Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Página 9 de 20 Anterior  1 ... 6 ... 8, 9, 10 ... 14 ... 20  Seguinte

Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Cantão em Sab Mar 30, 2019 7:41 am

Mauricio Luiz Bertola escreveu:Essa moça, recém eleita deputada, é um fio de esperança. Vejam a pancada que ela dá no (des)Ministro da Educação (sic!):
https://www.youtube.com/watch?v=4bhM8r0ZKEQ
Essa moça me representa... hail
Cantão
Cantão
Moderador

Mensagens : 18634
Localização : Bauru

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por MINGO em Sab Mar 30, 2019 7:07 pm

Ainda há esperança!!!

MINGO
MINGO
Membro

Mensagens : 590
Localização : são paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sab Mar 30, 2019 7:50 pm

MINGO escreveu:Ainda há esperança!!!


Amém!!!!
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3639
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Sab Mar 30, 2019 9:18 pm

MINGO escreveu:Ainda há esperança!!!


Deus te ouça...
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Sab Mar 30, 2019 9:22 pm

MINGO escreveu:Ainda há esperança!!!

De quê?

Porque tem uma guria ou duas com cognição básica existe esperança pra o Brasil?
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 45847
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Quando o assunto é educação, eu sou muito chato!!!

Mensagem por JAZZigo em Dom Mar 31, 2019 3:14 am

Mauricio Luiz Bertola escreveu:Essa moça, recém eleita deputada, é um fio de esperança. Vejam a pancada que ela dá no (des)Ministro da Educação (sic!):
https://www.youtube.com/watch?v=4bhM8r0ZKEQ
Chega de mitos, pessoal.  Evil or Very Mad

"Muitos de nós viemos aqui, não esperando resultados, são três meses afinal, mas sim, algum indício de que havia um planejamento estratégico, de que HAVIAM metas, de que HAVIAM dados, de que HAVIAM projetos reais e não apenas uma lista de desejo.” (Deputada Tábata Amaral - PDT/SP, Câmara dos Deputados, 27/03/2019)

Bom lembrar que o verbo HAVER, no sentido de EXISTIR, é impessoal, ou seja, sua conjugação só acontece na 3ª pessoa do singular, portanto, neste caso (modo/tempo): HAVIA.

Convenhamos, a jovem e linda acadêmica diplomada em Harvard etc. só não se deu mal, porque a execrável figura do Ministro colombiano é de uma cretinice descomunal…  puke

Veléz precisa ser demitido e a Tábata, estudar um pouquinho mais da língua portuguesa. Rolling Eyes
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Dom Mar 31, 2019 9:23 am

^ Ela deu outras pedradas durante a fala.

Sinceramente, não achei que a desabonaram, pois era um momento de ânimo um pouco alterado e sei como funciona o cérebro de alguém que viveu uma segunda língua por muitos anos. Tenho certeza de que ela não cometeria o mesmo erro em um texto escrito.

Pior é o ministro, que nem Português fala.
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 45847
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NETOULTRA em Dom Mar 31, 2019 9:55 am

allexcosta escreveu:
MINGO escreveu:Ainda há esperança!!!

De quê?

Porque tem uma guria ou duas com cognição básica existe esperança pra o Brasil?
Tô ctng Alex, apesar de alguns me taxarem de Bolsominion se olharem minhas postagens vão ver q sempre afirmei q não tem jeito, o Brasil continua sendo a m$%& q sempre foi independente do palhaço q tá lá... O q me indigna é a esquerda querer dsenhar q AGORA tudo está ruim e bagunçado, aí já é hipocrisia demais q aliás é mais um comportamento previsível do lixo de sociedade q somos... Ou seja tu normal...

NETOULTRA
Membro

Mensagens : 4428
Localização : Belém - Made in Ceará

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Dom Mar 31, 2019 10:13 am

NETOULTRA escreveu:Tô ctng Alex, apesar de alguns me taxarem de Bolsominion se olharem minhas postagens vão ver q sempre afirmei q não tem jeito, o Brasil continua sendo a m$%& q sempre foi independente do palhaço q tá lá... O q me indigna é a esquerda querer dsenhar q AGORA tudo está ruim e bagunçado, aí já é hipocrisia demais q aliás é mais um comportamento previsível do lixo de sociedade q somos... Ou seja tu normal...

Acho que há um problema crônico de cognição no Brasil.

Esse tipo de debate (foi quase um monólogo na verdade) existe 10x por dia em qualquer país civilizado. As pessoas pensam, possuem uma linha de raciocínio coesa, argumentam de maneira razoável, etc...

Esse ministro aí mesmo. O cara tem quantos anos de Brasil? O simples fato dele não falar Português já indica uma cognição limitada.

E o Brasil é um país que não fomenta a cognição privilegiada. O filho de uma pessoa da minha família, por exemplo, tem 11 anos de idade, fala 4 línguas de maneira avançada incluindo Inglês fluente. Nunca tomou um curso na vida, aprendeu sozinho... A família é humilde e não pode pagar cursos. Ele discute conceitos como teoria das cordas, fractais e coisas do gênero como se estivesse falando de um jogo infantil. A mãe já levou pra exames e eles possuem atestado de habilidades especiais, o que praticamente é um papel oficial dizendo que o menino é um gênio.

É uma família que tem dificuldade de pagar o transporte pra o menino ir pra escola. Pergunte se o governo desse país já ofereceu alguma coisa pra essa família, como transporte gratuito, livros, uma visita ao Ita, ou sei lá... Nada. É uma mente diferenciada perdida numa escola comum, com colegas comuns, tirando nota máxima em tudo sem sequer precisar estudar.

Na Alemanha, por exemplo, uma criança assim vai pra uma sala especial de alta cognição com 4 ou 5 anos de idade. Nos EUA, com 11 anos a família já receberia uma visita do MIT com uma ajuda de custo e uma bolsa.

Enfim, a cognição do Brasileiro é tão bizarra que muitas vezes essas pessoas sem noção que fecham corredores no super mercado pra conversar nem sequer se tocam do que estão fazendo. Não é nem maldade. É burrice mesmo...
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 45847
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Dom Mar 31, 2019 3:59 pm

Creio que a maioria já deve ter visto (ao menos partes de) a apresentação do Eduardo Moreira no Senado sobre a Previdência. Mas aqui tem a versão "full":

https://www.youtube.com/watch?v=mVzTJ0ZM1ZI

Palestra na integra de Eduardo Moreira na TV Senado sobre a Reforma da Previdência em audiência no Senado Federal em Brasília.

peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 511
Localização : Banânia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 02, 2019 11:16 am

Bolsonarismo tenta transformar teses excêntricas no novo normal
Declarações do presidente e sua base não têm respaldo na história e na ciência política


Pablo Ortellado
Folha de S. Paulo, 2.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/pablo-ortellado/2019/04/bolsonarismo-tenta-transformar-teses-excentricas-no-novo-normal.shtml

Todo dia o bolsonarismo difunde teses delirantes como a de que não houve ditadura no Brasil ou a de que o nazismo era de esquerda. Ninguém fora do círculo de fanáticos parece levar essas bobagens a sério, mas a situação pode mudar, já que as afirmações estão inseridas em uma ambiciosa estratégia de redefinir o normal.

O que as teses têm em comum não é apenas a divergência com o discernimento profissional de historiadores, filósofos e politólogos, mas o projeto de desbancar o juízo esclarecido, colocando-se como o novo senso comum.

Em entrevista na TV, na última quarta-feira (27), Bolsonaro afirmou que, como houve entrega pacífica do poder dos militares para os civis, não teria havido uma ditadura no Brasil a partir de 1964.

A tese não tem o menor respaldo na historiografia ou na ciência política, já que a cassação de políticos, a supressão de eleições, a censura e a perseguição a dissidentes são justamente os traços que caracterizam uma ditadura.

Num tuíte no começo de março, Olavo de Carvalho disse que em todo o Brasil não existe nenhum professor universitário qualificado para debater com ele.

Embora sua obra filosófica seja considerada primária e amadora pela filosofia profissional e o artigo que considera sua principal contribuição à filosofia nem sequer tenha sido aceito para publicação, ele acredita que sua megalomania e o reconhecimento de discípulos leigos seriam respaldo suficiente para se considerar o maior intelectual do país.

Em artigo no seu blog, no último sábado (30), o chanceler Ernesto Araújo afirmou que o nazismo “tinha traços fundamentais que recomendam classificá-lo na esquerda do espectro político”. Aqui também toda a historiografia profissional considera a tese absurda, já que o nazismo, desde a sua fundação, se colocou em oposição à esquerda.

Em aula na Assembleia Legislativa de São Paulo, em outubro do ano passado, o hoje deputado Luiz Philippe de Orleans e Bragança (PSL) apresentou uma classificação do espectro político brasileiro que considerava o DEM, de Ronaldo Caiado, e o PP, de Maluf, como sendo “de esquerda”, deixando para a direita apenas o PSL e o Novo.

Embora ninguém na ciência política ou nos demais partidos considere essa classificação aceitável, ele pode apresentá-la respaldado apenas pelo sentimento de renovação política.

Todos esses episódios manifestam o projeto de fazer com que um entendimento excêntrico aglutine força popular de tal magnitude que consiga gerar força gravitacional para desbancar o juízo estabelecido e fazer o mundo político orbitar em torno de si.


Pablo Ortellado

Professor do curso de gestão de políticas públicas da USP, é doutor em filosofia.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 02, 2019 11:20 am

Nazismo é de direita, define Museu do Holocausto visitado por Bolsonaro em Israel
Centro de memória em Jerusalém lembra vítimas de genocídio; Ernesto Araújo disse que nazismo era de esquerda


Caio Quero
Folha de S. Paulo / BBC NEWS BRASIL - 2.abr.2019 às 10h51
https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/04/nazismo-e-de-direita-define-museu-do-holocausto-visitado-por-bolsonaro-em-israel.shtml

JERUSALÉM - O presidente Jair Bolsonaro visita nesta terça-feira (2) o centro de memória do Holocausto Yad Vashem, em Jerusalém, museu público israelense que lembra as vítimas e aqueles que combateram o genocídio de seis milhões de judeus pelos nazistas.

Segundo o programa da visita, Bolsonaro visitará a exposição Flashes of Memory – Fotografia durante o Holocausto. Ele também depositará flores em homenagem às vítimas do nazismo e assinará o livro de honra do memorial.

Além do museu, o complexo Yad Vashem abriga um importante centro de pesquisas sobre o período nazista.

Em seu site, a instituição traz um breve histórico sobre a ascensão do partido nazista na Alemanha entre guerras.

Ao abordar a situação alemã após o Tratado de Versailles, que selou a paz entre as principais potências europeias após a Primeira Guerra, o museu explica que havia um clima de frustração que, "junto a intransigente resistência e alertas sobre a crescente ameaça do Comunismo, criou solo fértil para o crescimento de grupos radicais de direita na Alemanha, gerando entidades como o Partido Nazista".

A classificação do Partido Nazista como parte da direita vai de encontro com opiniões expressadas pelo ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

Em um post recente em seu blog, Metapolítica 17, Araújo escreveu que "a esquerda fica apavorada cada vez que ressurge o debate sobre a possibilidade de classificar o nazismo como movimento de esquerda", explicando que, em um sua opinião, o nazismo foi um movimento de esquerda.

"Livres dessa inibição, podemos facilmente notar que o nazismo tinha traços fundamentais que recomendam classificá-lo na esquerda do espectro político", escreveu o chanceler, que já havia expresso opiniões semelhantes em outras ocasiões.

Araújo fará parte da comitiva que acompanhará Bolsonaro na visita ao memorial.

DIREITA OU ESQUERDA?

A discussão sobre se o movimento nazista alemão teria as mesmas origens do marxismo ganhou fôlego com a polarização do debate político no Brasil.

Mas historiadores entrevistados pela BBC Brasil dizem que há uma "confusão de conceitos" que alimenta o debate e explicam que o movimento se apresentava como uma "terceira via".

"Tanto o nazismo alemão quanto o fascismo italiano surgem após a Primeira Guerra Mundial, contra o socialismo marxista —que tinha sido vitorioso na Rússia na revolução de outubro de 1917—, mas também contra o capitalismo liberal que existia na época. É por isso que existe essa confusão", afirma Denise Rollemberg, professora de História Contemporânea da Universidade Federal Fluminense (UFF).

"Não era que o nazismo fosse à esquerda, mas tinha um ponto de vista crítico em relação ao capitalismo que era comum à crítica que o socialismo marxista fazia também. O que o nazismo falava é que eles queriam fazer um tipo de socialismo, mas que fosse nacionalista, para a Alemanha. Sem a perspectiva de unir revoluções no mundo inteiro, que o marxismo tinha."

A ideia de uma "revolução social para a Alemanha" deu origem ao Partido Nacional-Socialista alemão, em 1919. O "socialista" no nome é um dos principais argumentos usados nos debates de internet que falam no nazismo como um movimento de esquerda, mas historiadores discordam.

"Me parece que isso é uma grande ignorância da História e de como as coisas aconteceram", disse à BBC Brasil Izidoro Blikstein, professor de Linguística e Semiótica da USP e especialista em análise do discurso nazista e totalitário.

"O que é fundamental aí é o termo 'nacional', não o termo 'socialista'. Essa é a linha de força fundamental do nazismo —a defesa daquilo que é nacional e 'próprio dos alemães'. Aí entra a chamada teoria do arianismo", explica.

'BESTEIRA COMPLETA'

Em setembro do ano passado, em entrevista ao jornal O Globo, o embaixador alemão no Brasil, Georg Witschel, afirmou ser "uma besteira completa" dizer que o nazismo foi um movimento político de esquerda. O diplomata afirmou que há amplo consenso entre historiadores alemães e mundiais de que Hitler liderava uma corrente política de direita.

As declarações de Witschel foram dadas depois que a divulgação de um vídeo explicativo sobre o nazismo, publicado pela embaixada embaixada da Alemanha no Brasil e pelo consulado alemão no Recife (PE), provocou forte reação nas redes sociais no Brasil. Muito brasileiro contestou a representação alemã no país, questionando se o Holocausto realmente existiu e afirmando que o nazismo foi um movimento de esquerda.

Com a legenda "Os alemães não escondem o seu passado. Saiba como se ensina história na Alemanha", o vídeo tem pouco mais de um minuto de duração. A ideia era ressaltar a importância de não se esquecer os crimes do nazismo entre 1933 e 1945, período em que o Holocausto levou à morte de cerca de seis milhões de judeus e de cinco milhões de pessoas de outros grupos, como homossexuais e ciganos.


BBC NEWS BRASIL
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Ter Abr 02, 2019 1:05 pm

JAZZigo escreveu:Bolsonarismo tenta transformar teses excêntricas no novo normal
Declarações do presidente e sua base não têm respaldo na história e na ciência política


Pablo Ortellado
Folha de S. Paulo, 2.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/pablo-ortellado/2019/04/bolsonarismo-tenta-transformar-teses-excentricas-no-novo-normal.shtml

Todo dia o bolsonarismo difunde teses delirantes como a de que não houve ditadura no Brasil ou a de que o nazismo era de esquerda. Ninguém fora do círculo de fanáticos parece levar essas bobagens a sério, mas a situação pode mudar, já que as afirmações estão inseridas em uma ambiciosa estratégia de redefinir o normal.

O que as teses têm em comum não é apenas a divergência com o discernimento profissional de historiadores, filósofos e politólogos, mas o projeto de desbancar o juízo esclarecido, colocando-se como o novo senso comum.

(.......)



Essa ação já era esperada por parte deste grupo, lastimavelmente. Exemplo recente, parte da propaganda política do candidato insistiu (insiste até hoje) naquela papagaiada do "kit gay", "mamadeira de piroca" e tantas bobagens outras. Mesmo após eleito, mantém o discurso, repetindo a ladainha mil vezes para que se torne "verdade", senão pela lógica e razão, ao menos pelo "cansaço"...

Veremos muito disso ainda neste governo. E esse nosso chancelaer (??) transforma-se em símbolo ímpar desta administração e desta ideologia, para deleite de seus sectários (e preocupação de todos nós outros, infelizmente...)
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 511
Localização : Banânia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Endossando a asneira...

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 02, 2019 3:10 pm

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Depositphotos_10876247-stock-photo-donkey-4-years

Após visitar o museu do Holocausto, Bolsonaro diz que nazismo é de esquerda


Beatriz Montesanti e Talita Marchao
Do UOL, em São Paulo - 02/04/2019 11h08. Atualizada em 02/04/2019 14h53.
https://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2019/04/02/em-ultimo-dia-em-israel-bolsonaro-visita-o-museu-do-holocausto.htm

Após visitar o museu do Holocausto de Israel, cujos estudos indicam que o nazismo foi um movimento de extrema-direita, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) endossou a posição de seu chanceler, Ernesto Araújo, e afirmou que o nazismo foi um movimento de esquerda.

Questionado na entrada de seu hotel, em Jerusalém, se concorda com a afirmação, Bolsonaro respondeu: "Sem dúvidas. É o Partido Nacional Socialista da Alemanha".
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty O Asno II...

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 02, 2019 3:17 pm

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 As_400x400

Bolsonaro diz 'não ter dúvida' de que nazismo é de esquerda
Em Jerusalém, presidente brasileiro defende homenagem feita ao Coronel Ustra durante votação do impeachment de Dilma Rousseff e ecoa seu chanceler, Ernesto Araújo, em relação ao movimento liderado por Adolf Hitler


Célia Froufe e Cristiano Dias, Enviados especiais a Jerusalém
O Estado de São Paulo, 02 de abril de 2019 | 14h35
https://internacional.estadao.com.br/noticias/geral,bolsonaro-diz-nao-ter-duvida-que-nazismo-e-de-esquerda,70002776683

JERUSALÉM - Depois de visitar nesta terça-feira, 2, o Yad Vashem, o Centro de Memória do Holocausto, em Jerusalém, o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, afirmou "não ter dúvidas" de que o nazismo foi um movimento de esquerda. A polêmica declaração foi feita em entrevista coletiva ao final de sua agenda oficial.

A afirmação do presidente, no entanto,  vai de encontro ao próprio museu visitado por ele, que diz em seu site que o Partido Nazista da Alemanha era um entre vários "grupos radicais de direita".

Inicialmente, a visita de Bolsonaro ao centro de memória também movimentou o Twitter, não pela visita em si, mas pela publicação recente do chanceler Ernesto Araújo de que o nazismo "foi um movimento de esquerda", agora ecoada pelo presidente.

A publicação de um vídeo da visita de Bolsonaro ao museu inflamou a discussão entre críticos e apoiadores do governo, bem como a discussão sobre o nazismo estar à esquerda ou à direita no espectro político. A movimentação tornou Holocausto uma das expressões mais citadas no Twitter do Brasil.

O que pensam os analistas?

Para o jornalista do Estado e historiador Marcos Guterman, o nazismo não pode ser qualificado como de esquerda em nenhuma circunstância. Em geral, quem usa esse discurso se vale do nome da legenda nazista: Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães. Há grupos na internet que costumam reproduzir essa ideia. “Mas é outro contexto. Não tem nada a ver com o socialismo marxista. Tem a ver com o sentido da totalidade da sociedade alemã”, afirmou ele.

Para Guterman, se trataria de uma argumentação insustentável cujo único objetivo seria o de mobilizar a militância. “Ele está respondendo a um pensamento do eleitor.” Em entrevista à Deustche Welle no ano passado, o embaixador da Alemanha no Brasil, Georg Witschel, chegou a afirmar que essa discussão “não tinha base honesta”.

O professor alemão Oliver Stuenkel, da área de relações internacionais da Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), diz que a afirmação faria parte do “submundo das conspirações”. Para Stuenkel, a argumentação traz constrangimento, mas há o entendimento de que ela não representa a totalidade do governo.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 02, 2019 4:34 pm

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Dreamstime_540822

Bolsonaro é incompetente político e limitado intelectualmente, diz cientista político
Para Sergio Fausto, superintendente do Instituto FHC, presidente estigmatiza a relação com o Congresso


Flavia Lima
Folha de S. Paulo, 2.abr.2019 às 15h35
https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2019/04/bolsonaro-e-incompetente-politico-e-limitado-intelectualmente-diz-cientista-politico.shtml

SÃO PAULO - Cientistas políticos criticaram nesta terça-feira (2) o desejo do mercado financeiro de ver o ministro da Economia, Paulo Guedes, à frente das negociações da reforma da Previdência com o Congresso.

A uma plateia formada basicamente por economistas, analistas e operadores do mercado, em evento organizado pelo Bradesco, o cientista político Luciano Dias disse que colocar Paulo Guedes na linha de frente da negociação com o Congresso é equivalente ao que ocorre nos filmes com o “mexicano no saloon” porque “ele vai ser o primeiro a levar tiro”.

Sergio Fausto, superintendente do Instituto FHC, afirmou ser improvável que Guedes ganhe vida própria no governo, se tornando um foco independente de poder porque, no regime democrático, o palco de negociação é o Congresso Nacional.

“Isso é sonho de uma noite de outono [do mercado financeiro]", afirmou Fausto, num trocadilho que faz alusão à peça Sonho de uma Noite de Verão, de William Shakespeare, uma comédia em que os personagens vivem em devaneios.

Para Fausto, o custo de interação do governo com o Congresso é elevado porque o presidente Jair Bolsonaro estigmatizou essa relação.

Dias, que está à frente da CAC Consultoria  disse que, ao se olhar apenas para a formação do governo, a perspectiva é de não aprovar reforma nenhuma. Ele não duvida, no entanto, que o governo Bolsonaro se dobre ao presidencialismo de coalização.

“O Congresso está jogando pelo manual, pelo que é razoável e racional. Falta Bolsonaro se adaptar a essa realidade e é isso que vai determinar o sucesso das reformas nos próximos dias", disse Dias.

Para Dias, formar coalizações políticas é básico e necessário e o discurso de Bolsonaro, que privilegia o patriotismo ou o amor à nação, não é suficiente. “Se patriotismo fosse um fator, militares não estariam contribuindo só com 7% da reforma da Previdência”, disse.


Segundo Dias, o país está amarrado a uma certa armadilha de baixo crescimento, o que significa que a taxa de popularidade do presidente tem viés de baixa. Uma possível saída para o imbróglio, disse ele, será formar uma coalização de "notáveis", com burocratas ligados a partidos.

Sergio Fausto afirmou que é "preciso ser politicamente muito incompetente para não aprovar uma reforma em meio à fraqueza da oposição e dos sindicatos e num cenário em que governadores, municípios e parte do Congresso se colocam a favor dela.

“Bolsonaro é incompetente do ponto de vista político e me parece muito limitado do ponto de vista intelectual. Uma pessoa que tem enorme dificuldade de compreensão da realidade", disse.
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Ter Abr 02, 2019 5:48 pm

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 603018978478162c79d6e7fd727cc187

Golpe de mestre
Em Israel, Jair Bolsonaro consegue a façanha de ficar mal com todas as partes


Hélio Schwartsman
Folha de S. Paulo, 2.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/helioschwartsman/2019/04/golpe-de-mestre.shtml

Na novela da transferência da embaixada brasileira de Tel Aviv para Jerusalém, Jair Bolsonaro conseguiu a façanha de ficar mal com todas as partes.

A bancada evangélica, os grupos mais ideológicos de seu governo, além, é claro, do premiê israelense, Binyamin Netanyahu, ficaram frustrados com o fato de o presidente ter recuado da promessa de campanha. Em vez de anunciar a mudança da embaixada durante sua visita ao Estado judeu, Bolsonaro limitou-se a dizer que abrirá um escritório comercial na cidade.

O problema é que mesmo esse pequeno prêmio de consolação basta para indispor o Brasil com os árabes. A Autoridade Palestina condenou a decisão e convocou seu embaixador para consultas. Há o receio de que outros países árabes e islâmicos adotem alguma represália comercial contra o Brasil. O alvo óbvio são as exportações de carne “halal” para o Oriente Médio, o que é motivo de preocupação para a bancada ruralista.

Nada disso é física nuclear. Se Bolsonaro tivesse consultado um especialista ou estudado ele mesmo a matéria por 20 minutos antes de fazer promessas, teria percebido que os ganhos potenciais não compensavam os riscos. É tolice incorrer na possibilidade de perdas reais para energizar um público que já estava fechado com a candidatura.

E isso nos leva ao ponto central da coluna. Das várias características do neopopulismo de direita que parece estar tomando conta do Ocidente, o anti-intelectualismo é a mais preocupante. A maior parte dos avanços socioeconômicos observados nos últimos 200 anos se deve ao acúmulo de conhecimento técnico, que passou a ser utilizado em políticas públicas. Pense em coisas como saneamento, programas de vacinação etc.

Ao desprezar o racionalismo e o saber de especialistas, a nova direita passa o rodo sobre o que deu certo ao longo da história e ainda abre flanco para criar novos problemas desnecessários, como fez Bolsonaro.

Hélio Schwartsman
Jornalista, foi editor de Opinião. É autor de "Pensando Bem…".
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Ter Abr 02, 2019 6:05 pm

JAZZigo escreveu:
Bolsonaro é incompetente político e limitado intelectualmente, diz cientista político
Para Sergio Fausto, superintendente do Instituto FHC, presidente estigmatiza a relação com o Congresso


Flavia Lima
Folha de S. Paulo, 2.abr.2019 às 15h35
https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2019/04/bolsonaro-e-incompetente-politico-e-limitado-intelectualmente-diz-cientista-politico.shtml

(....)

“Bolsonaro é incompetente do ponto de vista político e me parece muito limitado do ponto de vista intelectual. Uma pessoa que tem enorme dificuldade de compreensão da realidade", disse.

Muito bom o texto acima, mas, em minha humilde opinião, nosso presidente pode ser pouco culto, até mesmo obtuso, mas muito longe de ser um tolo. Se o fosse, aliás, não teria chegado onde chegou, obtendo o apoio que conseguiu de importantes e poderosos grupos...

Creio que nem ele próprio acredita realmente neste monte de bobagens e tolices que diz diariamente. “Nazismo de esquerda”, “revolução de 64”, “marxismo cultural”, “kit gay”, “perigo amarelo”, etc, etc são, compreendo, nada mais que uma “política/estratégia de poder”, mesmo que informal. Como ele não consegue obter números e índices favoráveis na economia, nos direitos humanos, na infraestrutura e socialmente, de forma mais ampla, busca apoios (popular e político) inventando um “inimigo comum e poderoso” contra o qual se elege a “solução”, o “remédio” únicos, e passa a reafirmar isso continuamente, para todos, para que um número cada vez maior de sectários seja inundado por essas mentiras e, quase sem oportunidade de buscar a lógica e a razão, passem a tê-las (as mentiras) como “verdades”, o que, por consequência, legitima o presidente em seu cargo de “salvador”, defensor destas ideias e ideologias "do bem".

Isso já foi aplicado no mundo inteiro (nazistas contra os judeus, militares no Brasil contra os “comunistas”, ditadura argentina com a Guerra das Malvinas nos anos 80, Getúlio Vargas contra os comunistas, etc). O próprio Luciano Dias, no texto acima, a isso relaciona, quando faz alusão à máxima do “grande patriotismo dos militares”, informação esta que nos foi vendida durante décadas, mas que não resiste a um exame mais atento e minucioso do que realmente ocorreu em 21 anos de ditadura e, aliás, acontece até hoje, com corrupção, favorecimentos, despotismo, nepotismo, etc.

Em síntese, essa estratégia funciona ? Já funcionou antes e ainda funciona, sim. Até quando ? Não sabemos...
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 511
Localização : Banânia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Ter Abr 02, 2019 8:15 pm

O papel dele é dizer essa besteirada aí...
Enquanto milhões de bestializados ou fanatizados aplaudem...
E quem manda de fato faz as suas...
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Ter Abr 02, 2019 11:13 pm

JAZZigo escreveu:

Após visitar o museu do Holocausto, Bolsonaro diz que nazismo é de esquerda


Beatriz Montesanti e Talita Marchao
Do UOL, em São Paulo - 02/04/2019 11h08. Atualizada em 02/04/2019 14h53.
https://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2019/04/02/em-ultimo-dia-em-israel-bolsonaro-visita-o-museu-do-holocausto.htm

Após visitar o museu do Holocausto de Israel, cujos estudos indicam que o nazismo foi um movimento de extrema-direita, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) endossou a posição de seu chanceler, Ernesto Araújo, e afirmou que o nazismo foi um movimento de esquerda.

Questionado na entrada de seu hotel, em Jerusalém, se concorda com a afirmação, Bolsonaro respondeu: "Sem dúvidas. É o Partido Nacional Socialista da Alemanha".

Creio que a observação do cientista político alemão Kai Michael Kenkel, professor do Instituto de Relações Internacionais da PUC-Rio e pesquisador associado do Instituto Alemão de Estudos Globais e Regionais (Giga) define bem isso tudo:

"Nunca tinha visto essa discussão sobre o nazismo ser de esquerda na Alemanha", afirma Kenkel. "Lá é muito simples: trata-se de extrema direita e pronto. Essa discussão sobre ser de esquerda ou direita parece existir só no Brasil. Se você perguntar para um neonazista na Alemanha se ele é de esquerda, vai levar uma porrada", continua. "Essa falsa polêmica demonstra que o ensino de história no nível básico é profundamente falho no Brasil. Também mostra uma profunda manipulação dos fatos e um desprezo pela verdade entre alguns setores no Brasil."

E a matéria completa:
https://www.terra.com.br/noticias/mundo/europa/brasileiros-criam-debate-que-nao-existe-na-alemanha,0f5313a29dcc77f7e3b67eedc70c1da1fiv62wy2.html
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 511
Localização : Banânia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Abr 03, 2019 8:32 am

peter.forc escreveu:
JAZZigo escreveu:

Após visitar o museu do Holocausto, Bolsonaro diz que nazismo é de esquerda


Beatriz Montesanti e Talita Marchao
Do UOL, em São Paulo - 02/04/2019 11h08. Atualizada em 02/04/2019 14h53.
https://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2019/04/02/em-ultimo-dia-em-israel-bolsonaro-visita-o-museu-do-holocausto.htm

Após visitar o museu do Holocausto de Israel, cujos estudos indicam que o nazismo foi um movimento de extrema-direita, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) endossou a posição de seu chanceler, Ernesto Araújo, e afirmou que o nazismo foi um movimento de esquerda.

Questionado na entrada de seu hotel, em Jerusalém, se concorda com a afirmação, Bolsonaro respondeu: "Sem dúvidas. É o Partido Nacional Socialista da Alemanha".

Creio que a observação do cientista político alemão Kai Michael Kenkel, professor do Instituto de Relações Internacionais da PUC-Rio e pesquisador associado do Instituto Alemão de Estudos Globais e Regionais (Giga) define bem isso tudo:

"Nunca tinha visto essa discussão sobre o nazismo ser de esquerda na Alemanha", afirma Kenkel. "Lá é muito simples: trata-se de extrema direita e pronto. Essa discussão sobre ser de esquerda ou direita parece existir só no Brasil. Se você perguntar para um neonazista na Alemanha se ele é de esquerda, vai levar uma porrada", continua. "Essa falsa polêmica demonstra que o ensino de história no nível básico é profundamente falho no Brasil. Também mostra uma profunda manipulação dos fatos e um desprezo pela verdade entre alguns setores no Brasil."

E a matéria completa:
https://www.terra.com.br/noticias/mundo/europa/brasileiros-criam-debate-que-nao-existe-na-alemanha,0f5313a29dcc77f7e3b67eedc70c1da1fiv62wy2.html

O problema não é que o ensino de História seja falho no Brasil, mas sim o ensino como um todo. Ademais ele não está levando em consideração dois níveis de "doutrinação" ideológica no Brasil que generalizaram-se nos anos 2000 (e antes) com grande sucesso: A Internet (redes sociais, you2b, etc), que foram "aparelhadas" por todo o tipo de excrescências ideológicas (a "direita" foi muito bem sucedida nisso...) e as Igrejas evangélicas neo-pentecostais adeptas da "Teologia da Prosperidade" e que não são sérias e não passam de agências de manipulação e exploração do povo. Em ambos os casos essas instâncias foram bem sucedidas porque a educação brasileira passou por um processo de desconstrução sistemática (e cujo cerne é a desvalorização total do Professor) nos últimos 50 anos (ou mais!), o que "abriu a brecha" para o sucesso dessa manipulação. Levaremos 100 anos no mínimo para reverter esse quadro...
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Qua Abr 03, 2019 10:28 am

O ensino da história é falho no mundo inteiro.

A história é contada segundo quem tem o poder e as mesmas pessoas tem o poder há muitos séculos.
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 45847
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Abr 03, 2019 11:01 am

allexcosta escreveu:O ensino da história é falho no mundo inteiro.

A história é contada segundo quem tem o poder e as mesmas pessoas tem o poder há muitos séculos.
Allex, desculpe mas isso não é verdade mais hoje em dia...
Há toda uma vertente historiográfica crítica que procura resgatar a "História dos Vencidos".
No Brasil historiadores como Ronaldo Vainfas e Edgard DeDecca (só para citar dois...), buscam trabalhar com esses que a Historiografia Positivista, oficial, não "vê"... Em 1988, a historiadora francesa Michelle Perrot reuniu uma série de artigos escritos, entre as décadas de 1970 e 1980, e produziu uma obra sob o título de "Os excluídos da História", que teve grande impacto acadêmico e passou a nortear pesquisas no mundo todo.
É muito difícil produzir História dessa forma quanto mais se recua no tempo, posto que documentos, de uma forma geral, são escritos pelo Poder (seja ele político, religioso e econômico). Por isso é preciso "cruzar" vários tipos de informações, relatos e etc. Historiadores importantes como Tzvetan Todorov, por exemplo, partem do conceito de "alteridade", "visão do outro" (que permeia toda a História da Humanidade), para, por exemplo, explicar a Conquista da América e as civilizações pré-colombianas. No campo da História da África (um campo recente), esse conjunto teórico-metodológico é empregado desde o início dos anos 70, e assim por diante...
Uma das minhas funções como professor que faz a ponte entre a pesquisa universitária e o ensino de 2º grau é exatamente discutir com meus colegas tais questões (embora de forma ainda incipiente...)
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Qua Abr 03, 2019 11:31 am

Mauricio Luiz Bertola escreveu:Há toda uma vertente historiográfica crítica que procura resgatar a "História dos Vencidos".

Onde que isso é ensinado como "mainstream"? Onde que se ensina que os ataques de 11 de Setembro serviram como pretexto pra invadir o Iraque e o Afeganistão?

Em que país se ensina na escola primária que figuras como Colombo e Cabral eram invasores?

Onde que se ensina que não há comprovação histórica da existência de Jesus, por exemplo?

Quem que conta que os Portugueses acabaram com os índios Brasileiros com cobertores de doentes?

Que países são esses onde o cidadão médio compreende as circunstâncias que levaram à criação do Estado de Israel?

Porque não estamos falando aqui de "think tanks" revisionistas semi-fechados, estamos?
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 45847
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Abr 03, 2019 2:49 pm

allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:Há toda uma vertente historiográfica crítica que procura resgatar a "História dos Vencidos".

Onde que isso é ensinado como "mainstream"? Onde que se ensina que os ataques de 11 de Setembro serviram como pretexto pra invadir o Iraque e o Afeganistão?

Em que país se ensina na escola primária que figuras como Colombo e Cabral eram invasores?

Onde que se ensina que não há comprovação histórica da existência de Jesus, por exemplo?

Quem que conta que os Portugueses acabaram com os índios Brasileiros com cobertores de doentes?

Que países são esses onde o cidadão médio compreende as circunstâncias que levaram à criação do Estado de Israel?

Porque não estamos falando aqui de "think tanks" revisionistas semi-fechados, estamos?

Você está muito desinformado acerca do ensino de História de 2º grau no Brasil Allex... E do ensino público....
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Qua Abr 03, 2019 2:56 pm

Bolsonaro falsifica a realidade para enganar a população
Do nazismo ao desemprego, presidente adultera fatos para reduzir desgastes


Bruno Boghossian
Folha de S. Paulo, 3.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/bruno-boghossian/2019/04/bolsonaro-falsifica-a-realidade-para-enganar-a-populacao.shtml

Ao contestar números oficiais sobre o desemprego, Jair Bolsonaro conseguiu a façanha de ser desmentido por seu próprio governo. De Israel, o presidente distorceu dados do IBGE para tentar convencer o país de que o mercado de trabalho, na verdade, está bombando. “É uma coisa que não mede a realidade. Parecem índices que são feitos para enganar a população”, disparou.

O instituto havia calculado que o número de brasileiros desocupados subiu para 13,1 milhões em fevereiro. A conta segue padrões internacionais e leva em consideração pessoas que procuram emprego, mas não encontram. Bolsonaro não gostou.

O IBGE precisou divulgar uma nota de cinco parágrafos para explicar sua metodologia. Afirmou que adota regras semelhantes às de outros países e ainda negou a declaração do presidente de que beneficiários do Bolsa Família não são classificados como desempregados.

Bolsonaro produz falsificações que atropelam instituições consolidadas, critérios científicos, a história e o mínimo bom senso. O objetivo é adulterar a realidade a fim de reduzir desgastes e atacar opositores.

Para fustigar seus arquirrivais na política brasileira, o governo agora patrocina o delírio de que o nazismo era um regime de esquerda. O próprio Adolf Hitler deu uma entrevista em 1923 em que dissociava suas ideias do marxismo, mas Bolsonaro disse que “não há dúvida” de que o chanceler era vermelho, já que seu partido era o Nacional Socialista.

Dessa vez, quem desmentiu o presidente foi o vice Hamilton Mourão. “De esquerda é o comunismo. Não resta a mínima dúvida”, declarou.

A lógica estapafúrdia é a mesma que leva Bolsonaro a buscar um revisionismo rasteiro da ditadura militar. Ao argumentar que os fatos são deturpados por seus adversários e até por institutos oficiais, ele tenta moldar a verdade a seu gosto. Assim, nunca estará errado.

O presidente pode até contar suas histórias, mas quem olhar o passado ou as ruas do país verá quem está tentando “enganar a população”.

Bruno Boghossian
Jornalista, foi repórter da Sucursal de Brasília. É mestre em ciência política pela Universidade Columbia (EUA).
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Qua Abr 03, 2019 3:03 pm

Economia definha na desordem política
Indústria vai mal, governo segue sem rumo e Bolsonaro duvida das estatísticas nacionais


Vinicius Torres Freire
Folha de S. Paulo, 3.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/viniciustorres/2019/04/economia-definha-na-desordem-politica.shtml

A indústria não cresce quase nada, soube-se nesta terça-feira (2) pelo IBGE.

No início da semana no Congresso, gente do governo tentava apagar os incêndios criados pelo próprio governo, mas o fazia com baldes d’água e à matroca.

A economia esfria, o que deve azedar os ânimos no país e, por tabela, no Congresso. Ânimos azedos no Congresso pioram o humor econômico.

A confiança de consumidores e empresas regride desde o início do ano. Virou fumaça a esperança que sempre se reaviva na eleição de um presidente.

O resultado da indústria foi ainda pior por causa dos efeitos econômicos da barbaridade de Brumadinho. Mas não convém dourar a pílula com lama assassina. A indústria extrativa (como minério de ferro) é responsável por 11% da produção industrial total. O restante é indústria de transformação.

A indústria de transformação cresceu apenas 0,4% neste primeiro bimestre, em relação aos primeiros dois meses de 2018. Em 12 meses, o crescimento foi de apenas 0,5%. O crescimento previsto para março da indústria em geral é próximo de zero.

O governo ainda apanha no Congresso. Até os líderes da bancada evangélica batem em Jair Bolsonaro.

Há racha no PSL e entre o PSL e o governo. Ouve-se revolta contra vários ministros relevantes e ameaças de aprovar restrição dura da capacidade do governo de baixar medidas provisórias.

O governo inventa mais moda. Debate o tal “pacto federativo”, em tese redistribuição de recursos e deveres entre União, Estados e municípios.

Ou o governo vai frustrar todo o mundo com essa história de divisão de dinheiro (não há dinheiro) ou, se bobear, vai levar um tombo, perder recursos e ficar com um buraco maior nas contas.

É possível. A desordem e a besteira estão grandes.

Lideranças do Congresso dizem que vai passar uma reforma da Previdência, mas sem cortes nos benefícios de idosos (BPC), de trabalhadores rurais e com alívio nas regras de aposentadorias de servidores, afora o veto ao sistema de capitalização e à desconstitucionalização das normas previdenciárias. Para começar.

BOLSONARO ATACA IBGE

Demagogos sinistros e autoritários em geral gostam da ideia ou da prática de falsificar estatísticas econômicas, dentre outras mentiras. No mínimo ou a princípio, assediam quem trabalha para produzir informações confiáveis, por meio das melhores técnicas conhecidas.

A falsificação de estatísticas é um desastre. Pode alterar o valor das coisas, violar a segurança de contratos, abater a confiança econômica. Enfim, é uma violência contra o debate democrático.

Tiranos como os chavistas e demagogos como os Kirchner destruíram o sistema de estatísticas de Venezuela e Argentina. Foi um dos meios pelos quais essa gente depauperou a economia e a vida inteligente de seus países.

Pela segunda vez, Jair Bolsonaro atacou sem fundamento as estatísticas de emprego do IBGE. Há quem se conforte com a ideia de que o presidente nada fez de concreto contra o instituto federal de estatísticas. Não é consolo. Se e quando o fizer, será tarde demais. O prejuízo da perda de credibilidade é imediato e leva anos para ser revertido.

“Ah, isso não vai acontecer.” A gente pode lembrar de fatos improváveis que aconteceram recentemente: pedaladas imensas, déficit público de mais de 10% do PIB (Produto Interno Bruto), tabelamento e manipulação de preços básicos da economia, decretação de mais sigilo sobre documentos de governo etc.


Vinicius Torres Freire
Jornalista, foi secretário de Redação da Folha. É mestre em administração pública pela Universidade Harvard (EUA).
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Qua Abr 03, 2019 3:41 pm

Mauricio Luiz Bertola escreveu:
allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:Há toda uma vertente historiográfica crítica que procura resgatar a "História dos Vencidos".

Onde que isso é ensinado como "mainstream"? Onde que se ensina que os ataques de 11 de Setembro serviram como pretexto pra invadir o Iraque e o Afeganistão?

Em que país se ensina na escola primária que figuras como Colombo e Cabral eram invasores?

Onde que se ensina que não há comprovação histórica da existência de Jesus, por exemplo?

Quem que conta que os Portugueses acabaram com os índios Brasileiros com cobertores de doentes?

Que países são esses onde o cidadão médio compreende as circunstâncias que levaram à criação do Estado de Israel?

Porque não estamos falando aqui de "think tanks" revisionistas semi-fechados, estamos?

Você está muito desinformado acerca do ensino de História de 2º grau no Brasil Allex... E do ensino público....

Verdade em partes... Então é no Brasil que se ensina essas coisas? Porque tenho parentes e amigos em idade escolar e converso bastante com eles. E a grande maioria nunca ouviu falar da civilização Suméria, por exemplo.
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 45847
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Abr 03, 2019 5:36 pm

allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:
allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:Há toda uma vertente historiográfica crítica que procura resgatar a "História dos Vencidos".

Onde que isso é ensinado como "mainstream"? Onde que se ensina que os ataques de 11 de Setembro serviram como pretexto pra invadir o Iraque e o Afeganistão?

Em que país se ensina na escola primária que figuras como Colombo e Cabral eram invasores?

Onde que se ensina que não há comprovação histórica da existência de Jesus, por exemplo?

Quem que conta que os Portugueses acabaram com os índios Brasileiros com cobertores de doentes?

Que países são esses onde o cidadão médio compreende as circunstâncias que levaram à criação do Estado de Israel?

Porque não estamos falando aqui de "think tanks" revisionistas semi-fechados, estamos?

Você está muito desinformado acerca do ensino de História de 2º grau no Brasil Allex... E do ensino público....

Verdade em partes... Então é no Brasil que se ensina essas coisas? Porque tenho parentes e amigos em idade escolar e converso bastante com eles. E a grande maioria nunca ouviu falar da civilização Suméria, por exemplo.

Esse é um problema que você, como parente, e os pais dessas crianças, que deveriam ir lá participar, perguntar, exigir, etc...
Escola é ambiente para TODA a família. Mas, se a família não participa, ou se é mais "analfabeta" que as próprias crianças e adolescentes (óbvio que não é o caso da sua!), acha que escola é mero depósito... Aí a coisa fica feia...
Outros pensam que escola é "puxadinho" das crenças religiosas deles... NÃO É!
Pode-se discutir conteúdos, se estudar à fundo os Sumérios, é ou não relevante para, por exemplo, alunos de 7ª série... Mas esse conteúdo (História da Antiguidade - e a relação deles com os dias de hoje), faz parte do currículo escolar, tanto público quanto privado... Assim como TUDO o que você citou acima...
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qua Abr 03, 2019 5:44 pm

Ano passado, na Escola Pública em que leciono (a mais de 21 anos!) História e Filosofia, propus uma atividade para a 2ª série do 2º grau, de pesquisa, de valorização da contribuição africana para a Sociedade e em todos os sentidos. Fiz isso pois ministrei na Universidade a disciplina de História da África Pré-Colonial e Contemporânea, e estou à par das mais recentes pesquisas e métodos nesse campo da História (que, aliás é bem recente, mesmo na Europa).
Resultado: A atividade tornou-se "institucional" da Escola (que, aliás é profissionalizante: Formação de Professores, antigo Curso Normal). Foram convidados palestrantes da comunidade, da UFF, eu mesmo, artistas e etc....
Eu ganhei dinheiro com isso? Não! Ganhei a certeza do dever cumprido, de ter contribuído um pouquinho para esse país...
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NETOULTRA em Qua Abr 03, 2019 5:48 pm

Mauricio Luiz Bertola escreveu:
allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:
allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:Há toda uma vertente historiográfica crítica que procura resgatar a "História dos Vencidos".

Onde que isso é ensinado como "mainstream"? Onde que se ensina que os ataques de 11 de Setembro serviram como pretexto pra invadir o Iraque e o Afeganistão?

Em que país se ensina na escola primária que figuras como Colombo e Cabral eram invasores?

Onde que se ensina que não há comprovação histórica da existência de Jesus, por exemplo?

Quem que conta que os Portugueses acabaram com os índios Brasileiros com cobertores de doentes?

Que países são esses onde o cidadão médio compreende as circunstâncias que levaram à criação do Estado de Israel?

Porque não estamos falando aqui de "think tanks" revisionistas semi-fechados, estamos?

Você está muito desinformado acerca do ensino de História de 2º grau no Brasil Allex... E do ensino público....

Verdade em partes... Então é no Brasil que se ensina essas coisas? Porque tenho parentes e amigos em idade escolar e converso bastante com eles. E a grande maioria nunca ouviu falar da civilização Suméria, por exemplo.

Esse é um problema que você, como parente, e os pais dessas crianças, que deveriam ir lá participar, perguntar, exigir, etc...
Escola é ambiente para TODA a família. Mas, se a família não participa, ou se é mais "analfabeta" que as próprias crianças e adolescentes (óbvio que não é o caso da sua!), acha que escola é mero depósito... Aí a coisa fica feia...
Outros pensam que escola é "puxadinho" das crenças religiosas deles... NÃO É!
Pode-se discutir conteúdos, se estudar à fundo os Sumérios, é ou não relevante para, por exemplo, alunos de 7ª série... Mas esse conteúdo (História da Antiguidade - e a relação deles com os dias de hoje), faz parte do currículo escolar, tanto público quanto privado... Assim como TUDO o que você citou acima...

Não é deboche não Bertola, de verdade... Mas as vezes acho q vivo em outro país. Vou falar de escola pública, tenho 2 sobrinhos q saíram de escolas particulares para o ensino público... Na boa ir na escola conversar e exigir? O diretor ou professor vai rir da cara e ainda ficar de marcação com eles, exigir o q numa escola onde falta tudo inclusive papel higiênico, onde quase todo dia tem porrada entre alunos... Mas enfim, talvez aqui seja diferente...

NETOULTRA
Membro

Mensagens : 4428
Localização : Belém - Made in Ceará

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Qui Abr 04, 2019 12:28 am

Mauricio Luiz Bertola escreveu:

(.....)

Esse é um problema que você, como parente, e os pais dessas crianças, que deveriam ir lá participar, perguntar, exigir, etc...
Escola é ambiente para TODA a família. Mas, se a família não participa, ou se é mais "analfabeta" que as próprias crianças e adolescentes (óbvio que não é o caso da sua!), acha que escola é mero depósito... Aí a coisa fica feia...
Outros pensam que escola é "puxadinho" das crenças religiosas deles... NÃO É!
Pode-se discutir conteúdos, se estudar à fundo os Sumérios, é ou não relevante para, por exemplo, alunos de 7ª série... Mas esse conteúdo (História da Antiguidade - e a relação deles com os dias de hoje), faz parte do currículo escolar, tanto público quanto privado... Assim como TUDO o que você citou acima...

Concordo. Fui professor de 2o. grau durante quase uma década, em Escola Técnica, inclusive chegando à função de coordenador do curso. A despeito de minhas matérias serem de outra área (Exatas), tinha (e tenho até hoje) muito contato com os demais professores e posso afirmar que sempre buscamos seguir esta orientação, e posso tb dizer que os professores, sejam de escolas públicas ou privadas, via de regra, sabem bem "o que" e "como" fazer. A diferença entre as citadas escolas públicas e privadas não será, a princípio, de conteúdo a mais destas em relação àquelas, mas de recursos (para os alunos e para os professores), naturalmente.

Mas do que os professores realmente NÃO PRECISAM é disso aqui:

Escola de Guarulhos (SP) distribui apostila com imagem de Bolsonaro e Michelle na capa
ISTOÉ - 03/04/2019

Professores da Escola Municipal Sophia Fantazzini Cecchinato, em Guarulhos (SP), receberam apostilas com a imagem do presidente Jair Bolsonaro (PSL) e da primeira-dama Michelle Bolsonaro. A apostila, usada para o planejamento das aulas durante o ano letivo, ainda tem o logo oficial da Prefeitura de Guarulhos. O caso acontece no mês passado. O uso de imagem de políticos em um material de ensino oficial é inconstitucional, ferindo o princípio da impessoalidade. O artigo 37 da Constituição de 1988 proíbe que símbolos, nomes ou imagens que possam ser entendidos como promoção pessoal ou partidária.
https://www.msn.com/pt-br/noticias/educacao/escola-de-guarulhos-sp-distribui-apostila-com-imagem-de-bolsonaro-e-michelle-na-capa/ar-BBVzOlX?ocid=spartandhp

Vélez quer alterar livros didáticos para "resgatar visão" sobre golpe
VALOR ECONÔMICO - 03/04/2019

Ao se referir sobre o golpe de 1964, que impôs a ditadura militar no Brasil, o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, disse que "haverá mudanças progressivas" nos livros didáticos para que "as crianças possam ter a ideia verídica, real", do que foi a sua história.
https://www.valor.com.br/politica/6195975/velez-quer-alterar-livros-didaticos-para-resgatar-visao-sobre-golpe
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 511
Localização : Banânia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NeyBass em Qui Abr 04, 2019 9:21 am

NETOULTRA escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:
allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:
allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:Há toda uma vertente historiográfica crítica que procura resgatar a "História dos Vencidos".

Onde que isso é ensinado como "mainstream"? Onde que se ensina que os ataques de 11 de Setembro serviram como pretexto pra invadir o Iraque e o Afeganistão?

Em que país se ensina na escola primária que figuras como Colombo e Cabral eram invasores?

Onde que se ensina que não há comprovação histórica da existência de Jesus, por exemplo?

Quem que conta que os Portugueses acabaram com os índios Brasileiros com cobertores de doentes?

Que países são esses onde o cidadão médio compreende as circunstâncias que levaram à criação do Estado de Israel?

Porque não estamos falando aqui de "think tanks" revisionistas semi-fechados, estamos?

Você está muito desinformado acerca do ensino de História de 2º grau no Brasil Allex... E do ensino público....


Verdade em partes... Então é no Brasil que se ensina essas coisas? Porque tenho parentes e amigos em idade escolar e converso bastante com eles. E a grande maioria nunca ouviu falar da civilização Suméria, por exemplo.

Esse é um problema que você, como parente, e os pais dessas crianças, que deveriam ir lá participar, perguntar, exigir, etc...
Escola é ambiente para TODA a família. Mas, se a família não participa, ou se é mais "analfabeta" que as próprias crianças e adolescentes (óbvio que não é o caso da sua!), acha que escola é mero depósito... Aí a coisa fica feia...
Outros pensam que escola é "puxadinho" das crenças religiosas deles... NÃO É!
Pode-se discutir conteúdos, se estudar à fundo os Sumérios, é ou não relevante para, por exemplo, alunos de 7ª série... Mas esse conteúdo (História da Antiguidade - e a relação deles com os dias de hoje), faz parte do currículo escolar, tanto público quanto privado... Assim como TUDO o que você citou acima...

Não é deboche não Bertola, de verdade... Mas as vezes acho q vivo em outro país. Vou falar de escola pública, tenho 2 sobrinhos q saíram de escolas particulares para o ensino público... Na boa ir na escola conversar e exigir? O diretor ou professor vai rir da cara e ainda ficar de marcação com eles, exigir o q numa escola onde falta tudo inclusive papel higiênico, onde quase todo dia tem porrada entre alunos... Mas enfim, talvez aqui seja diferente...

Sem falar que atualmente, os conteúdos a serem ministrados nas disciplinas, já vêem prontos, os professores apenas seguem uma relação de temas pré-definidos. Um professor bem informado e que ame a profissão, pode fazer um estudo extra-classe fora desses temas, mas a maioria mal cumprem o exigido.
Quando vc entra no diário de classe de um professor para avaliar um aluno, la vc já encontra os temas e as opções de como o aluno se saiu em tal tema.
Nossa educação, infelizmente....
Sem falar também que as vezes o professor pode até ter uma idéias legais, mas quem acompanha escola de ensino fundamental, principalmente do 6º ao 9º ano, sabe a dificuldade que é conseguir ministrar uma aula decente nessas turmas, se eles conseguirem passar para os alunos os que está pré-definido, "já está de bom tamanho".
NeyBass
NeyBass
Membro

Mensagens : 4068
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por allexcosta em Qui Abr 04, 2019 10:01 am

Mauricio Luiz Bertola escreveu:Esse é um problema que você, como parente, e os pais dessas crianças, que deveriam ir lá participar, perguntar, exigir, etc...
Escola é ambiente para TODA a família. Mas, se a família não participa, ou se é mais "analfabeta" que as próprias crianças e adolescentes (óbvio que não é o caso da sua!), acha que escola é mero depósito... Aí a coisa fica feia...
Outros pensam que escola é "puxadinho" das crenças religiosas deles... NÃO É!
Pode-se discutir conteúdos, se estudar à fundo os Sumérios, é ou não relevante para, por exemplo, alunos de 7ª série... Mas esse conteúdo (História da Antiguidade - e a relação deles com os dias de hoje), faz parte do currículo escolar, tanto público quanto privado... Assim como TUDO o que você citou acima...

Mauricio Luiz Bertola escreveu:Ano passado, na Escola Pública em que leciono (a mais de 21 anos!) História e Filosofia, propus uma atividade para a 2ª série do 2º grau, de pesquisa, de valorização da contribuição africana para a Sociedade e em todos os sentidos. Fiz isso pois ministrei na Universidade a disciplina de  História da África Pré-Colonial e Contemporânea, e estou à par das mais recentes pesquisas e métodos nesse campo da História (que, aliás é bem recente, mesmo na Europa).
Resultado: A atividade tornou-se "institucional" da Escola (que, aliás é profissionalizante: Formação de Professores, antigo Curso Normal). Foram convidados palestrantes da comunidade, da UFF, eu mesmo, artistas e etc....
Eu ganhei dinheiro com isso? Não! Ganhei a certeza do dever cumprido, de ter contribuído um pouquinho para esse país...

Assim, sei lá... Sei nem o que responder.
allexcosta
allexcosta
Administrador

Mensagens : 45847
Localização : Terra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Qui Abr 04, 2019 2:55 pm

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 2122-FBE1-9271-47-E5-9876-013-AEB245-C07
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por JAZZigo em Qui Abr 04, 2019 4:50 pm

Partidos alemães atacam Bolsonaro por comentários sobre origem do nazismo

Para deputada do partido que faz parte da aliança no poder, Bolsonaro usa "estratégia de mentiras". Já o partido Die Linke chama o brasileiro de fascista.


Jamil Chade
UOL, 04/04/2019 11h53

Vide: http://jamilchade.blogosfera.uol.com.br/2019/04/04/partidos-alemaes-atacam-bolsonaro-por-comentarios-sobre-origem-do-nazismo/
JAZZigo
JAZZigo
Membro

Mensagens : 12560
Localização : Asa Norte, Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qui Abr 04, 2019 5:15 pm

NeyBass escreveu:
NETOULTRA escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:
allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:
allexcosta escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:Há toda uma vertente historiográfica crítica que procura resgatar a "História dos Vencidos".

Onde que isso é ensinado como "mainstream"? Onde que se ensina que os ataques de 11 de Setembro serviram como pretexto pra invadir o Iraque e o Afeganistão?

Em que país se ensina na escola primária que figuras como Colombo e Cabral eram invasores?

Onde que se ensina que não há comprovação histórica da existência de Jesus, por exemplo?

Quem que conta que os Portugueses acabaram com os índios Brasileiros com cobertores de doentes?

Que países são esses onde o cidadão médio compreende as circunstâncias que levaram à criação do Estado de Israel?

Porque não estamos falando aqui de "think tanks" revisionistas semi-fechados, estamos?

Você está muito desinformado acerca do ensino de História de 2º grau no Brasil Allex... E do ensino público....


Verdade em partes... Então é no Brasil que se ensina essas coisas? Porque tenho parentes e amigos em idade escolar e converso bastante com eles. E a grande maioria nunca ouviu falar da civilização Suméria, por exemplo.

Esse é um problema que você, como parente, e os pais dessas crianças, que deveriam ir lá participar, perguntar, exigir, etc...
Escola é ambiente para TODA a família. Mas, se a família não participa, ou se é mais "analfabeta" que as próprias crianças e adolescentes (óbvio que não é o caso da sua!), acha que escola é mero depósito... Aí a coisa fica feia...
Outros pensam que escola é "puxadinho" das crenças religiosas deles... NÃO É!
Pode-se discutir conteúdos, se estudar à fundo os Sumérios, é ou não relevante para, por exemplo, alunos de 7ª série... Mas esse conteúdo (História da Antiguidade - e a relação deles com os dias de hoje), faz parte do currículo escolar, tanto público quanto privado... Assim como TUDO o que você citou acima...

Não é deboche não Bertola, de verdade... Mas as vezes acho q vivo em outro país. Vou falar de escola pública, tenho 2 sobrinhos q saíram de escolas particulares para o ensino público... Na boa ir na escola conversar e exigir? O diretor ou professor vai rir da cara e ainda ficar de marcação com eles, exigir o q numa escola onde falta tudo inclusive papel higiênico, onde quase todo dia tem porrada entre alunos... Mas enfim, talvez aqui seja diferente...

Sem falar que atualmente, os conteúdos a serem ministrados nas disciplinas, já vêem prontos, os professores apenas seguem uma relação de temas pré-definidos. Um professor bem informado e que ame a profissão, pode fazer um estudo extra-classe fora desses temas, mas a maioria mal cumprem o exigido.
Quando vc entra no diário de classe de um professor para avaliar um aluno, la vc já encontra os temas e as opções de como o aluno se saiu em tal tema.
Nossa educação, infelizmente....
Sem falar também que as vezes o professor pode até ter uma idéias legais, mas quem acompanha escola de ensino fundamental, principalmente do 6º ao 9º ano, sabe a dificuldade que é conseguir ministrar uma aula decente nessas turmas, se eles conseguirem passar para os alunos os que está pré-definido, "já está de bom tamanho".

Educação de 1º grau é MUITO difícil.
Eu não trabalho com esse segmento (já trabalhei com isso tempos atrás), e, meus colegas que trabalham com esse segmento sempre dão conta dessas dificuldades.
Escola é uma instância social como outra qualquer, e reflete as condições sociais brasileiras, e nada pode ser analisado sem essa relação.
Mas é impressionante como mais de meio século de descaso com a educação nesse país (para ser bem conservador...), de desvalorização de seus profissionais, fizeram inclusive esse estrago: Os pais e familiares não participam do processo educativo, não consideram educação prioritária e encaram a Escola como uma espécia de "mal menor", ou "coisa que tem que fazer" e que serve para seus filhos ficarem lá...
Isso tem que mudar...
O interessante é que na semana retrasada, depois daquele triste caso de Suzano, um aluno da escola em que trabalho ameaçou (em redes sociais) invadir a escola e matar alguns alunos e colocar uma bomba em um shopping aqui de Niterói. O pânico instaurou-se entre a comunidade escolar e a escola ficou vazia... A policia agiu com presteza e o moleque foi preso (sob a denúncia da Direção). Semana passada a Direção convocou uma reunião geral com os pais para falar do assunto: 1/3 não compareceu...
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Coder em Qui Abr 04, 2019 5:48 pm

^ 1/3 ainda é pouco. A maioria não deve ter pai e a mãe trabalha o dia todo... Na visão deles, essas reuniões são perda de tempo. Cuidar da casa e aproveitar o pouco tempo livre é mais importante.
Coder
Coder
Membro

Mensagens : 3710
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Qui Abr 04, 2019 6:13 pm

Coder escreveu:^ 1/3 ainda é pouco. A maioria não deve ter pai e a mãe trabalha o dia todo... Na visão deles, essas reuniões são perda de tempo. Cuidar da casa e aproveitar o pouco tempo livre é mais importante.
Coder, repara só... Sempre temos reuniões com pais na escola.
Vão 4 ou 5 famílias!
Esse caso foi uma exceção! Por conta de um aluno desequilibrado que ameaçou entrar armado na escola e matar...
Mas isso que vc observou acontece mesmo... As pessoas trabalham, e muito! Tem pouco tempo para cuidar de filhos... Como eu disse acima, a escola é uma instância social, submetida à essa Realidade. Nós trabalhamos com isso o tempo todo...
E sim, uma parte do professorado pouco faz "fora da receita". Ou porque a formação foi ruim, ou por conta dos INÚMEROS desestímulos. Te pergunto: Esse papel (de cobrança) também não caberia aos pais?
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por rodlburigo em Qui Abr 04, 2019 6:55 pm

Bom, ouvi uma vez que a educação não é direito de todos e sim um dever de todos e, por isso, estamos confundindo isso.
Os pais acham que é dever único do estado prover e usam a escola como depósito de crianças. Concordo com essa colocação.
Não é a verdade de todos, mas se aplica a grande parte da sociedade. Pelo menos, da parte que conheço.
rodlburigo
rodlburigo
Membro

Mensagens : 111
Localização : Florianópolis

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Qui Abr 04, 2019 11:46 pm

Mauricio Luiz Bertola escreveu:

(.....)

Educação de 1º grau é MUITO difícil.
Eu não trabalho com esse segmento (já trabalhei com isso tempos atrás), e, meus colegas que trabalham com esse segmento sempre dão conta dessas dificuldades.
Escola é uma instância social como outra qualquer, e reflete as condições sociais brasileiras, e nada pode ser analisado sem essa relação.
Mas é impressionante como mais de meio século de descaso com a educação nesse país (para ser bem conservador...), de desvalorização de seus profissionais, fizeram inclusive esse estrago: Os pais e familiares não participam do processo educativo, não consideram educação prioritária e encaram a Escola como uma espécia de "mal menor", ou "coisa que tem que fazer" e que serve para seus filhos ficarem lá...
Isso tem que mudar...
O interessante é que na semana retrasada, depois daquele triste caso de Suzano, um aluno da escola em que trabalho ameaçou (em redes sociais) invadir a escola e matar alguns alunos e colocar uma bomba em um shopping aqui de Niterói. O pânico instaurou-se entre a comunidade escolar e a escola ficou vazia... A policia agiu com presteza e o moleque foi preso (sob a denúncia da Direção). Semana passada a Direção convocou uma reunião geral com os pais para falar do assunto: 1/3 não compareceu...

Apenas minha opinião: 64 trouxe tb este retrocesso (mais este), incentivando (muito) o modelo tecnicista (lei no. 5.692/71) e praticamente sepultando iniciativas como a da "Escola Nova", a pedagogia "progressista libertadora" do Gilberto Freire, etc. Estes queriam fazer o aluno pensar socialmente, queriam a participação das famílias e da sociedade no processo, em oposição ao modelo de quase exclusiva utilidade para os grupos econômicos (basicamente, formação de mão-de-obra). E, lamentavelmente, o que se vê, hoje, é o resultado desta política. E, ainda pior, pelo "andar da carruagem", com este grupo de "notáveis" escalado para o MEC pelo nosso ilustre mandatário, a tendência é regredirmos mais 50 anos (com sorte...).
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 511
Localização : Banânia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por NeyBass em Sex Abr 05, 2019 9:55 am

Mauricio Luiz Bertola escreveu:
Coder escreveu:^ 1/3 ainda é pouco. A maioria não deve ter pai e a mãe trabalha o dia todo... Na visão deles, essas reuniões são perda de tempo. Cuidar da casa e aproveitar o pouco tempo livre é mais importante.
Coder, repara só... Sempre temos reuniões com pais na escola.
Vão 4 ou 5 famílias!
Esse caso foi uma exceção! Por conta de um aluno desequilibrado que ameaçou entrar armado na escola e matar...
Mas isso que vc observou acontece mesmo... As pessoas trabalham, e muito! Tem pouco tempo para cuidar de filhos... Como eu disse acima, a escola é uma instância social, submetida à essa Realidade. Nós trabalhamos com isso o tempo todo...
E sim, uma parte do professorado pouco faz "fora da receita". Ou porque a formação foi ruim, ou por conta dos INÚMEROS desestímulos. Te pergunto: Esse papel (de cobrança) também não caberia aos pais?

Aqui, até que os pais comparecem, não todos, mas 50% ou mais comparece.
Cara, acho que os pais andam muito relaxados, usam a escola como um lugar onde filho fica enquanto os pais trabalham, ou o lugar para os filhos irem e deixar os pais em paz em casa, pq a maioria não aguenta os próprios filhos.

Uma situação que acho que pesa, aqui na escola, de cada 10 matrículas que fazemos, 8 o filho mora só com a mãe, desses 8, 4 em situação precária. Outro dia uma mãe chorou aqui sentada na minha frente, o vagabundo do marido abandonou a mulher que 3 crianças pequenas, ela estava desempregada, sem energia, comendo arroz puro há duas semanas com as crianças.
Não são poucas as vezes que ajudamos esse tipo de mãe, com alimentos, roupas, material escolar.

Tem criança que vem para a escola e antes do horário do intervalo (recreio) a professora tem que levar a criança para lanchar, pq as vezes não se alimenta em casa, por N motivos.

Eu acompanho o dia a dia dessas crianças, e escuto cada coisa delas, que é absurdo. Muitas crianças já crescem com a mente toda bagunçada.

Acho que falta muito dos pais (cuidado, carinho, proteção). Na escola, só reflete o que essas crianças passam em casa ou na rua.
NeyBass
NeyBass
Membro

Mensagens : 4068
Localização : MT

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Sex Abr 05, 2019 12:00 pm

JAZZigo escreveu:Economia definha na desordem política
Indústria vai mal, governo segue sem rumo e Bolsonaro duvida das estatísticas nacionais


Vinicius Torres Freire
Folha de S. Paulo, 3.abr.2019 às 2h00
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/viniciustorres/2019/04/economia-definha-na-desordem-politica.shtml


(.......)

Vinicius Torres Freire
Jornalista, foi secretário de Redação da Folha. É mestre em administração pública pela Universidade Harvard (EUA).

Ainda sobre a Reforma da Previdência, mas pertinente a este tema aí acima... Sugiro assistir a esse vídeo do Eduardo Moreira. Há tb um trecho onde ele cita quem realmente será mais penalizado com esta reforma, e isto tem muito a ver com a matéria da Folha aí acima, já que, muito provavelmente, esta reforma, se aprovada como está, causará profundos danos na economia de milhares de municípios, devido ao acentuado recolhimento dos valores monetários das populações locais.
Importante tb citar que não se é (via de regra, naturalmente) contra a reforma, apenas que se discuta melhor de quem deve ser mais (ou menos) cobrado... Alguns comentaristas (Miriam Leitão, C.A.Sardenberg, Reinaldo Azevedo, por exemplo), percebo, sempre voltam à ladainha de dizer que partidos A, B e C são "sempre" contra a reforma, não querem cortar privilégios, etc. Isso não procede (não desta forma).

Entenda porque a historia de combater privilégios do governo não se sustenta. (Repostando)

Eduardo Moreira - Publicado em 4 de abr de 2019
https://www.youtube.com/watch?v=fhnHUSgaN2c

peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 511
Localização : Banânia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por BLZENI em Sex Abr 05, 2019 5:00 pm

Meu setor de trabalho é um dos primeiros a sentirem o golpe no caso de crise ou melhora (construção civil)
posso dizer que, após as eleições, e principalmente neste inicio de ano, que meu setor está a mil. passei mais propostas comerciais de trabalho nestes 3 primeiros meses do que em todo o ano de 2016. graças a deus, cheguei a um ponto que estou recusando serviço. não sei em que mundo voces vivem (a maioria deve mamar tetas do funcionalismo publico), mas o que tenho visto e vivido no governo bolsonaro é exatamente o contrário do que 99% dos que postam aqui querem enfiar goela abaixo de todos como se fosse a verdade absoluta.
estamos vendo que a grande maioria da midia está tentando esfolar o cara, e a patota daqui vai no mesmo barco, pelas causas ditas acima.
Eu mesmo ja dei emprego a 8 novos funcionarios este ano.... não, não é o que leio, não é o que me tentam me enfiar goela abaixo... é o que tenho vivido neste inicio de ano.
BLZENI
BLZENI
Membro

Mensagens : 241
Localização : Curitiba-PR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Coder em Sex Abr 05, 2019 5:12 pm

^ O mesmo acontece no setor portuário onde eu trabalho. As demandas nesses últimos meses quase que dobraram. Ultimamente estou pensando em terceirizar alguém para dar conta de entregar os projetos no prazo. Em 2015, quando aquela tranqueira da Dilma estava no poder, as operações diminuíram tanto que cheguei a ver grupos, centenas de pessoas sendo dispensadas de uma vez só.
Coder
Coder
Membro

Mensagens : 3710
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por BLZENI em Sex Abr 05, 2019 5:13 pm

Na boa. vão tentar produzir algo, empregar alguém, abrir uma empresa e levar toda a carga tributária e trabalhista nas costas, pagar salarios bem pagos em dia.
quando a preocupaçao é pelo que o presidente fala e se expressa, e não pelos seus atos de governo e perspectiva futura, voce ve que a crítica é tão e somente por causa de não gostar do cidadão, e do medo de (talvez) perder a mamata , que foi criada e aparelhada pelo estado com o intuito de perpetuar os ganhos cada vez maiores, da classe politica e do funcionalismo, sempre em detrimento do setor produtivo, que é o que leva este país nas costas. Brasil, o Hobin Hood as avessas, onde o sistema tira do pobre para dar ao rico.
BLZENI
BLZENI
Membro

Mensagens : 241
Localização : Curitiba-PR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por BLZENI em Sex Abr 05, 2019 5:16 pm

não vim a este topico com o intuito de defender ou apedrejar alguem de graça, como quase todos estão fazendo aqui. vim apenas expressar o que tenho visto neste inicio de governo (por incrivel que pareça, alguem vai dizer que não é assim e blablabla, e me chamar de fascista)
BLZENI
BLZENI
Membro

Mensagens : 241
Localização : Curitiba-PR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Mauricio Luiz Bertola em Sex Abr 05, 2019 5:27 pm

NeyBass escreveu:
Mauricio Luiz Bertola escreveu:
Coder escreveu:^ 1/3 ainda é pouco. A maioria não deve ter pai e a mãe trabalha o dia todo... Na visão deles, essas reuniões são perda de tempo. Cuidar da casa e aproveitar o pouco tempo livre é mais importante.
Coder, repara só... Sempre temos reuniões com pais na escola.
Vão 4 ou 5 famílias!
Esse caso foi uma exceção! Por conta de um aluno desequilibrado que ameaçou entrar armado na escola e matar...
Mas isso que vc observou acontece mesmo... As pessoas trabalham, e muito! Tem pouco tempo para cuidar de filhos... Como eu disse acima, a escola é uma instância social, submetida à essa Realidade. Nós trabalhamos com isso o tempo todo...
E sim, uma parte do professorado pouco faz "fora da receita". Ou porque a formação foi ruim, ou por conta dos INÚMEROS desestímulos. Te pergunto: Esse papel (de cobrança) também não caberia aos pais?

Aqui, até que os pais comparecem, não todos, mas 50% ou mais comparece.
Cara, acho que os pais andam muito relaxados, usam a escola como um lugar onde filho fica enquanto os pais trabalham, ou o lugar para os filhos irem e deixar os pais em paz em casa, pq a maioria não aguenta os próprios filhos.

Uma situação que acho que pesa, aqui na escola, de cada 10 matrículas que fazemos, 8 o filho mora só com a mãe, desses 8, 4 em situação precária. Outro dia uma mãe chorou aqui sentada na minha frente, o vagabundo do marido abandonou a mulher que 3 crianças pequenas, ela estava desempregada, sem energia, comendo arroz puro há duas semanas com as crianças.
Não são poucas as vezes que ajudamos esse tipo de mãe, com alimentos, roupas, material escolar.

Tem criança que vem para a escola e antes do horário do intervalo (recreio) a professora tem que levar a criança para lanchar, pq as vezes não se alimenta em casa, por N motivos.

Eu acompanho o dia a dia dessas crianças, e escuto cada coisa delas, que é absurdo. Muitas crianças já crescem com a mente toda bagunçada.

Acho que falta muito dos pais (cuidado, carinho, proteção). Na escola, só reflete o que essas crianças passam em casa ou na rua.

Concordo cara... Passamos por isso aqui também... E olha que a Escola estadual em que trabalho é das mais tradicionais do pais ( existe desde 1835!!!), é a mais antiga das Américas em seu gênero (Formação de Professores) e é no centro e não numa área periférica de Niterói, mas atende crianças e jovens dos morros "do Estado" e "do Palácio"
Mauricio Luiz Bertola
Mauricio Luiz Bertola
FCBR-CT
FCBR-CT

Mensagens : 14079
Localização : Niterói, RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Rico em Sex Abr 05, 2019 7:42 pm

Eu queria saber quais das ações que o asno adotou foram preponderantes pro reaquecimento do mercado.


Qualquer mercado...

As pessoas chegam aqui mandando os outros administrarem empresas, como se somente elas fizessem isso.

O centro do RJ, por exemplo, é uma cidade fantasma. Centenas de lojas fechadas, desemprego... Tenho amigos da construção civil com cv de dar inveja!  FGV e o cacete a quatro. Tudo desempregado.

Enquanto isso, Bozonaro conversa pelas mídias sociais (porque sem repórter é mais fácil) e ainda passa vergonha!

Isso pra não falar da equipe... Conge, tchutchuca, Dadá da Goiabeira e por aí vai....

Honestamente, nós somos acusados de má vontade com o crápula, mas alguns aqui são extremamente benevolentes com alguém que se estivesse no setor privado, já teria sido demitido por incompetência!

Queria ver quem aqui aguentaria o Bozo como gestor por mais de uma semana! Justo vocês, que reclamam da dificuldade em gerir uma empresa...

A eleição acabou! Parem de defender voto!!!
Rico
Rico
Membro

Mensagens : 3639
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por peter.forc em Sex Abr 05, 2019 9:12 pm

Rico escreveu:Eu queria saber quais das ações que o asno adotou foram preponderantes pro reaquecimento do mercado.


Qualquer mercado...

As pessoas chegam aqui mandando os outros administrarem empresas, como se somente elas fizessem isso.

O centro do RJ, por exemplo, é uma cidade fantasma. Centenas de lojas fechadas, desemprego... Tenho amigos da construção civil com cv de dar inveja!  FGV e o cacete a quatro. Tudo desempregado.

Enquanto isso, Bozonaro conversa pelas mídias sociais (porque sem repórter é mais fácil) e ainda passa vergonha!

Isso pra não falar da equipe... Conge, tchutchuca, Dadá da Goiabeira e por aí vai....

Honestamente, nós somos acusados de má vontade com o crápula, mas alguns aqui são extremamente benevolentes com alguém que se estivesse no setor privado, já teria sido demitido por incompetência!

Queria ver quem aqui aguentaria o Bozo como gestor por mais de uma semana! Justo vocês, que reclamam da dificuldade em gerir uma empresa...

A eleição acabou! Parem de defender voto!!!

Para ser franco, preciso dizer que concordo com o que nosso ilustre mandatário disse hoje:

O presidente Jair Bolsonaro fez uma espécie de desabafo e um 'mea culpa' diante das dificuldades que o cargo impõe. "Desculpem as caneladas. Não nasci para ser presidente, nasci para ser militar", disse em discurso no Palácio do Planalto,
https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2019/04/05/bolsonaro-desculpem-as-caneladas-nao-nasci-para-ser-presidente-e-sim-militar.htm

De fato, acreditamos que ele não nasceu para isso... Apenas acho, no entanto, que deveria ter dito isso lá atrás, há uns 6 meses...
E tenho tb algumas restrições e dúvidas quando afirma que "nasceu para ser militar", já que foi "aposentado sumariamente"... Talvez tenha sido por isso que virou um "mito", né !?
peter.forc
peter.forc
Membro

Mensagens : 511
Localização : Banânia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo - Página 9 Empty Re: Já Somos um País Fascista - por Dodô Azevedo

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 20 Anterior  1 ... 6 ... 8, 9, 10 ... 14 ... 20  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum