Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por vcrz Ter Nov 24, 2020 2:05 pm

Dois baixos que me chamaram muito atenção em questão de trastes e tocabilidade foram o Warwick Fortress one 1996 e o atual Pedulla Thunderbolt 1995. Ambos com trastes já abaixo de 50% pra menos, porém retificados e bem corrigidos sem trastejamento ou rebaixo em nenhuma das casas.  A ação super baixa, e o conforto na digitação me supreendem muito nesses instrumentos de trastes retificados de altura bem mais baixa que original de fábrica.

O Pedulla voltou hoje do luthier e na hora que eu peguei o baixo do stand pelo braço eu já fiquei de queixo caído. Único baixo que eu tinha tocado com ação tão baixa e confortável foram os MTD custom do Michael Tobias na NAMM, a sensação do pedulla foi igual.

Minha questão é:

Será que traste é que nem panela velha?

Eu gostei tanto no warwick, que mesmo comprando os trastes de bronze novos, não instalei imediatamente, vendi sem instalar.

O pedulla ainda tem "mais" traste que o warwick, porém é visível que está baixo, mas a tocada é fenomenal com digitação super "leve".

Por anos nunca gostei de ação "touchscreen", mas desde o warwick com o braço tora e escala quase flat, peguei gosto nesse estilo e mudei meu estilo de tocar com dedos mais leves.

A comparação dos outros baixos que tenho em casa, com ação baixa, mas trastes em 90% é noite pro dia. Todos são super confortáveis, fáceis de tocar, porém o pedulla de trastes em "final de vida" (talvez com só mais uma retífica possível) deixaram o baixo realmente com aquela sensação de "boutique" de algo que foi pensado na tocabilidade. Alberto, o luthier, disse que o pedulla foi super fácil de fazer retífica e ficou surpreendido com a estabilidade do braço, já que precisou apenas um pequeno ajuste no tensor, mas bem pequeno segundo ele, ajuste no tensor e o braço já estava perfeito.

Enfim, sei que toda opinião é diferente que talvez boa parte prefira os trastes novos, mas hoje depois do segundo instrumento com trastes em final de vida, deu vontade de mandar desgastar todos os outros trastes dos outros baixos pq descobri que gosto de traste velho mesmo.
vcrz
vcrz
Membro

Mensagens : 952
Localização : San Pedro Garza Garcia, Nuevo Leon, México

Stormbringer e hiago_ar gostam desta mensagem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por vinibassplayer Ter Nov 24, 2020 3:39 pm

nao entendo nada da relação de altura do traste com a regulagem geral, mto menos no quesito tocabilidade, só sei q tem q estar nivelado kkkk

marcando pra acompanhar o desenrolar do topico
vinibassplayer
vinibassplayer
Membro

Mensagens : 1320
Localização : Corinto - MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola Ter Nov 24, 2020 3:41 pm

Será que traste é que nem panela velha?
Não acho...
Trata-se apenas de instrumentos com um trabalho de trastes bem feito (e braço idem) e uma questão que luthiers como Jacimário e Samuel Martins já vinham debatendo à tempos: A "superioridade" (avaliação minha e subjetiva) de trastes finos e baixos sobre os altos e largos (coisa com a qual concordo).
Outro dia mesmo, trabalhando em um Aria de um cliente, cujos trastes eram altos e largos (estilo "jumbão), pelejei para conseguir uma ação baixa e conforto na digitação do instrumento (e, na minha avaliação pessoal, não consegui). O cliente, acostumado à ação alta, ao tocar o baixo ficou surpreso!
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 16619
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por vcrz Ter Nov 24, 2020 4:49 pm

^ concordo no ponto de vista de tamanho e altura de traste + bom trabalho de nivelação indifere o tamanho e altura dos trastes para uma boa digitação.

Entretato nestes dois casos, de trastes em altura mais baixa do que tocamos normalmente, a experiência de tocar é totalmente diferente e positiva, e me atrevo a dizer surpreendente.

Tanto que todos os baixos, o que eu sinto saudade até hoje é o Warwick Fortress one pelo braço, que quase tocava sozinho de tão fácil era sua tocada.

Vejo muito nos anúncios do reverb e talkbass que os muitos vendedores sempre mencionan o desgaste do frets dos baixos que estão vendendo (70%, 90% etc), mas não vejo hoje um baixo com trastes em final de vida como algo "ruim".

Juro que fiz uma cara feia quando peguei o warwick e fui procurar sobre a reposição dos trastes, porém ao final de 2 anos nunca me incomodou o fato de estarem em final de vida (não tenho foto, mas estamos falando de menos de 2mm de traste, talvez 1.5mm na época), pelo contrário cuidava pra estender o máximo a troca deles porque sabia que que os trastes novos não teriam a mesma sensação.


Última edição por vcrz em Ter Nov 24, 2020 11:34 pm, editado 1 vez(es)
vcrz
vcrz
Membro

Mensagens : 952
Localização : San Pedro Garza Garcia, Nuevo Leon, México

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por Fernando Zadá Ter Nov 24, 2020 9:26 pm

Pelo que sei a Dingwall por exemplo usa trastes super finos, estilo os bandolim ou algo do gênero, nos baixos.
Fernando Zadá
Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 12875

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por Ivanov_br Qua Nov 25, 2020 3:27 am

^ são as preferidas pelo Leland Sklar.
Ivanov_br
Ivanov_br
Moderador

Mensagens : 6661
Localização : Rio Grande do Sul

https://www.youtube.com/channel/UCvQX63TyNr1dZmqGCexKANQ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por hiago_ar Qua Nov 25, 2020 8:31 am

Adorei o tópico, vou acompanhar.
Muito massa, descobrir mais essa particularidade do intrumento. Não fazia ideia que isso era algo que devia ser considerado também.

Como trastes gastos afetam o som?
hiago_ar
hiago_ar
Membro

Mensagens : 32
Localização : Maracanaú - Ceará

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por JAZZigo Qua Nov 25, 2020 9:03 am

Fernando Zadá escreveu:Pelo que sei a Dingwall por exemplo usa trastes super finos, estilo os bandolim ou algo do gênero, nos baixos.
Isso faz todo sentido, pois a superfície de contato entre cordas e trastes na diagonal é maior que na perpendicular e o ideal é que este contato seja o menor possível.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 14377
Localização : Asa Norte, Brasília-DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por JAZZigo Qua Nov 25, 2020 9:07 am

vcrz escreveu:^ concordo no ponto de vista de tamanho e altura de traste + bom trabalho de nivelação indifere o tamanho e altura dos trastes para uma boa digitação.

Entretato nestes dois casos, de trastes em altura mais baixa do que tocamos normalmente, a experiência de tocar é totalmente diferente e positiva, e me atrevo a dizer surpreendente.

Tanto que todos os baixos, o que eu sinto saudade até hoje é o Warwick Fortress one pelo braço, que quase tocava sozinho de tão fácil era sua tocada.

Vejo muito nos anúncios do reverb e talkbass que os muitos vendedores sempre mencionan o desgaste do frets dos baixos que estão vendendo (70%, 90% etc), mas não vejo hoje um baixo com trastes em final de vida como algo "ruim".

Juro que fiz uma cara feia quando peguei o warwick e fui procurar sobre a reposição dos trastes, porém ao final de 2 anos nunca me incomodou o fato de estarem em final de vida (não tenho foto, mas estamos falando de menos de 2mm de traste, talvez 1.5mm na época), pelo contrário cuidava pra estender o máximo a troca deles porque sabia que que os trastes novos não teriam a mesma sensação.
IMHO, isso é tudo mera questão de gosto/necessidade pessoal e, até por isso, existem trastes com dimensões, shapes e materiais de variados tipos.

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida FW6230
https://www.warmoth.com/Fretwire-C216.aspx
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 14377
Localização : Asa Norte, Brasília-DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por Vinicius F Qua Nov 25, 2020 9:11 am

Interessante o ponto. Tb tenho um WW da década de 90 com trastes em fim de vida, e é de longe o instrumento de ação mais baixa e fácil de tocar que já tive ("toca sozinho"). O único porém é que com os trastes mais desgastados, pra quem gosta de ação mais alta (não é meu caso), o som característico dos WW acaba se perdendo um pouco.
Vinicius F
Vinicius F
Membro

Mensagens : 1046
Localização : São Paulo - SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por NeyBass Qua Nov 25, 2020 9:56 am

JAZZigo escreveu:
vcrz escreveu:^ concordo no ponto de vista de tamanho e altura de traste + bom trabalho de nivelação indifere o tamanho e altura dos trastes para uma boa digitação.

Entretato nestes dois casos, de trastes em altura mais baixa do que tocamos normalmente, a experiência de tocar é totalmente diferente e positiva, e me atrevo a dizer surpreendente.

Tanto que todos os baixos, o que eu sinto saudade até hoje é o Warwick Fortress one pelo braço, que quase tocava sozinho de tão fácil era sua tocada.

Vejo muito nos anúncios do reverb e talkbass que os muitos vendedores sempre mencionan o desgaste do frets dos baixos que estão vendendo (70%, 90% etc), mas não vejo hoje um baixo com trastes em final de vida como algo "ruim".

Juro que fiz uma cara feia quando peguei o warwick e fui procurar sobre a reposição dos trastes, porém ao final de 2 anos nunca me incomodou o fato de estarem em final de vida (não tenho foto, mas estamos falando de menos de 2mm de traste, talvez 1.5mm na época), pelo contrário cuidava pra estender o máximo a troca deles porque sabia que que os trastes novos não teriam a mesma sensação.
IMHO, isso é tudo mera questão de gosto/necessidade pessoal e, até por isso, existem trastes com dimensões, shapes e materiais de variados tipos.

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida FW6230
https://www.warmoth.com/Fretwire-C216.aspx

JAZZigo, vc sabe qual traste é usado no MM stingray?
NeyBass
NeyBass
Membro

Mensagens : 4509
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por Fernando Zadá Qua Nov 25, 2020 12:03 pm

JAZZigo escreveu:
Fernando Zadá escreveu:Pelo que sei a Dingwall por exemplo usa trastes super finos, estilo os bandolim ou algo do gênero, nos baixos.
Isso faz todo sentido, pois a superfície de contato entre cordas e trastes na diagonal é maior que na perpendicular e o ideal é que este contato seja o menor possível.

Putz não sei te dizer se aumenta tanto assim o contato por ele estar na diagonal mas pode ser a razão sim. Mas diria que o aumento deve ser de um cabelimetro ... Rsssss
Fernando Zadá
Fernando Zadá
Moderador

Mensagens : 12875

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por allexcosta Qua Nov 25, 2020 3:34 pm

Mesmo pra quem toca leve, a corda serve uma deformação óbvia quando é pressionada sobre um traste. Quanto mais baixo esse traste, menor essa deformação... E isso muda no feel e na pegada...

Por isso existem muitos modelos de trastes.
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 50467
Localização : Terra

hiago_ar gosta desta mensagem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por allexcosta Qua Nov 25, 2020 3:37 pm

Fernando Zadá escreveu:Pelo que sei a Dingwall por exemplo usa trastes super finos, estilo os bandolim ou algo do gênero, nos baixos.

A Lakland também.

Um amigo meu que toca 5 cordas tava querendo um baixo tipo Fender, mas de outra marca, já que os 5 cordas da Fender não são tão legais.

Recomendei um JO5 e ele estranhou bastante os trastes no primeiro dia. Do segundo dia em diante passou a amar os trastes mais finos e não quer saber de outra coisa.
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 50467
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por bodhan Qua Nov 25, 2020 5:22 pm

Já comentei em outro tópico sobre um baixo que tenho com trastes de banjo. Não sei bem o porque, mas fica muito confortável para tocar. Este baixo também tem o raio da escala mais plano, diferente do Fender JB que tenho, cujo raio é mais acentuado. Achava que o raio ajudava no conforto, mas acho o braço mais plano mais confortável ...
bodhan
bodhan
Membro

Mensagens : 1780
Localização : sp-sp

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por vcrz Qua Nov 25, 2020 5:31 pm

^ aqui a mesma coisa, braço mais plano acho muito mais confortável.
vcrz
vcrz
Membro

Mensagens : 952
Localização : San Pedro Garza Garcia, Nuevo Leon, México

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por Zubrycky Qui Nov 26, 2020 8:09 pm

Ivanov_br escreveu:^ são as preferidas pelo Leland Sklar.

Algum dia desses mandarei instalar esse tipo de traste em algum baixo.
Zubrycky
Zubrycky
Membro

Mensagens : 15361
Localização : São Paulo

https://www.youtube.com/zubrycky

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por Fabio Linhares Qui Nov 26, 2020 9:06 pm

NeyBass escreveu:
JAZZigo escreveu:
vcrz escreveu:^ concordo no ponto de vista de tamanho e altura de traste + bom trabalho de nivelação indifere o tamanho e altura dos trastes para uma boa digitação.

Entretato nestes dois casos, de trastes em altura mais baixa do que tocamos normalmente, a experiência de tocar é totalmente diferente e positiva, e me atrevo a dizer surpreendente.

Tanto que todos os baixos, o que eu sinto saudade até hoje é o Warwick Fortress one pelo braço, que quase tocava sozinho de tão fácil era sua tocada.

Vejo muito nos anúncios do reverb e talkbass que os muitos vendedores sempre mencionan o desgaste do frets dos baixos que estão vendendo (70%, 90% etc), mas não vejo hoje um baixo com trastes em final de vida como algo "ruim".

Juro que fiz uma cara feia quando peguei o warwick e fui procurar sobre a reposição dos trastes, porém ao final de 2 anos nunca me incomodou o fato de estarem em final de vida (não tenho foto, mas estamos falando de menos de 2mm de traste, talvez 1.5mm na época), pelo contrário cuidava pra estender o máximo a troca deles porque sabia que que os trastes novos não teriam a mesma sensação.
IMHO, isso é tudo mera questão de gosto/necessidade pessoal e, até por isso, existem trastes com dimensões, shapes e materiais de variados tipos.

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida FW6230
https://www.warmoth.com/Fretwire-C216.aspx

JAZZigo, vc sabe qual traste é usado no MM stingray?
Tb gostaria de saber
Fabio Linhares
Fabio Linhares
Membro

Mensagens : 1168

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por JAZZigo Qui Nov 26, 2020 9:51 pm

[quote="NeyBass"]
JAZZigo escreveu:JAZZigo, vc sabe qual traste é usado no MM stingray?
ahn
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 14377
Localização : Asa Norte, Brasília-DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trastes novos VS Trastes retificados final de vida Empty Re: Trastes novos VS Trastes retificados final de vida

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum