baterias, cordas e só não coloca um robô no seu próprio lugar porque ainda não inventaram. Voce que consegue viver exclusivamente de música hoje em dia é um privilegiado ou alguém está te bancando os gastos.

Já foi-se o tempo em que no auge das gravações, nos bons tempos, nós passávamos até umas 15 horas dentro de um estúdio a semana toda e pagávamos nossos aluguéis com 3 sessões de gravações.
De fato, naquela época, a preferência era pelos Fenders ou Musicman's devido a não existência de muitos Luthiers de qualidade como hoje temos, inclusive neste Fórum.
Acho que o próprio músico tem que ter uma noção e objetivo muito bem definido do que ele quer da música e sua atividade, para saber que instrumento escolher, com quantas cordas, que timbre e por aí vai.
Se voce quer ser freelancer, então minha sugestão é que tenha tantos Baixos com quantas cordas puder encaixar nele e aprenda a tocar bem com todos eles, com os mais variados timbres, inclusive esqueça o preconceito e aprenda a usar palheta, porque pode ser requisitado um dia.
Se voce toca por amor à arte, toca o que gosta, com quem quer, então toque com o que desejar e se tiver talento e sorte, serás conhecido pela boa execução da tua arte, independentemente de 4, 5, 6 ou 100 cordas. Pense no que é melhor: Tocar muito bem com 4 cordas ou ser um fraco Baixista mas que por modismo usa 5 ou 6 cordas???? Ou tocar muito bem todos eles, por que não??
Eu uso um fretless de 4, um outro com trastes de 5 com a corda extra afinada em C e um um estilo Jazz Bass de 4. Quando preciso de um grave "pornográfico nas profundezas" (como dizia Luizão Maia) uso um pedal oitavador e resolvo. Ouço muitos estilos de música, mas pouquíssimas gravações senti uma presença clara da corda afinada em "B", não me empolguei muito e como não dependo mais destes produtores fanfarrões da "moda" , digo o que tenho e se gostou tudo bem, se não gostou pega o cara ali da esquina.
Seja honesto com sua arte. Ao ouvir pela primeira vez uma música que te agrada, voce não sabe se o artista é branco, negro, amarelo, azul ou se ele tocou com o Baixo Fenda, Musicwoman, Distonante, Fodela etc...
Boa sorte a todos e jamais percam o prazer de tocar, tocando o que não gostam, com quem não suportam.........
Mauronog
Mauronog
Membro

Mensagens : 101
Localização : Teresopolis - Rj

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por klaus.coelho em Qui Jun 28, 2012 11:52 pm

Mauronog escreveu:
Boa sorte a todos e jamais percam o prazer de tocar, tocando o que não gostam, com quem não suportam.........

Smile
klaus.coelho
klaus.coelho
Membro

Mensagens : 154
Localização : BH

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Leo Limabass em Ter Jul 10, 2012 11:51 pm

se vc quiser tocar como sideman, o melhor é treinar em um 5 cordas impreterivelmente !

Leo Limabass
Leo Limabass
Membro

Mensagens : 170
Localização : Mauá, São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Leo Limabass em Ter Jul 10, 2012 11:57 pm

já perdi um trabalho de gravação de CD, por não ter um baixo à altura.

Agora estou só esperando o meu MMSR5 chegar e ver se as coisas vão melhorar... rsrs
Leo Limabass
Leo Limabass
Membro

Mensagens : 170
Localização : Mauá, São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Claudio Rocha em Sab Jul 14, 2012 11:33 am

klaus.coelho escreveu:Amigos,

Minha pergunta é simples, vocês acreditam que no Brasil há uma tendência de "conseguir trabalhos mais facilmente, caso você tenha baixos clássicos consagrados como Fender e Musicman" ?

Vocês já viram isso?

Pois ouvi algumas coisas à respeito, que os proprietários de instrumentos dessas marcas ficam na "preferência" em relação aos baixistas que tem instrumentos de marcas de pouco renome ou de lutheria, na hora que precisam de alguém para gravar principalmente.
Quando comecei a pegar gravação de porte maior, em estúdios mais chiques, alguns técnicos torceram o nariz pelo fato de eu usar um baixo de luthier… foi meio complicado durante um tempo, mas a coisa mudou "da água pro vinho" no momento em que gravei um "hit". De repente, os caras perguntavam: "você gravou 'aquela música com esse Ladessa?".

Acho que, apesar de ainda acontecer hoje, a coisa mudou um pouco, já que muitos músicos conhecidos têm usado marcas de instrumento diferentes, e alguns luthiers brasileiros têm sido associados à criação de instrumentos de qualidade. Por outro lado, ter alguns baixos "clássicos" pode ter um efeito psicológico nos clientes, até para que eles compreendam que você tem seu baixo "alternativo" por uma simples questão de opção.
Claudio Rocha
Claudio Rocha
Membro

Mensagens : 625
Localização : Santo André, SP

http://www.captainbasement.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por klaus.coelho em Seg Jul 16, 2012 1:47 am

Parabéns pela entrevista na Coverbaixo! me acrescentou algo. valeu
klaus.coelho
klaus.coelho
Membro

Mensagens : 154
Localização : BH

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Amagomes em Seg Jul 16, 2012 9:04 am

Claudio Rocha escreveu:
Por outro lado, ter alguns baixos "clássicos" pode ter um efeito psicológico nos clientes, até para que eles compreendam que você tem seu baixo "alternativo" por uma simples questão de opção.

Sim, e não porque "seja pior" do que o cara que tem um "clássico"...Acho que eles pensam que Fender, Gibson, Music Man tem poderes mágicos que fazem com que seus donos "toquem mais" e que somente as gravações feitas com essas marcas fiquem "profissionais". Taí o próprio testemunho do Claudio, um dos baixistas mais requisitados e que enfrentou "narizes torcidos" por causa dessa babaquice...me desculpem mas essa questão me irrita profundamente bash
Amagomes
Amagomes
Membro

Mensagens : 5194
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Zubrycky em Seg Jul 16, 2012 7:04 pm

Não sou o que se pode ser chamado de sideman, mas nas duas vezes em que fiz algo nessa linha ninguém me pediu para gravar com algum baixo específico (Talvez isso tenha acontecido porque as pessoas para as quais gravei me conheciam, mas, por outro lado, o fato delas me conhecerem não as impediriam de me pedir para usar algum instrumento em especial).

Nestas duas ocasiões, eu simplesmente peguei meu Ibanez SG - o baixo que julguei mais apropriado para os estilos a ser gravados (Pop em uma gravação e MPB em outra) - e gravei (Falando nisso, recebi nestes dias a notícia de que aquele trabalho de MPB do qual fiz parte será lançado em breve Very Happy )
Zubrycky
Zubrycky
Membro

Mensagens : 14283
Localização : São Paulo

https://www.youtube.com/zubrycky

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por williamfernandes em Seg Jul 16, 2012 7:23 pm

As pessoas veem a qualidade do piloto pelo carro que ele tem! No

williamfernandes
Membro

Mensagens : 257
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Para os Freelancers e Side Men Empty Re: Para os Freelancers e Side Men

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum